A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A INCLUSÃO DE PESSOAS SURDAS NO ENSINO SUPERIOR UNIJUI - CAMPUS SANTA ROSA CIÊNCIA POLÍTICA E TEORIA DO ESTADO PROFESSOR: DEJAMA CREMONESE ALUNA: FRANCESCA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A INCLUSÃO DE PESSOAS SURDAS NO ENSINO SUPERIOR UNIJUI - CAMPUS SANTA ROSA CIÊNCIA POLÍTICA E TEORIA DO ESTADO PROFESSOR: DEJAMA CREMONESE ALUNA: FRANCESCA."— Transcrição da apresentação:

1 A INCLUSÃO DE PESSOAS SURDAS NO ENSINO SUPERIOR UNIJUI - CAMPUS SANTA ROSA CIÊNCIA POLÍTICA E TEORIA DO ESTADO PROFESSOR: DEJAMA CREMONESE ALUNA: FRANCESCA PERIPOLLI SANTA ROSA/RS, 26 DE JUNHO DE 2.008

2

3 LEI DE DIRETRIZES E BASES DA EDUCAÇÃO BRASILEIRA (CDB Nº 9394/1996): ESTABELECE QUE OS SISTEMAS DE ENSINO DEVERÃO ASSEGURAR PRINCIPALMENTE PROFESSORES ESPECIALIZADOS OU DEVIDAMENTE CAPACITADOS QUE POSSAM ATUAR COM QUALQUER PESSOA ESPECIAL NA SALA DE AULA.

4 INSCRIÇÃO NO PROCESSO DE SELEÇÃO AO ENSINO SUPERIOR:INSCRIÇÃO NO PROCESSO DE SELEÇÃO AO ENSINO SUPERIOR: No ato da inscrição o estudante informa que é surdo e faz a opção pela presença do intérprete no vestibularNo ato da inscrição o estudante informa que é surdo e faz a opção pela presença do intérprete no vestibular

5 SELEÇÃO NO ENSINO SUPERIOR:SELEÇÃO NO ENSINO SUPERIOR: A prova de redação é a mesma paras surdos e ouvintes, no entanto é respeitada a especificidade da escrita do surdoA prova de redação é a mesma paras surdos e ouvintes, no entanto é respeitada a especificidade da escrita do surdo É assegurada a presença do intérprete nas turmas de alunos surdos sem custo adicionalÉ assegurada a presença do intérprete nas turmas de alunos surdos sem custo adicional

6 CENSO DA EDUCAÇÃO:CENSO DA EDUCAÇÃO: 62 MIL SURDOS MATRICULADOS NO ENSINO BÁSICO 62 MIL SURDOS MATRICULADOS NO ENSINO BÁSICO 600 ESTUDANTES NO ENSINO SUPERIOR 600 ESTUDANTES NO ENSINO SUPERIOR

7 O ACESSO À LÍNGUA DE SINAIS COMO PRIMEIRA LÍNGUA É O ALICERCE PARA A CONTRUÇÃO DO CONHECIMENTO SIGNIFICATIVO

8 APROPRIAÇÃO DOS CONCEITOS FUNDAMENTAIS NOS DIFERENTES CONTEXTOS CULTURAIS

9 A AQUISIÇÃO DA IDENTIDADE SURDA É PRIMORDIAL PARA A PRESERVAÇÃO DA DIGNIDADE HUMANA E PARA TANTO, O PAPEL ESSENCIAL DO PROFESSOR SURDO NA EDUCAÇÃO INFANTIL

10 É NECESSÁRIO QUE O SURDO MANTENHA UMA POSIÇÃO INTERCULTURAL, SEM OMITIR O FATO DE QUE A IDENTIDADE SURDA SE CONSTRÓI DENTRO DE UMA CULTURA VISUAL

