A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

CONCRETESHOW 2013 – São Paulo, 28 a 30 de agosto Habitação: Programas e Políticas Públicas, Inovações Tecnológicas e Sustentabilidade Tecnologia na Construção.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "CONCRETESHOW 2013 – São Paulo, 28 a 30 de agosto Habitação: Programas e Políticas Públicas, Inovações Tecnológicas e Sustentabilidade Tecnologia na Construção."— Transcrição da apresentação:

1 CONCRETESHOW 2013 – São Paulo, 28 a 30 de agosto Habitação: Programas e Políticas Públicas, Inovações Tecnológicas e Sustentabilidade Tecnologia na Construção à Base de Cimento: Produtividade e Norma de Desempenho

2 M. Eng. Jorge Batlouni Neto CONCRETESHOW 2013 – São Paulo, 28 a 30 de agosto Habitação: Programas e Políticas Públicas, Inovações Tecnológicas e Sustentabilidade

3 versão exigível para projetos residenciais de até cinco pavimentos. versão edifícios residências de qualquer número de pavimentos (JUL/13) O QUE É PRECISO FAZER PARA ATENDER A NORMA QUANTO AO DESEMPENHO DAS ESTRUTURAS. ABNT NBR – Edificações Habitacionais – Desempenho - Requisitos para os sistemas estruturais.

4 Projetos das estruturas de edifícios Devem continuar sendo elaborados pelas normas específicas (prescritivas): Estruturas em concreto armado - ABNT NBR 6118 Projeto de estruturas de concreto – Procedimento. Estruturas de concreto pré-moldado ABNT NBR 9062 Projeto e execução de estruturas de concreto pré-moldado. Estruturas em alvenaria estrutural ABNT NBR Blocos de concreto – Projeto e execução e controle de obras. E assim por diante

5 O que se pretende : Com o atendimento aos requisitos da segurança, as estruturas devem, durante a sua vida útil de projeto, sob as diversas condições de exposição (ação do peso próprio, sobrecargas de utilização, atuação do vento e outros), garantir : Estado limite último (ELU) – segurança/ capacidade resistente. Estado limite de serviço (ELS) – deformações inconvenientes, vibrações indesejáveis, fissuração excessiva DESEMPENHO DAS ESTRUTURAS ABNT NBR

6 REQUISITOS - ABNT NBR Estabilidade e resistência do sistema estrutural e demais elementos com função estrutural (ELU). 2- Deformações ou estados de fissuração do sistema estrutural (ELS) 3- Impactos de corpo mole e corpo duro – em que os elementos da estrutura não podem sofrer ruptura ou instabilidade sob as energias de impacto indicada nas tabelas apresentadas na norma, sendo dispensadas da verificação deste requisito as estruturas projetadas conforme a ABNT NBR 6118 e outras normas específicas lá citadas.

7 OUTROS REQUISITOS DE DESEMPENHO Além dos aspectos estruturais, a parte 2 remete à parte 1 da Norma de Desempenho (Requisitos Gerais): segurança contra–incêndio segurança no uso e operação, entre outros. durabilidade e manutenabilidade visando: conservar a segurança, estabilidade e aptidão da estrutura em serviço durante o período correspondente à sua vida útil.

8 VIDA ÚTIL VUP- vida útil de projeto Estrutura Mínima - 50 anos Intermediária - 63 anos Superior - 75 anos Nota - Considerando periodicidade e processos de manutenção segundo a ABNT NBR Manutenção de Edificações- Requisitos para o sistema de gestão de manutenção.

9 E para as estruturas inovadoras que não têm normas específicas? A norma estabelece um método de análise e validação da estrutura por meio de ensaios (Anexos A e B) da norma ABNT NBR Requisitos Critérios (níveis de desempenho) Método de avaliação

10 Impactos de corpo mole e corpo duro O atendimento a esses requisitos é fundamental na validação de novos métodos construtivos inovadores, utilizados, por exemplo, em conjuntos habitacionais.

11 PRODUTIVIDADE Os custos da mão-de-obra subiram muito nos últimos anos. Como conseqüência, a construção civil precisa aumentar muito a produtividade dessa mão- de-obra. O primeiro passo é medi-la !

