A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Autora: Marisa L. P. Zuccas Participantes : Alunos do IEQ – Polo Itaquera VERIFICAÇÃO DAS ALTERAÇÕES AMBIENTAIS ORIUNDAS DA CONSTRUÇÃO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Autora: Marisa L. P. Zuccas Participantes : Alunos do IEQ – Polo Itaquera VERIFICAÇÃO DAS ALTERAÇÕES AMBIENTAIS ORIUNDAS DA CONSTRUÇÃO."— Transcrição da apresentação:

1 Autora: Marisa L. P. Zuccas Participantes : Alunos do IEQ – Polo Itaquera VERIFICAÇÃO DAS ALTERAÇÕES AMBIENTAIS ORIUNDAS DA CONSTRUÇÃO DA ARENA CORINTHIANS EM SÃO PAULO, ATRAVÉS DA UTILIZAÇÃO DO SENSORIAMENTO REMOTO, PARA OS ALUNOS DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL DO IEQ.

2 FUTURO ESTÁDIO DO CORINTHIANS PARA A COPA DE 2014 Projeto - Futuro estádio do Sport Club Corinthians – ARENA CORINTHIANS - para a Copa de C apacidade para 48 mil torcedores, mais 20 mil assentos removíveis, ficando um total de 68 mil. Local: Av. Miguel Inácio Curi, Itaquera, São Paulo, SP, CEP , Brasil. O complexo está sendo construído num terreno de 198 mil m², onde situava-se, desde a década de 1980, o Centro de Treinamento para as categorias de base do Corinthians, ao lado da Estação Corinthians-Itaquera do Metrô e da CPTM.

3 JUSTIFICATIVA No momento, acontecem alterações ambientais significativas, geradas pela construção de um novo estádio para a Copa do Mundo de 2014, o que modifica a paisagem e a vida do morador local. O desenvolvimento da capacidade do corpo discente de utilizar diferentes fontes de informação e recursos tecnológicos, como o Sensoriamento Remoto, faz com que o aluno adquira novos conhecimentos que o ajudam a perceber sua responsabilidade como cidadão, não só dentro de sua comunidade como também no mundo em que vive.

4 OBJETIVO GERAL Desenvolvimento do educando através de novas práticas, como o uso do Sensoriamento Remoto, levando-o a refletir sobre o que acontece na atualidade no bairro em que mora e também sobre a atuação do homem no meio ambiente.

5 OBJETIVOS ESPECÍFICOS Propiciar ao aluno a oportunidade de conhecer-se como cidadão crítico, que observa mudanças, percebendo a responsabilidade do homem sobre o meio ambiente. Usar o Sensoriamento Remoto como ferramenta de análise comparativa entre imagens do local antes, durante e depois da construção do Novo Estádio em São Paulo para a Copa de Desenvolver a leitura de imagens e mapas para identificação do local da obra e seu respectivo entorno, observando e traçando em papel as mudança ocorridas na região onde está sendo feita a construção. Verificar as alterações ambientais através de imagens de satélite de alta resolução, como também de fotos e/ou filmes da área em análise, detectando vantagens e desvantagens trazidas por este novo projeto de construção para o bairro.

6 MATERIAL Papel de seda ou vegetal Fita adesiva Lápis preto e apontador Lápis de cor Borracha Régua Canetas coloridas Computador (para utilização PowerPoint) Mapa da região Imagem de satélite do local, anterior à construção do Estádio Imagem de satélite atual do local Imagem com o projeto de construção Fotos do local

7 MÉTODO 1- Explicação dos conceitos de interpretação de imagens e mapas, resolução, escala, legenda, elementos de identificação, já localizando no mapa o terreno do Estádio e a escola onde o aluno estuda. 2- Distribuição de imagens de satélite da região em estudo, com datas diferentes, antes e depois de iniciadas as obras e o desenho do projeto do Estádio a ser construído. 3- Trabalhar com os alunos em duplas. 4- Fixar as imagens na carteira, colocando fita adesiva no lado oposto à figura e fixar o papel de seda sobre as imagens, prendendo apenas as bordas. 5- Identificar na primeira imagem a área do terreno onde será construído o Estádio e na segunda identificar o local da construção com as respectivas mudanças, verificando se houve também alterações no entorno do terreno. 6- Pintar na folha de papel de seda as alterações que conseguiram visualizar entre as duas imagens, com cores diferentes e ainda comparar com o projeto definitivo a ser construído. 7- Discutir em sala de aula quais as vantagens e desvantagens, em relação à educação ambiental, da implantação desse projeto no local e quais os impactos na vida dos moradores da região. 8- Explicar sobre a oportunidade do aluno continuar acompanhando a construção e suas modificações até sua finalização, mesmo depois de ter entregue o trabalho em sala de aula. 9- Divulgação dos resultados para a escola e comunidade.

