A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Evangelho Espiritismo Tema: PALESTRA 10/03/2009 Há muitas moradas na casa de meu Pai Cap. 3 SEGUNDO O O.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Evangelho Espiritismo Tema: PALESTRA 10/03/2009 Há muitas moradas na casa de meu Pai Cap. 3 SEGUNDO O O."— Transcrição da apresentação:

1

2 Evangelho Espiritismo Tema: PALESTRA 10/03/2009 Há muitas moradas na casa de meu Pai Cap. 3 SEGUNDO O O

3 Não se turbe o vosso coração; crede em Deus, crede também em mim. Na casa de meu Pai há muitas moradas. Se assim não fosse, eu vo-lo teria dito. Pois vou preparar-vos o lugar. E, quando eu for e vos preparar lugar, voltarei e vos receberei para mim, a fim de que onde eu estiver, também vós aí estejais João, 14 vv 1 e 3

4 1.Mundos materiais;Mundos materiais 2.Mundos espirituais;Mundos espirituais 3.Mundos mentais.Mundos mentais

5 Mundos materiais

6 Os mundos que formam o Universo, onde outras humanidades realizam marcha evolutiva Martins Peralva O pensamento de Emmanuel

7 O número de sistemas planetários em todo o Espaço deve ser inimaginavelmente grande. Bilhões deles podem constituir réplicas quase exatas de nosso sistema Solar e milhões de planetas constituir outras réplicas quase exatas da Terra. Britânico Sir James Hopwood Jeans

8

9

10 Viagem pelo espaço São habitados todos os globos que se movem no espaço?

11 .. Allan Kardec Da obra: O Livro dos Espíritos Questão 55 Sim e o homem terreno está longe de ser, como supõe, o primeiro em inteligência, em bondade e em perfeição. Entretanto, há homens que se têm por espíritos muito fortes e que imaginam pertencer a este pequenino globo o privilégio de conter seres racionais. Orgulho e vaidade! Julgam que só para eles criou Deus o Universo.

12 Passeio

13 B - Rua Marechal Hermes, 602 – Vila São Luiz – Duque de Caxias - RJ

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29 Voltar

30 Mundos espirituais

31 Vivemos num turbilhão de galáxias e galáxias, somos viajores do espaço e o nosso destino é a felicidade plena, habitando na imensa abóboda celeste Hammed Obra: Renovando Atitudes Psicografia: Francisco do Espírito Santo Neto

32 Os seres que habitam os diferentes mundos, é fora de dúvida que têm corpos, porque o Espírito precisa estar revestido de matéria para atuar sobre a matéria. Esse envoltório, porém, é mais ou menos material, conforme o grau de pureza a que chegaram os Espíritos. É isso o que assinala a diferença entre os mundos que temos de percorrer, porquanto muitas moradas há na casa de nosso Pai, sendo, conseguintemente, de muitos graus essas moradas. Alguns o sabem e desse fato têm consciência na Terra; com outros, no entanto, o mesmo não se dá O Livro dos Espíritos 76ª – Allan Kardec

33 Mundos Primitivos Mundos destinados às primeiras encarnações e experiências da alma humana Mundos de Expiações e Provas Mundos onde os espíritos encarnam para prosseguir na sua evolução, passando por provas e expiações, decorrentes de seu processo de aprendizado evolutivo. O mal predomina. Mundos de Regeneração Nesses mundos ainda existe o mal, mas que não predomina. Os espíritos estão sujeitos a provas, mas já adquirem melhores condições e conhecimentos para estabelecerem uma boa base para sua evolução. Mundos de Ditosos e Felizes Onde o bem sobrepuja o mal. A felicidade já predomina. Mundos Celestes ou Divinos Habitação de espíritos mais evoluídos, onde reina exclusivamente o bem e o conhecimento da verdade. Diferentes categorias de mundos habitados

34 Qual é o destino da terra? É ser um hospital

35 Qual é o destino da terra? É ser uma penitenciária

36 Qual é o destino da terra? Ou um subúrbio da vida

37 ...Ao mesmo tempo que todos os seres vivos progridem moralmente, progridem materialmente os mundos em que eles habitam. Santo Agostinho Da obra: O Evangelho Segundo o Espiritismo Cap. 3

38 Conto do ancião

39 As nossas diversas existências corporais se verificam todas na Terra ? Allan Kardec Da obra: O Livro dos Espíritos Questão 172 Não; vivemo-las em diferentes mundos. As que aqui passamos não são as primeiras, nem as últimas; são, porém, das mais materiais e das mais distantes da perfeição.

