A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 Desenvolvimento Sustentável e Educação a Distância Américo Tristão Bernardes Campo Grande, abril/2004 Ministério da Educação Secretaria de Educação a.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 Desenvolvimento Sustentável e Educação a Distância Américo Tristão Bernardes Campo Grande, abril/2004 Ministério da Educação Secretaria de Educação a."— Transcrição da apresentação:

1 1 Desenvolvimento Sustentável e Educação a Distância Américo Tristão Bernardes Campo Grande, abril/2004 Ministério da Educação Secretaria de Educação a Distância

2 2 A ninguém se pode negar a oportunidade de aprender por ser pobre, estar isolado geograficamente, marginalizado, doente ou por qualquer outra circunstância que impeça seu acesso a alguma instituição de ensino. Estes são elementos que supõem o reconhecimento de uma liberdade para decidir se quer ou não estudar. (Charles Wedemeyer, apud Aretio, 1986)

3 3 SEED

4 4 SEED – Missão A SEED tem por missão formular, fomentar e implementar políticas de universalização e democratização da educação e do conhecimento, por meio de programas de formação inicial e continuada a distância, e de infoinclusão, para todos os níveis e modalidades de ensino.

5 5 SEED – Objetivos formular, planejar e avaliar políticas e programas de EAD, visando à universalização e democratização do acesso à informação, ao conhecimento e à educação; criar, desenvolver e fomentar a produção de conteúdos, programas e ferramentas para a formação inicial e continuada a distância; prospectar e desenvolver tecnologias de informação e comunicação que possam aprimorar o processo de ensino e aprendizagem; prover infra-estrutura de tecnologias de informação e comunicação às escolas e instituições públicas de ensino; promover a cooperação e articulação entre as demais Secretarias e órgãos do MEC, outros entes governamentais nos vários níveis da Federação, entidades nacionais e internacionais, visando ao desenvolvimento da Educação a Distância.

6 6 SEED – Estrutura SEED Política Conteúdo Infra-estrutura CETE Gabinete

7 7 DEPARTAMENTO DE POLÍTICAS EM EAD definição de políticas para EAD no nível superior; gestão do projeto Universidade Aberta e a Distância; coordenação de ações junto as IPES para ações em EAD; definição de políticas para o incentivo a adoção de programas de EAD nas IPES desenvolvimento de ações e acompanhamento e avaliação de projetos em EAD implementados pela SEED inter-relação com os sistemas educacionais; definição de estrutura de EAD nos estados; acompanhamento das ações de EAD nos estados e municípios SEED – Estrutura

8 8 DEPARTAMENTO DE PRODUÇÃO E CAPACITAÇÃO EM PROGRAMAS DE EAD desenvolvimento de material didático/pedagógico para educação básica; fomento de ações para o desenvolvimento de material didático/pedagógico, particularmente de ações de desenvolvimento de material em SL coordenação e implementaçao de programas de formação em EAD; desenvolvimento, fomento e coordenação de programas de capacitação e formação continuada em/via EAD; SEED – Estrutura

9 9 DIRETORIA DE INFRA-ESTRUTURA TECNOLÓGICA planejamento da logística de implantação de tecnologias para a educação; suporte e manutenção das tecnologias em educação; assessoramento de implantação e desenvolvimento de tecnologias em educação; prospecção, desenvolvimento de tecnologias para educação; desenvolvimento e suporte de ferramentas para EAD. SEED – Estrutura

10 10 Programas

11 11 Classe social Porcentagem População Usuários Internet A5%42% B19%48,7% C31% 9,3% D32% E13% A exclusão digital no Brasil

12 12 Brasil - Escolas Públicas com Computadores, por Microrregião >500

13 13 Impactos da exclusão digital nas políticas de educação a distância As diferentes estratégias de educação a distância não podem se limitar ao uso da internet. Se assim for, amplia-se a exclusão social: Programas governamentais necessitam: Também considerar o uso de televisão, rádio e material impresso; Junto ao uso de vídeo conferências e Internet. Locais de acesso público devem ser criados: Escolas públicas / Telecentros Sem a existências dessas alernativas, amplia-se a exclusão social.

