A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Número necessário para causar danos NNH Os benefícios das intervenções terapêuticas sejam elas farmacológicas,cirúrgicas,psicológicas,etc.. São habitualmente.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Número necessário para causar danos NNH Os benefícios das intervenções terapêuticas sejam elas farmacológicas,cirúrgicas,psicológicas,etc.. São habitualmente."— Transcrição da apresentação:

1 Número necessário para causar danos NNH Os benefícios das intervenções terapêuticas sejam elas farmacológicas,cirúrgicas,psicológicas,etc.. São habitualmente definidos em ensaios clínicos. O desenho dos ensaios clínicos que testam intervenções farmacológicas envolve a definição de um grupo controle( placebo ou substância ativa),que se vai comparar a um ou mais grupos experimentais ( substâncias ativas ).A definição dos benefícios ou danos encontrados é obtida pelas medidas de associação,que habitualmente incluem a redução do risco relativo[RRR], a redução do risco absoluto[RRA], e o número necessário tratar [NNT] e também o número necessário para causar danos [NNH / NND] Eduardo S. Ponce Maranhão-médico,clínica médica[MSF]-MS,medicina social,epidemiologista,sanitarista-Dpto de epidemiologia e métodos quantitativos em saúde- Ensp- Fiocruz 2011 F.JPMar

2 Número necessário para causar danos[NNH / NND]-1 O número necessário para causar dano (NND) é um medida epidemiológica que indica quantas pessoas[pacientes] precisam ser expostas a um fator de risco ao longo de um período específico para causar danos em um paciente que não teria tido dano[não teria sido lesado] (número de pessoas que você esperaria ao tratar e obter um resultado ruim). [1] Ele é definido como o inverso do risco atribuível. Intuitivamente, quanto menor o número necessário para causar danos, pior o fator de risco.fator de risco [1]risco atribuívelfator de risco NND é semelhante ao número necessário para tratar (NNT), onde NNT geralmente se refere a uma intervenção terapêutica e NND a um efeito prejudicial ou fator de risco.. NND é calculado em relação à "exposição" e "não-expostos", e pode ser determinado por dados brutos ou dados corrigidos para variáveis de confusão.número necessário para tratar variáveis de confusão Um endpointdefinido tem que ser especificado. Se as probabilidades de exposição P e não-exposição deste parâmetro são conhecidos, então o NND é calculado como 1 / (exposição p - p não-exposição). ESPMprobabilidades

3 Número necessário para causar danos[NNH / NND]-2 O NND é uma medida importante na medicina baseada em evidências e ajuda os médicos a decidir se é prudente proceder a um tratamento especial que pode expor o paciente a danos, proporcionando benefícios terapêuticos.medicina baseada em evidências Se um desfecho clínico é devastador o suficiente sem a droga (por exemplo, a morte, ataque cardíaco ), as drogas com um NND baixas podem ainda ser indicadas em situações particulares, se o número necessário para tratar (o inverso de efeitos colaterais, ou droga beneficiar o) é menor do que o NND.a morteataque cardíaconúmero necessário para tratarefeitos colaterais ESPM

4 Número necessário para causar danos[NNH / NND]-3 Exemplo de cálculo do número necessário para causar danos. Em um estudo de coorte, os indivíduos com exposição a um fator de risco (exposição +) são seguidos por um determinado número de anos para ver se eles desenvolvem uma determinada doença ou resultado (Doença +).estudo de coorte Um grupo controle de indivíduos que não estão expostos ao fator de risco (exposição -) são seguidos também. "Follow up time" [Siga o tempo] é o número de indivíduos em cada grupo, multiplicado pelo número de anos que cada indivíduo é seguido: OBS:"Anos seguidos" é uma média ponderada do período de tempo de seguimento dos pacientes.média ponderada ESPM

5 Exemplo de cálculo do número necessário p/ causar dano DoençaTotal de indivíduos seguidos Anos seguidos * Tempo de seguimento Incidência Exposição ,56 *1.170,0740,0043 Exposição ,84 * ,0028

6 Número necessário para causar danos[NNH / NND]-4 A incidência da exposição é: 5054 / 1.170,074 = 0,0043 A incidência sem exposição é: 32/ = 0,0028 Para determinar o risco relativo, divida a incidência da exposição pela incidência, sem exposição:risco relativo 0,0043/0,0028 = 1,54 = risco relativorisco relativo Para determinar o risco atribuível subtrair a incidência da exposição, da incidência sem exposição:o risco atribuível 0,0043 0,0028 = 0,0015 = 0,15% = attributable riskattributable risk 0,0043-0,0028 = 0,0015 = 0,15% = risco atribuívelrisco atribuível O número necessário para causar danos é o inverso do risco atribuível, ou: 1/0,0015 = 667 = NND risco atribuível ( número necessário p/ causar danos) Isto significa que se 667 indivíduos são expostos ao fator de risco 1 irá desenvolver o dano[uma doença] ESPM

7 Número necessário para causar danos[NNH / NND]-5 Isto significa que se 667 indivíduos são expostos ao fator de risco, irão desenvolver uma doença que não teriam de outra forma. Obs: Note que esses cálculos podem ser afetados pelo enorme erro de arredondamento. (Se nenhum arredondamento é utilizado nos cálculos intermédios acima, o valor final para o NND é 676.) Número de exposições necessário para causar danos No caso, pode haver mais de uma exposição no período específico, o número (de pacientes) necessário para causar danos é numericamente igual ao número de exposições necessário para causar danos numa pessoa se o risco de exposição não se alterou significativamente ao longo do período específico ou pela exposição anterior, por exemplo, quando o risco por exposição é muito pequeno ou o "dano" é uma doença muito breve que não confere imunidade. ESPM

8 Número necessário p/ causar dano [ NNH / NND]-6 Como proposição que se deduz imediatamente de outra já conhecida.[Consequência necessária e evidente ] Corolário do Número Necessário Tratar[NNT], o NND visa o número de pessoas que você esperaria tratar e obter um resultado ruim em uma pessoa [um resultado que está acima e além da condição de controle] Isto pode não parecer tão estranho [bizarro] como acontece quando se considera que alguns tratamentos podem aumentar consideravelmente as chances de melhora, enquanto também aumentam as chances de um prejuízo maior [ dano +or ] Exemplo : um tratamento de miopia que aumenta muito as chances de melhorar a visão durante o período de um mês e pode também aumentar as chances de cegueira durante este mesmo período de um mês. O grupo controle permaneceu o mesmosem qualquer intervenção cirúrgica e, embora o tratamento possa mostrar um NNT[Número Necessário Tratar] saudável ele pode também exibir um NND ruim [insalubre] ESPM

9 Número necessário para causar danos[NNH / NND]-7 Se calcula o NND [Número Necessário p/ causar Dano] subtraindo-se o controle da freqüência de eventos condição p/ piorar (deterioração) e dividindo 1 pelo número resultante. Os números negativos mostram que a condição de controle mais provável é a de danos do que a condição de tratamento Exemplo de Ataque Cardíaco[onde estamos definindo apenas 2 tipos de resultados a vida (BOM) e a morte (RUIM) o NND faria o uso do número de mortes condição em ambos e levaria ao seguinte resultado : 1 __________ ____ _ _____ = - 5 Obs: intervalo de confiança 95 % ESPM

10 Referência Rev Port Cardiol 2009;28 (1): 83-87


Carregar ppt "Número necessário para causar danos NNH Os benefícios das intervenções terapêuticas sejam elas farmacológicas,cirúrgicas,psicológicas,etc.. São habitualmente."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google