8 MAPA DA REGIÃO DE ITAQUERA E IMAGEM SATÉLITE LANDSAT SINT. Explicação dos conceitos de interpretação de imagem de satélite (exemplo Landsat 2011 sint.), mapa, resolução, escala, legenda, elementos de identificação, já localizando no mapa o terreno do Estádio, a escola onde o aluno estuda e o percurso. (PowerPoint) Imagem satélite Landsat 2011

9 COMPARATIVO COM A IMPLANTAÇÃO DO DESENHO DO PROJETO NA IMAGEM DE SATÉLITE Distribuição da imagem de satélite da região em estudo e da imagem com a implantação do desenho do projeto do Estádio a ser construído.

10 Fixar as imagens na carteira, colocando fita adesiva no lado oposto à figura e fixar o papel de seda sobre as imagens, prendendo apenas as bordas. Identificar na primeira imagem a área do terreno onde será construído o Estádio e na segunda identificar o local da construção com as futuras respectivas mudanças, verificando se haverá também alterações no entorno do terreno.

11 IMAGEM DE SATÉLITE E FOTOS Antes da construção – janeiro/2011 Com a obra iniciada – junho/2011 Agosto/2011 Explicação sobre imagens e fotos (PowerPoint)

12 FOTOS E IMAGEM DE SATÉLITE Traçado do terreno e da arena Explicação dos conceitos de interpretação de imagens e elementos de identificação com a localização do local da construção na imagem e fotos ilustrativas (PowerPoint).

13 IMAGENS - julho/2012

14 FOTOS AÉREAS DO TERRENO E TRAÇADO

15 COMO ERA O TERRENO E COMO VAI FICAR O LOCAL DEPOIS DA OBRA TERMINADA Discutir em sala de aula quais as vantagens e desvantagens, em relação à educação ambiental, da implantação desse projeto no local e quais os impactos na vida dos moradores da região (utilização de apresentação em PowerPoint). Hoje essa atividade é feita baseada no projeto arquitetônico, mas assim que a obra estiver concluída, a análise poderá ser feita com imagens de satélite.

16 COMPARATIVO: TERRENO E PROJETO COM AS FUTURAS MODIFICAÇÕES Pintar na folha de papel de seda as alterações que conseguiram visualizar entre as duas imagens, com cores diferentes e ainda comparar com o projeto definitivo a ser construído. Continuar discutindo em sala de aula quais as vantagens e desvantagens, em relação à educação ambiental, da implantação desse projeto no local e quais os impactos na vida dos moradores da região, comparando imagens.

17 RESULTADOS ESPERADOS Acesso a novas tecnologias Aprendizagem da leitura de mapas e imagens de satélite Verificação de como o Sensoriamento Remoto pode ser uma ferramenta útil de análise de imagens e fotos Avaliação das mudanças ambientais ocorridas pela implantação de projetos de construção de grande porte Oportunidade de colocar em prática conceitos de impactos socio- ambientais com as consequências da modificação do local Promover a interação aluno-escola-comunidade, incentivando a participação de todos.

18 Filme

19 CONSIDERAÇÕES FINAIS A utilização de um novo recurso pouco conhecido pelos alunos e a descoberta de que a tecnologia possibilita o estudo de um local distante, sem estar presente, pelo manuseio das imagens e mapa, tem a possibilidade de inovar as técnicas usadas em sala de aula, proporcionando prazer e por consequência, o empenho do educando por esta aprendizagem. O corpo discente pode perceber, pela comparação de imagens de satélite e fotos, como analisar as modificações ambientais oriundas da implementação de novos projetos ao bairro e à comunidade. As habilidades e informações a serem incorporadas pelos alunos poderão ter utilização constante agora e no futuro e propiciar a conscientização de sua capacidade de análise e reflexão como cidadão.

20 REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS FLORENZANO, Teresa Gallotti. Iniciação em Sensoriamento Remoto. São Paulo: Oficina de Textos, 2011, 3ª Ed. LIMA, Suely Franco Siqueira. Aplicações do Sensoriamento Remoto na Educação.São Paulo: DSR. INPE, 2011 MORAES, Elisabete Caria. Apostila: Fundamentos de Sensoriamento Remoto. São Paulo: DSR. INPE, 2011 SEVERINO, Joaquim Antonio. Metodologia do Trabalho Científico. São Paulo: Ed. Cortez, acesso nov/ acesso nov/ acesso out/ acesso out/ acesso out/ acesso out/ acesso out/ acesso set/2011 à julho/2012

21 AGRADECIMENTOS Aos alunos do curso de Educação Ambiental Ao INPE e seus professores Julho/2012


Carregar ppt "Autora: Marisa L. P. Zuccas Participantes : Alunos do IEQ – Polo Itaquera VERIFICAÇÃO DAS ALTERAÇÕES AMBIENTAIS ORIUNDAS DA CONSTRUÇÃO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google