A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

São as interações que os indivíduos de uma espécie mantêm com outros da mesma espécie ou de espécies diferentes. RELAÇÕES ECOLÓGICAS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "São as interações que os indivíduos de uma espécie mantêm com outros da mesma espécie ou de espécies diferentes. RELAÇÕES ECOLÓGICAS."— Transcrição da apresentação:

1 São as interações que os indivíduos de uma espécie mantêm com outros da mesma espécie ou de espécies diferentes. RELAÇÕES ECOLÓGICAS

2 Podem ser: Harmônicas: Quando a relação promove benefícios para ambas as partes ou podendo ser indiferente para uma das partes. RELAÇÕES ECOLÓGICAS Desarmônicas: Relação em que o benefício de um indivíduo significa necessariamente o prejuízo de outro.

3 Podem ser Intraespecíficas: Quando ocorrem entre indivíduos da mesma espécie RELAÇÕES ECOLÓGICAS Interespecíficas: Quando ocorrem entre indivíduos de espécies diferentes.

4 RELAÇÕES ECOLÓGICAS HARMÔNICAS (não ocorrem prejuízos para os envolvidos) INTRA-ESPECÍFICAS (ocorrem entre indivíduos da mesma espécie, dentro das populações) COLÔNIAS ( + / +) (indivíduos unidos anatomicamente, dividindo ou não funções) ex: bactérias, esponjas, corais, cracas SOCIEDADES (+ / +) (indivíduos não unidos anatomicamente, organizados cooperativamente) ex: abelhas, vespas, cupins, formigas RELAÇÕES ECOLÓGICAS

5 COLÔNIA Agrupamento de indivíduos da mesma espécie que revelam profundo grau de interdependência e se mostram ligados uns aos outros, sendo-lhes impossível a vida quando isolados do conjunto, podendo ou não ocorrer divisão do trabalho. RELAÇÕES ECOLÓGICAS

6 SOCIEDADE São agrupamentos de indivíduos da mesma espécie que têm plena capacidade de vida isolada mas preferem viver na coletividade. Os indivíduos de uma sociedade têm independência física uns dos outros. Insetos sociais:Abelhas, cupins e formigas. RELAÇÕES ECOLÓGICAS

7 RELAÇÕES ECOLÓGICAS HARMÔNICAS (não ocorre prejuízo para os envolvidos ) INTER-ESPECÍFICAS (ocorrem entre indivíduos de espécies diferentes, dentro das comunidades) COOPERAÇÃO (+ / +) (benefícios mútuos onde a associação não é obrigatória) ex: crocodilo-pássaro palito, anu-gado MUTUALISMO (+ / +) (benefícios mútuos onde a associação é obrigatória entre os indivíduos) ex: líquens, ruminantes e bactérias INQUILINISMO (+ / 0) (organismo que mora no corpo de outro sem lhe causar qualquer prejuízo) ex: epifitismo(orquídeas e bromélias) COMENSALISMO (+ / 0) (organismo se alimenta de restos alimentares de outro) ex: hiena e leão, tubarão e rêmora RELAÇÕES ECOLÓGICAS

8 PROTOCOOPERAÇÃO Trata-se de uma associação bilateral, entre espécies diferentes, na qual ambas se beneficiam; contudo, tal associação não é obrigatória, podendo cada espécie viver isoladamente. Ex: Caranguejo-eremita, pássaro-palito e crocodilo, anu e gado, insetos polinizadores. RELAÇÕES ECOLÓGICAS

9 MUTUALISMO Associação na qual duas espécies envolvidas são beneficiadas, porém, cada espécie só consegue viver na presença da outra, associação permanente e obrigatória entre dois seres vivos de espécies diferentes. Ex: Líquens, micorrizas, tubo digestivo de ruminantes, bactérias e raízes de leguminosas, protozoários e Cupins. RELAÇÕES ECOLÓGICAS

10 Inquilinismo Associação em que apenas uma espécie (inquilino) se beneficia, procurando abrigo ou suporte no corpo de outra espécie (hospedeiro), sem prejudicá-lo. Ex: Pepino-do-mar RELAÇÕES ECOLÓGICAS As epífitas são plantas que crescem sobre outras plantas sem parasitá- las, usando-as apenas como suporte. Ex.: as orquídeas e as bromélias. Epifitismo

