A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

16/01/2011Orai e Vigiai1 (Org. por Sérgio Biagi Gregório) Título da Palestra.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "16/01/2011Orai e Vigiai1 (Org. por Sérgio Biagi Gregório) Título da Palestra."— Transcrição da apresentação:

1 16/01/2011Orai e Vigiai1 (Org. por Sérgio Biagi Gregório) Título da Palestra

2 16/01/2011Orai e Vigiai2 Introdução O objetivo deste estudo é buscar e manter o equilíbrio espiritual. Façamos uso dos verbos no imperativo, que se traduzem por uma ordem na mudança de nossas atitudes e comportamentos.

3 16/01/2011Orai e Vigiai3 Conceito Prece / oração - É o ato de comunicação do homem com o sagrado: Deus, os deuses, a realidade transcendental ou o poder sobrenatural. Vigilância - Precaução, cuidado, prevenção.

4 16/01/2011Orai e Vigiai4 Velho Testamento No Velho Testamento, Abraão, Moisés, Samuel, David e Salomão são os expoentes da oração. Novo Testamento No Novo Testamento, Jesus Cristo é o mestre e modelo da oração, pois esta era para ele imperativo de Sua natureza humana e resposta à Sua condição de Filho de Deus. apóstolos Os apóstolos foram os fiéis propagadores da oração: Santo Agostinho, S. J. Damasceno, Santo Tomás de Aquino e outros. Orai e Vigiai Primeiras Notas

5 16/01/2011Orai e Vigiai5 Adoração lei de adoração A lei de adoração é a primeira das Leis Naturais estudas por Allan Kardec em O Livro dos Espíritos. Diz-nos o Codificador, através do auxílio dos Espíritos superiores, que a adoração é natural e pertence à espécie humana. Em virtude da ignorância das verdades religiosas, os homens acabaram adotando diversas formas míticas e místicas de adoração.

6 16/01/2011Orai e Vigiai6 Hierofania Hierofania Hierofania é o ato de manifestação do sagrado. Pela hierofania, o sagrado manifesta-se em pedras, animais, árvores... Não são as pedras, as árvores, os animais, os objetos que são adorados, mas sim o que eles representam para a coletividade. Exemplo Exemplo: A Cruz para os católicos.

7 16/01/2011Orai e Vigiai7 A tentativa de separar o sagrado do profano faz o caráter ambíguo do termo predominar. Direito Em Direito uma ciência a arquitetura dos tribunais, a toga do juiz e o uso de símbolos religiosos para o juramento apontam para o sagrado. Orai e Vigiai Separar o Sagrado do Profano

8 16/01/2011Orai e Vigiai8 1) O que é a prece? 2) Como se deve orar? 3) Por que devemos orar? 4) Onde se deve orar? 5) Quando devemos orar? Orai e Vigiai Prece: Algumas Perguntas e Respostas 1) É um ato de adoração ao Criador. 2) Não é preciso ficar de joelho, sentado ou de pé. 3) É um lenitivo para as nossas preocupações. 4) Em qualquer lugar. 5) Não há prescrição, contudo O Evangelho Segundo o Espiritismo orienta-nos a orar pela manhã e à noite.

9 16/01/2011Orai e Vigiai9 Súplica – Solicitação de vida longa, obtenção de bens materiais e prosperidade financeira são os seus ingredientes favoritos. Confissão – É a afirmação da fé e o reconhecimento do estado de pecado. Intercessão – É a prece feita em favor de outrem. louvarpedir agradecer Allan Kardec, na P. 659 de O Livro dos Espíritos, diz-nos que pela prece podemos fazer três coisas: louvar, pedir e agradecer. Orai e Vigiai Tipos de Prece

10 16/01/2011Orai e Vigiai10 ondas mentais Por intermédio de nossas ondas mentais, podemos auxiliar e sermos auxiliados. fluxo energético Atuando sobre esse fluxo energético, curamos e somos curados de algumas doenças. Observação Observação: Não há derrogação das leis da natureza. Orai e Vigiai Eficácia da Prece

11 16/01/2011Orai e Vigiai11 tentações As mais terríveis tentações encontram-se no fundo sombrio de nossa individualidade. Trazemos, de outras encarnações, os erros e as mazelas cometidos. A simples presença do adversário de outras épocas faz ecoar dentro de nós o ódio, a vingança e o repúdio. Orai e Vigiai Passado Delituoso

12 16/01/2011Orai e Vigiai12 Não te proponhas atravessar o mundo sem tentações. Elas nascem contigo, assomam de ti mesmo e alimentam-se de ti. Vigiemos e oremos, para não sucumbirmos às tentações, de vez que mais vale chorar sob os aguilhões da resistência que sorrir sob os narcóticos da queda. Orai e Vigiai Proposta de Emmanuel

13 16/01/2011Orai e Vigiai13 Embora as preces que fazemos não irão desviar-nos de nossos problemas e desilusões, elas são um bálsamo reconfortante para a nossa alma enfermiça, pois faz-nos penetrar em estados de suave sossego e gozos que somente aquele que ora é capaz de decifrar. Orai e Vigiai Conclusão

14 16/01/2011Orai e Vigiai14 BOULDING, K. E. O Impacto das Ciências Sociais. Rio de Janeiro, Zahar, ELIADE, M. O Sagrado e o Profano: A Essência das Religiões. Lisboa, Livros do Brasil, 1957? ENCICLOPÉDIA LUSO-BRASILEIRA DE CULTURA. Lisboa, Verbo, s. d. p. ENCYCLOPAEDIA BRITANNICA. EQUIPE DA FEB. O Espiritismo de A a Z. Rio de Janeiro, FEB, KARDEC, A. O Evangelho Segundo o Espiritismo. 39. ed., São Paulo, IDE, KARDEC, A. O Livro dos Espíritos. 8. ed., São Paulo, FEESP, XAVIER, F. C. Fonte Viva, pelo Espírito Emmanuel. Rio de Janeiro, FEB, s.d.p. Texto em HTMLHTML vigiai.htm Orai e Vigiai Bibliografia Consultada


Carregar ppt "16/01/2011Orai e Vigiai1 (Org. por Sérgio Biagi Gregório) Título da Palestra."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google