12 PRODUTIVIDADE NAS ESTRUTURAS DE CONCRETO 1960 = 72,43 Hh/m³ 1980 = 51,92 Hh/m³ 1995 = 33,82 Hh/m³ 2008 = 17,00 Hh/m³ Ubiraci E. L. Souza Prelorentzou Mudanças nos projetos e nos métodos construtivos aumentaram significativamente a produtividade. Exemplo

13 PRODUTIVIDADE ATUAL PARA ESTRUTURAS DE CONCRETO (ANDARES-TIPO) ANOHh/m3Hh/m2FONTE ,00- Prof. Ubiraci E. L. Souza ,00 Prof. Ubiraci E. L. Souza ,973,14TECNUM Construtora

14 ATIVIDADE FÔRMASProduzidas no canteiro Sistema industrializado. 2.ESCORAMENTOPontaletes de madeira Escoramentos metálicos 3. PROJETO DE FÔRMA Não era feito. Consultoria ou fabricante 4. ESPAÇADORES / PASTILHAS De argamassaDe plástico industrializado 5. AÇO Cortado e dobrado na obra Recebido já cortado, dobrado 6. EQUIP. TRANS - PORTE VERTICAL Elevador - cabo de aço Elevador de engrenagem e grua Elevador de engrenagem e grua, mini grua. 7. LANÇAMENTO DE CONCRETO Manual, Jericas Bombeamento/ gruas / jericas Bombeamento/ gruas / 8. NIVELAMENTO DE LAJES Guias/mestra- sarrafos de madeira Nível a laser, mestras reguláveis 9.DESEMPENO DE CONCRETO Manual- desempena- deira de madeira Mecânico- desempena- deiras circulares elétricas 10. f ck 18 a 21 MPa25 a 35 MPa30 a 11. SEGURANÇA DO TRABALHADOR Preocupação relativa. Utilização de bandejas NR-18: proteções individuais e coletivas- de cinto de segurança, EVOLUÇÃO NA EXECUÇÃO DAS ESTRUTURAS DE CONCRETO Conforme NR-18: Mastro distribuidor 50 MPa maior conscientização

15 Mini - Grua

16 Mastro Distribuidor

17 DISTRIBUIDOR MANUAL – SPIDER

18 OBRAANOR$/m 2 INCC/ m 2 EDIFÍCIO ,28 EDIFÍCIO ,26 EDIFÍCIO ,19 EDIFÍCIO ,28 EDIFÍCIO ,24 EDIFÍCIO ,23 EDIFÍCIO ,23 EDIFÍCIO ,1 EDIFÍCIO ,09 EDIFÍCIO ,03 EDIFÍCIO ,99 EDIFÍCIO ,98 EDIFÍCIO ,91 EDIFÍCIO ,74 EDIFÍCIO ,82 EDIFÍCIO ,89 EDIFÍCIO ,79 EDIFÍCIO ,93 EDIFÍCIO ,92 EDIFÍCIO ,20,92 Custo da mão-de-obra para montagem da fôrma, da armação, transporte e lançamento do concreto, desenforma, limpeza da fôrma e serviços associados da estrutura (montagem das bandejas e proteções) em obras executadas pela Tecnum Construtora. A EVOLUÇÃO DO CUSTO DA ESTRUTURA

19

20 PRODUTIVIDADE E como aumentar a produtividade? Projetos Produtivos Tecnologia – Métodos Construtivos Equipamentos Treinamento e capacitação da mão-de- obra Terminalidade dos serviços CONCRETE SHOW

21 FRANKFURT –ALEMANHA 2012 TERMINALIDADE!

22 Simplificar é bom! FRANKFURT –ALEMANHA 2012

23 SOLUÇÕES INDUSTRIALIZADAS

24

25

26 SHOPPING CENTER – BERLIM –ALEMANHA 2012

27 USO INTENSIVO DE EQUIPAMENTOS MÉTODO CONSTRUTIVO

28 A Norma de Desempenho veio para ficar. Foi amplamente divulgada e representa um avanço na qualidade das habitações. As estruturas de concreto precisam ser executadas de forma mais produtiva. Para isso é necessário um competente aprimoramento nos projetos, métodos construtivos (equipamentos) e treinamento da mão-de-obra. CONSIDERAÇOES FINAIS

29 OBRIGADO ! ÓTIMA FEIRA!


Carregar ppt "CONCRETESHOW 2013 – São Paulo, 28 a 30 de agosto Habitação: Programas e Políticas Públicas, Inovações Tecnológicas e Sustentabilidade Tecnologia na Construção."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google