40 As diversas zonas espirituais, superiores ou inferiores, além das fronteiras físicas, onde a vida palpita com a mesma intensidade das metrópoles humanas. Martins Peralva O pensamento de Emmanuel

41 ABISMO TREVAS UMBRAL ESFERAS TERRESTRES ZONA DE TRANSIÇÃO ESFERAS SUPERIORES ESFERAS RESPLANDESCENTES Voltar ZONAS ESPÍRITUAIS Região Espiritual de padecimentos, destinada a Espíritos que tenham cometido os mais graves crimes contra as Leis Divinas. Memórias de um suicida (Camilo) Região Espiritual desprovida de qualquer luminosidade, constituindo morada de Espíritos ainda envolvidos pelas mais diversas vibrações do mal e que tenham tido comportamento moral condenável em suas oportunidades reencarnatórias. A terra como se sabe é um mundo de "Expiação e Provas, onde domina o mal". Assim Espíritos viciosos das mais diversas naturezas sintonizam com as vibrações deletérias dela imanadas permanecendo a ela vinculados. É uma região espiritual que começa na crosta terrestre na qual se concentra tudo o que não tenha finalidade para a vida superior. É a região para esgotamento de resíduos mentais equivocados. (Espíritos aí confinados julgam-se injustiçados) São colônias espirituais inseridas no Umbral, quais fossem oásis nos desertos. Os Espíritos que conseguem alcançá-las, por méritos conscienciais, nelas encontram amparo e assistência podendo reajustar-se e até sua evolução. (Nosso Lar...) São regiões de felicidade, onde estacionam Espíritos devotados de grande elevação moral, lá habitam os Bons Espíritos e os Espíritos Superiores. Impera a bondade, a confiança e a felicidade verdadeiras. Em RENÚNCIA ditado por Emmanuel,é descrita a paragem espiritual a que está vinculado o Espírito ALCÍONE, são paisagens que nossa pobre imaginação não consegue nem sonhar.

42 Mundos mentais

43 Martins Peralva O pensamento de Emmanuel Os vários departamentos da Mente, onde se demoram pensamentos e reações, dramas e tragédias, anseios e realidades do Espírito.

44 Considerando que o mundo interior da alma humana é também um lugar onde Ele está, podemos dizer que ali pode ser Sua morada. Adenáuer Marcos Ferraz de Novaes A psicologia do Evangelho

45 Inquietude, desordem íntima, consciência e coração culpados, pensamento centralizado na futilidade e na maledicência, excessos emocionais, inatividade psíquica e revolta no sofrimento, além de outras tantas infelicidades, representam a desarrumação dos departamentos mentais do homem espiritualmente adormecido. Martins Peralva O pensamento de Emmanuel

46 Adenáuer Marcos Ferraz de Novaes A psicologia do Evangelho As máscaras sociais de que nos utilizamos para viver em sociedade são também representações dos estados psíquicos internos, são expressões simbólicas da alma, arremedos da face de Deus. Essas máscaras são personalidades artificiais, ou personas, que nos servem para estabelecermos a necessária ligação do interno com o externo e vice-versa.

47 Na Terra, ainda precisamos do mal para sentirmos o bem; da noite para admirarmos a luz; da doença para apreciarmos a saúde; ainda precisamos das personas para conviver em sociedade. Sem elas nossa sombra aparece, tornando-nos insuportáveis. Adenáuer Marcos Ferraz de Novaes A psicologia do Evangelho

48 A morada mental do homem equilibrado apresenta as seguintes características: Serenidade interior; Harmonia espiritual; Consciência isenta de remorso; Mente voltada para o alto; Trabalho incessante no bem; Ideações edificantes; Resignação na dor; Moderação na alegria; Bom ânimo; Submissão à Vontade Divina Martins Peralva O pensamento de Emmanuel

49 Que bom que você veio! Volte sempre e vá com Jesus de Nazaré!!! Evangelho Espiritismo SEGUNDO O O


Carregar ppt "Evangelho Espiritismo Tema: PALESTRA 10/03/2009 Há muitas moradas na casa de meu Pai Cap. 3 SEGUNDO O O."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google