A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FLUXO DE ENERGIA NO ECOSSISTEMA. Ecossistema segundo Lindrman (1942): o sistema composto de processos físico-químico-biológicos ativos, dentro de uma.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FLUXO DE ENERGIA NO ECOSSISTEMA. Ecossistema segundo Lindrman (1942): o sistema composto de processos físico-químico-biológicos ativos, dentro de uma."— Transcrição da apresentação:

1 FLUXO DE ENERGIA NO ECOSSISTEMA

2 Ecossistema segundo Lindrman (1942): o sistema composto de processos físico-químico-biológicos ativos, dentro de uma unidade espaço-temporal de qualquer magnitude. Assim, a troca de matéria e energia é fundamental e parte integrante do funcionamento de um ecossistema É dessa maneira que o os fluxos de energia tornam-se tão importantes nos estudos ecológicos. ECOSSISTEMA

3 O fluxo de energia nas comunidades de um ecossistema pode ser representados pelas tramas tróficas: Complexas relações alimentares entre os organismos de uma comunidade no ecossistema Trofodinâmica: variação das tramas tróficas no tempo, espaço e flutuações de processos biológicos, como recrutamento e produção primária

4 Ecossistema funcional O fluxo de energia ocorre em um só sentidoO fluxo de energia ocorre em um só sentido: a parte da energia solar que entra é transformada e convertida em matéria orgânica pelas comunidades (produção primária) A energia pode ser armazenada e depois liberada ou exportada, mas não pode ser reutilizada como nutrientes e água que podem ser reutilizados inúmeras vezes.

5 Estrutura trófica do ecossistema segundo Odum, 1988 Dois estratos principais: 1.Estrato autotrófico: onde ocorre fixação de energia luminosa, utilização de substâncias inorgânicas simples e construção de substâncias orgânicas complexasinorgânicas simples orgânicas complexas 2.Estrato heterotrófico: onde ocorre a utilização, rearranjo e decomposição de materiais complexos

6 Componentes que constituem o Ecossistema 1.Substâncias inorgânicas 2.Compostos orgânicos 3.Ambiente atmosférico hidrológicos e SubstratoAmbiente atmosférico hidrológicos e Substrato 4.ProdutoresProdutores 5.MacroconsumidoresMacroconsumidores 6.MicroconsumidoresMicroconsumidores

7 Histórico da ecologia trófica Década de 40: primeiros estudos sobre seletividade alimentar, levando em conta o gasto energético envolvido na captura do alimento, e que deram origem as teorias de forrageio ótimo Se inicia a importante discussão sobre os aspectos trofodinâmicos da ecologia e eficiência trófica de Linderman.

8 Década de 50: marcada por sérios problemas ambientais decorrente da industrialização intensiva. Surgiram os primeiros estudos sobre ecologia trófica abordando mais de uma espécie, realizando comparaçõesa inter-específicas da alimentação. Destacando-se Margalef (1956, 1968) em engenharia acológica Estabelecimento de duas fortes escolas de pensamento na ecologia: 1.A escola do enfoque energético cibernético da ecologia dos irmãos Odum (Odum & Odum, 1955) 2.A escola do enfoque evolotivo: o princípio organizador da natureza é a luta darwiniana pela existência (Okanen, 1988).

9

10 Substâncias inorgânicas: principalmente nutrientes como o Carbono, Nitrogênio e Gás carbônico (CO 2 ) e a água. Substâncias inorgânicas: principalmente nutrientes como o Carbono, Nitrogênio e Gás carbônico (CO 2 ) e a água.

11 Compostos orgânicos: principalmente proteínas, carboidratos, lipídios e substâncias húmicas.

12 Ambiente Atmosférico: inclui o regime climático e Fatores físicos como circulação de ventos, correntes oceânicas, movimentos de marés, entre outros. Ambiente Atmosférico: inclui o regime climático e Fatores físicos como circulação de ventos, correntes oceânicas, movimentos de marés, entre outros.

13 Produtores primários: Organismos autotróficos, principalmente plantas, que manufaturam o alimento a partir da energia luminosa e sebstâncias inorgânicas simples. Produtores primários: Organismos autotróficos, principalmente plantas, que manufaturam o alimento a partir da energia luminosa e sebstâncias inorgânicas simples.

14 Macroconsumidores: organismos heterotróficos, principalmente animais, que ingerem outros organismos ou matéria orgânica particulada

15 Microconsumidores: Decompositores, organismos heterotróficos, principalmente bactérias e fungos que obtém sua energia ou degradando os tecidos mortos, ou absorvendo a matéria orgânica dissolvida. Microconsumidores: Decompositores, organismos heterotróficos, principalmente bactérias e fungos que obtém sua energia ou degradando os tecidos mortos, ou absorvendo a matéria orgânica dissolvida. As atividades desses organismos liberam nutrientes inorgânicos em forma disponível para os produtores. As atividades desses organismos liberam nutrientes inorgânicos em forma disponível para os produtores.

16 Odum, 1988


Carregar ppt "FLUXO DE ENERGIA NO ECOSSISTEMA. Ecossistema segundo Lindrman (1942): o sistema composto de processos físico-químico-biológicos ativos, dentro de uma."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google