A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Anticorpos Monoclonais Nanocorpos UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO-CCB DEPARTAMENTO DE GENÉTICA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GENÉTICA Disciplina de Genética.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Anticorpos Monoclonais Nanocorpos UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO-CCB DEPARTAMENTO DE GENÉTICA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GENÉTICA Disciplina de Genética."— Transcrição da apresentação:

1 Anticorpos Monoclonais Nanocorpos UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO-CCB DEPARTAMENTO DE GENÉTICA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GENÉTICA Disciplina de Genética Molecular Professor Paulo Andrade

2 UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO-CCB DEPARTAMENTO DE GENÉTICA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GENÉTICA Disciplina de Genética Molecular Alexandre Magalhães Martins

3 Constituído por duas cadeias idênticas Leve ( daltons) (L) Pesada ( daltons) (H) Mantidas juntas por pontes dissulfídicas (ss) As seqüências cadeias H e L variam de anticorpo para anticorpo Estas diferenças estão restritas praticamente aos 100 últimos aminoácidos da região amino-terminal Esta última definida com região variada (V) e a outra constante (C) Anticorpos

4

5 Genes separados para segmentos V e C (Willian Dreyer e Claude Bennett – 1965) Somente um gene para as cadeias Hc e Lc Vários Genes para as gadeias Hv e Lv Acreditava-se que o DNA no cromossomo é imutável exceto na meiose para formar as células sexuais Susumu Tonegawa em 1976 verificou que os fragmentos de restrição de DNA de anticorpos de mieloma de rato não são similares aos do DNA embrionário destes anticorpos Anticorpos

6

7

8

9 Anticorpos Diversidade Estudos indicam que a diversidade tolerada in vitro de em VhH (Cadeia pesada autônoma possíveis) em 3 CDRs (região determinante de complementaridade ) clássicos e CDR4 é muito maior do que a existente na natureza independente dos aspectos genéticos e biológicos aos quais está sujeito o sistema imunológico.Sidhu ss (2005)

10 Anticorpos Monoclonais Sistema imunológico é altamente complexo Às vezes é lento,Ineficaz ou complacente Às vezes reage demasiado Outras vezes ataca o próprio sistema

11 Anticorpos Monoclonais Clonagem de anticorpos idênticos artificialmente para contornar as deficiência imunológicas Custo alto Moléculas são grandes e complexas Isolam anticorpo de um Camundongo (mieloma) Humanização da molécula manipulando os genes que as codificam substituindo todas ou algumas proteínas por seqüências de aminoácidos copiadas de anticorpos humanos. Moléculas não podem ser sintetizadas, mas sim, cultivadas em biorreatores de células mamárias Inadequadas para produção em alta escala Limitações práticas (Temperatura, PH e rápida digestão)

12 Anticorpos Monoclonais

13

14

15 Fragmentos de anticorpos (FABs) Seccionamento da base e de um dos braços do anticorpo Não recrutam as células T Podem ser clonados por vetores (fungos e leveduras) devido ao tamanho reduzido Carreiam substâncias para os tecidos alvo (isótopos radioativos e quimioterápicos) Meia-vida ativa de poucas horas

16 Anticorpos Monoclonais Fragmentos de anticorpos (Fabs) Foram ainda mais reduzidos restando apenas as CDR (Região determinante de complementaridade) Clonagem via vetores bacterianos Estes Fabs grudam e se aglomeram no interior das bactérias que os produzem e no interior dos pacientes que os tomam atrapalhando a realização das suas tarefas

17 Anticorpos Monoclonais Descoberta de Anticorpos mais simples em Dromedários (Muyldemans – 1989) Apresentam anticorpos normais de quatro cadeias e cerca de 50% mais simples com um par de cadeias Em camelídeos do velho e novo mundo (camelos, lhamas e dromedários) quase metade dos anticorpos que circula no sangue não possui a cadeia leve (Muyldemans – 1993) Os anticorpos apresentam a mesma eficiência dos normais apesar de apresentarem somente metade das CDRs e ser dez vezes menor Maior agilidade podendo se atracar antígenos menores Os anticorpos dotados apenas de cadeias pesadas não grudam uns nos outros ao contrário dos Fabs Nasceram assim os:

18 Nanocorpos

19 Não são hidrofóbicos Mais resistência ao calor e ao PH Podem ser codificados por um único gene Produtividade de 1 g/l de levedura Quatro meses da imunização do antígeno alvo isolado até a extração dos nanocorpos de alta afinidade.

20 Nanocorpos

21


Carregar ppt "Anticorpos Monoclonais Nanocorpos UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO-CCB DEPARTAMENTO DE GENÉTICA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GENÉTICA Disciplina de Genética."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google