11 Comensalismo É uma associação em que uma das espécies a comensal (utiliza restos alimentares da outra) é beneficiada, sem causar benefício ou prejuízo ao outro (não-comensal). Ex:Tubarão e rêmora RELAÇÕES ECOLÓGICAS

12 RELAÇÕES ECOLÓGICAS DESARMÔNICAS ( ocorre prejuízo para um dos envolvidos) INTER-ESPECÍFICAS (ocorrem entre indivíduos de espécies diferentes, dentro das comunidades) COMPETIÇÃO (- / -) (INDIVÍDUOS CONCORREM PELOS MESMOS RECURSOS DO MEIO.) EX: LEÕES E HIENAS DISPUTANDO A ZEBRA PREDATISMO (+ / -) (INDIVÍDUOS MATAM E COMEM OUTROS DE ESPÉCIES DIFERENTES.) EX: LEÃO MATA E COME A ZEBRA AMENSALISMO (+ / -) (INDIVÍDUO LIBERA SUBSTÂNCIA QUE IMPEDE O DESENVOLVIMENTO DE OUTRO.) EX: FUNGOS QUE PRODUZEM ANTIBIÓTICOS PARASITISMO (+ / -) (INDIVÍDUO VIVE ÀS CUSTAS DE OUTRO,) EX: LOMBRIGAS, CARRAPATO, VÍRUS, ETC RELAÇÕES ECOLÓGICAS

13 RELAÇÕES ECOLÓGICAS DESARMÔNICAS ( ocorre prejuízo para um dos envolvidos) INTRA-ESPECÍFICAS (ocorrem entre indivíduos da mesma espécie, dentro das populações) CANIBALISMO ( + / -) Canibal é o indivíduo que mata e come outro da mesma espécie. Ex.: ocorre com escorpiões, aranhas, peixes, planárias, roedores, etc. COMPETIÇÃO (- / -) Ocorre quando duas espécies diferentes ocupam o mesmo nicho ecológico ou quando ocorre sobreposição parcial do nicho e elas dependem de recursos comuns como alimento, espaço e luminosidade. EX: Ursos disputando o mesmo espaço RELAÇÕES ECOLÓGICAS

14 CANIBALISMO Canibal é o indivíduo que mata e come outro da mesma espécie. O canibalismo tem a finalidade de controle populacional. Ex.: ocorre com escorpiões, aranhas, insetos, peixes, planárias, roedores, etc. RELAÇÕES ECOLÓGICAS

15 COMPETIÇÃO Prejuízo para os seres envolvidos. Ocorre quando duas espécies diferentes ocupam o mesmo nicho ecológico ou quando ocorre sobreposição parcial do nicho e elas dependem de recursos comuns como alimento, espaço e luminosidade. RELAÇÕES ECOLÓGICAS

16 PREDATISMO O predatismo é o ato de um animal capturar outro para alimentar-se. O predador e a presa pertencem a espécies diferentes. Os predadores são geralmente maiores e menos numerosos que suas presas, sendo exemplificados pelos animais carnívoros. Relação Presa/Predador. RELAÇÕES ECOLÓGICAS

17 AMENSALISMO (antibiose) Relação na qual uma espécie bloqueia o crescimento ou a reprodução de outra espécie, denominada amensal, através da liberação de substâncias tóxicas. É a relação em que um dos seres é prejudicado sem que disso resulte benefícios para o outro. Ex: maré vermelha, antibióticos, etc. Prejuízo para a espécie inibida, com ou sem benefício para a espécie inibidora. RELAÇÕES ECOLÓGICAS

18 PARASITISMO O parasitismo é caracterizado pela espécie que se instala no corpo de outra, dela retirando matéria para a sua nutrição e causando-lhe, em conseqüência, danos cuja gravidade pode ser muito variável, desde pequenos distúrbios até a própria morte do indivíduo parasitado. Relação Hospedeiro/Parasita. RELAÇÕES ECOLÓGICAS

19 Herbivorismo Relação entre animais herbívoros e plantas que eles comem. RELAÇÕES ECOLÓGICAS


Carregar ppt "São as interações que os indivíduos de uma espécie mantêm com outros da mesma espécie ou de espécies diferentes. RELAÇÕES ECOLÓGICAS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google