A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FISIOTERAPIA RESPIRATÓRIA APLICADA AO PERÍODO NEONATAL E PEDIÁTRICO LUCIANA JEREISSATI.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FISIOTERAPIA RESPIRATÓRIA APLICADA AO PERÍODO NEONATAL E PEDIÁTRICO LUCIANA JEREISSATI."— Transcrição da apresentação:

1 FISIOTERAPIA RESPIRATÓRIA APLICADA AO PERÍODO NEONATAL E PEDIÁTRICO LUCIANA JEREISSATI

2 O FISIOTERAPEUTA DEVE CONHECER: MECANISMO DA RESPIRAÇÃO NORMAL MECANISMO DA RESPIRAÇÃO NORMAL ANATOMIA DOS OSSOS, MÚSCULOS E ARTICULAÇÕES ENVOLVIDOS NO PROCESSO DA RESPIRAÇÃO ANATOMIA DOS OSSOS, MÚSCULOS E ARTICULAÇÕES ENVOLVIDOS NO PROCESSO DA RESPIRAÇÃO ANATOMIA DA ÁRVORE BRÔNQUICA ANATOMIA DA ÁRVORE BRÔNQUICA DESEMPENHO DIAFRAGMÁTICO DESEMPENHO DIAFRAGMÁTICO VOLUMES PULMONARES E ALTERAÇÕES DURANTE AS FASES DA RESPIRAÇÃO VOLUMES PULMONARES E ALTERAÇÕES DURANTE AS FASES DA RESPIRAÇÃO

3 ALTERAÇÃO DA CONFORMAÇÃO TORÁCICA CONHECIMENTO DAS ESTRUTURAS DAS VIAS AÉREAS MECANISMO DE DEFESA DO APARELHO RESPIRATÓRIO RADIOGRAFIA DE TÓRAX AUSCULTA PULMONAR ALTERAÇÃO DA CONFORMAÇÃO TORÁCICA CONHECIMENTO DAS ESTRUTURAS DAS VIAS AÉREAS MECANISMO DE DEFESA DO APARELHO RESPIRATÓRIO RADIOGRAFIA DE TÓRAX AUSCULTA PULMONAR

4 FISIOTERAPIA RESPIRATÓRIA COMPLETA: AVALIAÇÃO DA CRIANÇA AVALIAÇÃO DA CRIANÇA CONHECIMENTOS DA DOENÇA CONHECIMENTOS DA DOENÇA FASE DE EVOLUÇÃO FASE DE EVOLUÇÃO TÉCNICAS FISIOTRAPÊUTICAS TÉCNICAS FISIOTRAPÊUTICAS

5 DRENAGEM POSTURAL : OBJETIVO OBJETIVO POSICIONAMENTO ADEQUADO POSICIONAMENTO ADEQUADO COLABORA COM O SISTEMA MUCOCILIAR COLABORA COM O SISTEMA MUCOCILIAR MELHORA A V/Q MELHORA A V/Q TEMPO TEMPO SEQUÊNCIA SEQUÊNCIA

6 CONTRA-INDICAÇÕES DA DRENAGEM POSTURAL: REFLUXO GASTROESOFÁGICO E FÍSTULA TRAQEOESOFÁGICA REFLUXO GASTROESOFÁGICO E FÍSTULA TRAQEOESOFÁGICA HIPERTENSÃO INTRACRANIANA E HIDROCEFALIA HIPERTENSÃO INTRACRANIANA E HIDROCEFALIA EDEMA PULMONAR EDEMA PULMONAR GRANDES COLEÇÕES PLEURAIS NÃO DRENADAS GRANDES COLEÇÕES PLEURAIS NÃO DRENADAS DESCONFORTO RESPIRATÓRIO DO PACIENTE DESCONFORTO RESPIRATÓRIO DO PACIENTE

7

8

9

10

11

12 TAPOTAGEM E VIBRAÇÃO: INDICAÇÃO INDICAÇÃO REALIZAÇÃO REALIZAÇÃO OBJETIVOS OBJETIVOS ORIENTAÇÃO AOS PAIS ORIENTAÇÃO AOS PAIS

13 CONTRA-INDICAÇÕES: CONTRA-INDICAÇÕES: DOR DOR FRATURAS DE COSTELAS FRATURAS DE COSTELAS DERRAME PLEURAL E PNEUMOTÓRAX NÃO DRENADOS DERRAME PLEURAL E PNEUMOTÓRAX NÃO DRENADOS PNEUMATOCELES RECENTE PNEUMATOCELES RECENTE QUEIMADURAS E FERIMENTOS NÃO CICATRIZADOS QUEIMADURAS E FERIMENTOS NÃO CICATRIZADOS COAGULOPATIAS E HEMOPTISES COAGULOPATIAS E HEMOPTISES