14 14 Proformação

15 15 Programa de formação de professores em exercício que oferece habilitação em nível médio, na modalidade de ensino a distância. É dirigido a docentes das séries iniciais do ensino fundamental da rede pública das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, que não possuem habilitação.

16 16 Resultados 110 Agências Gerais de Formação em funcionamento. Atinge 1107 municípios professores certificados professoras em processo de formação tutores atuam nos processos de formação.

17 17 PAPED

18 18 Programa de Apoio à Pesquisa em Educação a Distância. Desenvolvido em parceria com a CAPES. Consiste no apoio financeiro à realização de dissertações, teses e material multimídia sobre temas afetos à educação a distância e novas tecnologias.

19 19 ProInfo

20 20 Objetivo Promover o desenvolvimento e o uso da telemática como ferramenta de enriquecimento pedagógico, visando: melhorar a qualidade do processo de ensino-aprendizagem propiciar uma educação voltada para o progresso científico e tecnológico preparar o aluno para o exercício da cidadania numa sociedade desenvolvida valorizar o professor

21 21 Sistema ProInfo SEDUC SEED/DEIED/CETE SEDUC NTE Escola

22 22 27 estados 4600 escolas computadores 305 Núcleos de Tecnologia Educacional Capacitação 2244 multiplicadores professores técnicos 9036 gestores 6 milhões de estudantes Resultados

23 23 TV Escola

24 24 TV ESCOLA O Canal da Educação Programa destinado a valorização do magistério, o enriquecimento do processo ensino e aprendizagem e a melhoria de qualidade da educação pública.

25 25 27 Estados Municípios instituições equipadas c/ kit antenas digitais adquiridas Resultados

26 26 O Futuro

27 27 Universidade Aberta e a Distância

28 28 Universidade Aberta e a Distância Alocação de recursos para expansão de vagas no ensino superior via EAD Objetivo: ampliação imediata de 20 mil vagas Priorização de licenciaturas em ciências Fortalecimento de consórcios inter- institucionais Seleção de consórcios via edital

29 29 RIVED

30 30 Projeto piloto colaborativo entre os países da América Latina, criado em 1999 para promover a otimização na aprendizagem do ensino médio presencial das ciências (química, física e biologia) e da matemática com a utilização de tecnologias.

31 31 O que é um módulo? Módulo é um conjunto de atividades (objetos de aprendizagem) e estratégias pedagógicas. Cada módulo abrange uma unidade curricular do ensino médio. Repositório Objetos de Aprendizagem Módulo

32 32

33 33 Projetos Projeto Fábrica Virtual Formação de estudantes de graduação no uso de tecnologias Formação no desenvolvimento/criação de objetos/módulos

34 34 Ferramentas

35 35 e-ProInfo Ambiente digital de aprendizagem a distância, onde comunidades de aprendizagem geograficamente distantes desenvolvem ações para construir novos conhecimentos, usando ferramentas de interatividade apoiadas em tecnologias de informação e comunicação

36 FERRAMENTAS FUNCIONALIDADES COMUNICAÇÃO INFRA-ESTRUTURA TECNOLÓGICA ENTIDADE DE APREENDIZAGEM COMUNIDADE DE APREENDIZAGEM VISÃOPEDAGÓGICA EQUIPEEQUIPE EQUIPEEQUIPE SERVIÇOSSERVIÇOS AÇÕESDEAÇÕESDE APRENDIZAGEMAPRENDIZAGEM

37 37 Desafios

38 38 Conectar escolas públicas já prontas! Enorme passivo - laboratórios e professores preparados – apenas 30% com Internet ! Reduzir a exclusão pedagógica: Aumentar número de escolas públicas com labs – hoje 23% contra 70% das particulares Diminuir a taxa aluno/micro – hoje de a/m contra 23.8 a/m nas particulares Integração com outros programas de Governo TV Escola, Pro-Formação, Programa Nacional de Erradicação do Analfabetismo etc.

39 39 Américo Tristão Bernardes Diretor do DEIED Tel: (0xx61) /8961 Fax: (0xx61)


Carregar ppt "1 Desenvolvimento Sustentável e Educação a Distância Américo Tristão Bernardes Campo Grande, abril/2004 Ministério da Educação Secretaria de Educação a."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google