A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

GERAÇÃO DE DIVERSIDADE DE ANTICORPOS. GERAÇÃO DIVERSIDADE DAS IG NAS CÉLULAS COMO É POSSIVEL UM NÚMERO TÃO GRANDE DE ANTICORPOS SEJA CODIFICADO PELOS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "GERAÇÃO DE DIVERSIDADE DE ANTICORPOS. GERAÇÃO DIVERSIDADE DAS IG NAS CÉLULAS COMO É POSSIVEL UM NÚMERO TÃO GRANDE DE ANTICORPOS SEJA CODIFICADO PELOS."— Transcrição da apresentação:

1 GERAÇÃO DE DIVERSIDADE DE ANTICORPOS

2 GERAÇÃO DIVERSIDADE DAS IG NAS CÉLULAS COMO É POSSIVEL UM NÚMERO TÃO GRANDE DE ANTICORPOS SEJA CODIFICADO PELOS NOSSOS GENES?

3 GERAÇÃO DIVERSIDADE DAS IG NAS CÉLULAS B 10^15 a 10^18 diferentes anticorpos num indivíduo Muito espaço no genoma seria utilizado se cada Ac fosse codificado por um gene Menos que 1000 genes Nas células B os genes da Ig são fragmentados (segmentos gênicos ) Herdados linha germinativa

4 Regiões variáveis e constantes são codificados por genes diferentes Genes das cadeias pesadas estão em cromossomos diferentes dos genes das cadeias leves Ocorre um rearranjo gênico no DNA dos linfócitos Os polipeptídios devem ser feitos e agrupados

5

6

7 CADEIA LEVE Cadeia : 40V, 5J, 1C Cadeia : 31V, 4J, 7C CADEIA PESADA Apresentam diversidade adicional: D Segmentos gênicos constantes juntos (C C C C ), porém distantes dos VH, DH, JH VH: 50 genes DH: 20 genes JH: 6 genes

8 A SEQÛENCIA DE DNA QUE CODIFICA UMA REGIÃO VARIÁVEL É MONTADA A PARTIR DE SEGMENTOS GÊNICOS

9 Síntese da cadeia leve kappa

10

11

12 Organização gênica da cadeia lambda

13 Organização gênica da cadeia pesada

14 Síntese da cadeia pesada

15 Geração da diversidade Múltiplos genes V na linhagem germinativaMúltiplos genes V na linhagem germinativa Associação combinatóriaAssociação combinatória Diversidade de junçãoDiversidade de junção -Falta de precisão na junção resulta na deleção de AA no local de ligação com Ag Diversidade de inserçãoDiversidade de inserção -Inserção de pequenos trechos de nucleotídeos nas junções VD e DJ Hipermutação somáticaHipermutação somática -Mutações nos genes V das cadeias H e L durante a vida dos LB - Aumenta a afinidade do Ac com o Ag na resposta secundária

16

17 INTRODUÇÃO NUCLEOTÍDEOS

18 Geração da diversidade Conversão somática de genes Conversão somática de genes - Pseudogenes que se rearranjam com gene VH Edição do receptor Edição do receptor - Segundo rearranjo dos genes variáveis H e L com elementos que ainda não haviam sofrido rearranjo

19

20 Troca de Classe Arranjos VJ (cadeia leve) e VDJ (cadeia pesada) Ocorrem na ausência do Ag durante a diferenciação dos LB LB maduro pode trocar de classe, mas mantém a mesma especificidade Estímulos: Ag e citocinas Região S (CH) permite a associação de cada região CH com uma unidade VDJ.

21

22

23

24

25

26 Exclusão alélica


Carregar ppt "GERAÇÃO DE DIVERSIDADE DE ANTICORPOS. GERAÇÃO DIVERSIDADE DAS IG NAS CÉLULAS COMO É POSSIVEL UM NÚMERO TÃO GRANDE DE ANTICORPOS SEJA CODIFICADO PELOS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google