A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O SISTEMA DE ENDOMEMBRANAS: RETÍCULO ENDOPLASMÁTICO:LISO E RUGOSO COMPLEXO DE GOLGI ENDOSSOMOS LISOSSOMOS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O SISTEMA DE ENDOMEMBRANAS: RETÍCULO ENDOPLASMÁTICO:LISO E RUGOSO COMPLEXO DE GOLGI ENDOSSOMOS LISOSSOMOS."— Transcrição da apresentação:

1 O SISTEMA DE ENDOMEMBRANAS: RETÍCULO ENDOPLASMÁTICO:LISO E RUGOSO COMPLEXO DE GOLGI ENDOSSOMOS LISOSSOMOS

2 SISTEMA DE ENDOMEMBRANAS: VESÍCULAS TRANPORTADORAS VESÍCULAS RECICLADORAS

3 Retículo endoplasmático Estrutura: rede de membranas interconectadas formam tubos e sacos achatados contínuo com o envelope nuclear RER REL = mais tubular e sem ribossomos

4 Retículo Endoplasmático Rugoso - RER Funções: - Glicosilação de proteínas. - Inserção de proteínas de membrana na bicamada fosfolipídica. - Encaminhamento de glicoproteínas para outras organelas e para o meio extracelular (exocitose) - Encaminhamento de proteínas e glicoproteínas de membrana para a membrana de outras organelas e para a membrana plasmática.

5 Retículo Endoplasmático Liso – REL Funções -Síntese e glicosilação de lipídios. -Inserção de lipídios e glicolipídios na membrana. - Exportação de lipídios para o meio extracelular (exocitose – secreção de hormônios esteróides). - Encaminhamento de lipídios e glicolipídios de membrana para outras organelas e para a membrana plasmática. - Controle da [Ca++] do citosol. - Detoxificação de drogas lipossolúveis

6 No RE ocorrem as reações centrais da síntese dos triglicerídios: CITOSSOL MONOCAMADA DA MEMBRANA DO RE ÁCIDO FOSFATÍDICO

7 Processos de destoxificação Organismo converte substâncias tóxicas (Herbicidas, conservantes, medicamentos, etc.) em substâncias inócuas ou de fácil excreção Fígado, pele, rins e pulmões. Promove a hidroxilação (OH) dos compostos tóxicos facilitando sua solubilidade em água Facilita a excreção (Rins)

8

9 Complexo de Golgi Estrutura: sacos membranosos, achatados (cisternas e vesículas) regiões : inferior (cis), mediana, superior (trans) Funções: modificação, empacotamento, armazenamento e envio de proteínas síntese de polissacarídeos da parede celular origem aos lisossomos acrossomo

10 Degradação do Glicogênio Promove a glicogenólise Participação direta da enzima glicose-6- fosfatase que está presente com o sítio ativo voltado para o face luminal do retículo (Fígado e Rins) A enzima libera o fósforo da glicose que retorna ao citoplasma e será exportado para a corrente sanguínea

11 Regulação do Ca²+ Principal Reservatório do Ca²+ citoplasmático Ca²+ regula a maioria dos processosmetabólicos (Contração muscular, Secreção hormonal, etc.) [Ca²+] baixa no citoplasma: Bomba de Ca²+ movimentadas pelo ATP que bombeiam Ca²+ para fora do citoplasma e para dentro do Retículo endoplasmático liso Saída do Ca²+ é motivada por estímulos hormonais que abre o canal de uma proteína transportadora que permite sua passagem do Retículo para o citoplasma

12 Retículo Endoplasmático RUGOSO Onde há abundância desta organela?? – Células Pancreáticas – Células Caliciformes

13 Conseqüências de um RER danificado: – Função Estrutural: tecidos Função – Enzimática: lipases – Função Hormonal: insulina – Função de Defesa: anticorpos – Função de Transporte: Hb

14 Onde há abundância desta organela?? – Células hepáticas – Células das gônadas RETÍCULO ENDOPLASMÁTICO LISO Conseqüências de um REL danificado: – Efeitos do álcool e de certas drogas Aumenta a tolerância – Produção insuficiente de hormônios sexuais

15

16

17

18

19 Lisossomos Estrutura: pequenas vesículas contendo enzimas digestivas Funções: sítio de quebra dos alimentos sítio de quebra de substância estranhas fagocitose autofagia

20 5) Lisossomos: são pequenas organelas do citoplasma celular que desempenham as seguintes funções: Digestão intracelular; Autofagia; Autólise. Em que situações os lisossomos podem participar em processos de destruição celular?

21

22 Peroxissomos Estrutura: organelas semelhantes a vesículas Funções: sítio de reações químicas geradoras de peróxidos tóxicos sítio de desintoxicação destes produtos

23 Peroxisomos: organela responsável pela detoxificação celular. Tem diversas enzimas no seu interior, tais como urato oxidase, catalase, aminoácido oxidase e enzimas que fazem a b-oxidação de ácidos graxos. Defeitos nos peroxisomos podem causar doenças. Uma das principais doenças é a Síndrome de Zellweger.


Carregar ppt "O SISTEMA DE ENDOMEMBRANAS: RETÍCULO ENDOPLASMÁTICO:LISO E RUGOSO COMPLEXO DE GOLGI ENDOSSOMOS LISOSSOMOS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google