14

15

16

17

18 FLUTTER: PROPORCIONA MELHORA NA VENTILAÇÃO PULMONAR PROPORCIONA MELHORA NA VENTILAÇÃO PULMONAR DIMINUI A DISPNEIA DIMINUI A DISPNEIA FACILITA EXPECTORAÇÃO FACILITA EXPECTORAÇÃO

19 TOSSE TÉCNICAS DE ESTIMULAÇÃO: VIBRAÇÃO MANUAL NA PAREDE TORÁCICA VIBRAÇÃO MANUAL NA PAREDE TORÁCICA TÉCNICA DE EXPIRAÇÃO FORÇADA TÉCNICA DE EXPIRAÇÃO FORÇADA HUFFING HUFFING ESTIMULAÇÃO DE FÚRCULA ESTIMULAÇÃO DE FÚRCULA

20

21 ASPIRAÇÃO INTUBAÇÃO OROTRAQUEAL E TRAQUEOSTOMIA INTUBAÇÃO OROTRAQUEAL E TRAQUEOSTOMIA INTUBAÇÃO OROTRAQUEAL PROLONGADA INTUBAÇÃO OROTRAQUEAL PROLONGADA ASPIRAÇÃO NASOTRAQUEAL ASPIRAÇÃO NASOTRAQUEAL TRACHE-CARE TRACHE-CARE HIPERINSULFLAÇÃO COM AMBÚ HIPERINSULFLAÇÃO COM AMBÚ

22 CRITÉRIOS E CUIDADOS DURANTE A ASPIRAÇÃO: ASSEPSIA ASSEPSIA MENOR TEMPO POSSÍVEL MENOR TEMPO POSSÍVEL TRAQUEÍTES TRAQUEÍTES CALIBRE DA SONDA CALIBRE DA SONDA ALTERAÇÃO DE FREQUÊNCIA CARDÍACA ALTERAÇÃO DE FREQUÊNCIA CARDÍACA

23

24

25 EXERCÍCIOS RESPIRATÓRIOS BRINQUEDOS DE SOPRO: LÍNGUA DE SOGRA LÍNGUA DE SOGRA APITO APITO SOPRAR VELAS, BOLINHAS DE ISOPOR, DE SABÃO SOPRAR VELAS, BOLINHAS DE ISOPOR, DE SABÃO

26 OBJETIVOS: MOBILIZAR SECREÇÃO PULMONAR MOBILIZAR SECREÇÃO PULMONAR AUMENTO DA CAPACIDADE E DA EXPANSÃO PULMONAR AUMENTO DA CAPACIDADE E DA EXPANSÃO PULMONAR CONTROLE DA RESPIRAÇÃO CONTROLE DA RESPIRAÇÃO RELAXAMENTO RELAXAMENTO CORREÇÃO POSTURAL CORREÇÃO POSTURAL MELHORA DO CONDICIONAMENTO FÍSICO GERAL MELHORA DO CONDICIONAMENTO FÍSICO GERAL

27 EXERCÍCIOS MAIS USADOS: TREINAMENTO DIAFRAGMÁTICO TREINAMENTO DIAFRAGMÁTICO RESPIRAÇÃO COSTAL E SEGMENTAR RESPIRAÇÃO COSTAL E SEGMENTAR INCENTIVADORES RESPIRATÓRIOS INCENTIVADORES RESPIRATÓRIOS

28 PROCEDIMENTOS QUE FACILITAM AS TÉCNICAS FISIOTERAPÊUTICAS: HIDRATAÇÃO, INALAÇÃO E NEBULIZAÇÃO HIDRATAÇÃO, INALAÇÃO E NEBULIZAÇÃO MUDANÇAS DE DECÚBITO MUDANÇAS DE DECÚBITO MASSAGEM CLÁSSICA DE DESLIZAMENTO E AMASSAMENTO MASSAGEM CLÁSSICA DE DESLIZAMENTO E AMASSAMENTO

29

30

31

32


Carregar ppt "FISIOTERAPIA RESPIRATÓRIA APLICADA AO PERÍODO NEONATAL E PEDIÁTRICO LUCIANA JEREISSATI."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google