11 O INTÉRPRETE É UM PROFISSIONAL COM COMPETÊNCIA LINGUÍSTICA EM LIBRAS/LÍNGUA PORTUGUESA, QUE ATUA NO CONTEXTO DO ENSINO REGULAR NO QUAL HÁ ALUNOS SURDOS MATRICULADOSO INTÉRPRETE É UM PROFISSIONAL COM COMPETÊNCIA LINGUÍSTICA EM LIBRAS/LÍNGUA PORTUGUESA, QUE ATUA NO CONTEXTO DO ENSINO REGULAR NO QUAL HÁ ALUNOS SURDOS MATRICULADOS

12 O INTÉRPRETE NÃO SUBSTITUI A FIGURA DO PROFESSOR EM RELAÇÃO À FUNÇÃO CENTRAL NA MEDIAÇÃO DO PROCESSO DE APRENDIZAGEMO INTÉRPRETE NÃO SUBSTITUI A FIGURA DO PROFESSOR EM RELAÇÃO À FUNÇÃO CENTRAL NA MEDIAÇÃO DO PROCESSO DE APRENDIZAGEM

13 A DIFERENÇA ENTRE OUVINTES E SURDOS PRECISA SER ENTENDIDA NÃO COMO UMA CONSTRUÇÃO ISOLADA, MAS COMO UMA CONSTRUÇÃO MULTICULTURALA DIFERENÇA ENTRE OUVINTES E SURDOS PRECISA SER ENTENDIDA NÃO COMO UMA CONSTRUÇÃO ISOLADA, MAS COMO UMA CONSTRUÇÃO MULTICULTURAL

14 O SURDO PRECISA TER A OPORTUNIDADE DE INCLUSÃO NA UNIVERSIDADE PARA INTERAGIR COM OS ACADÊMICOSO SURDO PRECISA TER A OPORTUNIDADE DE INCLUSÃO NA UNIVERSIDADE PARA INTERAGIR COM OS ACADÊMICOS

15 PARA A FORMAÇÃO DE PESSOAS IGUALMENTE CAPAZES DE DISTINGUIR O QUE REALMENTE ESTÁ ACONTECENDO COM ELE E COM A SOCIEDADEPARA A FORMAÇÃO DE PESSOAS IGUALMENTE CAPAZES DE DISTINGUIR O QUE REALMENTE ESTÁ ACONTECENDO COM ELE E COM A SOCIEDADE

16 A INCLUSÃO NO ENSINO SUPERIOR NÃO CONSIDERA DEFICIENTE E SIM RESPEITA AS DIFERENÇAS

17 P PRECISAMOS DE MAIS PROFISSIONAIS QUALIFICADOS

18 I INSTITUIÇÕES PREPARADAS

19 PARA ATENDER E PROPICIAR A INCLUSÃO DE UM MAIOR NÚMERO DE SURDOS NO ENSINO SUPERIOR

20 A INCLUSÃO QUE VEM RESPEITAR A DIVERSIDADE E COMPREENDER MELHOR A HETEROGENEIDADE, AS DIFERENÇAS INDIVIDUAIS E COLETIVAS

21 AS ESPECIFICIDADES DO HUMANO E AS DIFERENTES SITUAÇÕES VIVIDAS NA REALIDADE SOCIAL E NO COTIDIANO ESCOLAR

22 OPORTUNIDADE DE INCLUSÃO NAS UNIVERSIDADES PARA PESSOAS QUE SÓ TEM A ACRESCENTAR EM NOSSO APRENDIZADO!

23 REFERÊNCIASREFERÊNCIAS DORZIAT, A. Bilingüismo e surdez SKLIAR, Carlos. Atualidade da educação bilíngüe para surdos NETO, J.F. de M. Educação Popular INTERNET:


Carregar ppt "A INCLUSÃO DE PESSOAS SURDAS NO ENSINO SUPERIOR UNIJUI - CAMPUS SANTA ROSA CIÊNCIA POLÍTICA E TEORIA DO ESTADO PROFESSOR: DEJAMA CREMONESE ALUNA: FRANCESCA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google