A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

18 de abril: 18 de abril: Dia Nacional do Livro Infantil / Dia de Monteiro Lobato.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "18 de abril: 18 de abril: Dia Nacional do Livro Infantil / Dia de Monteiro Lobato."— Transcrição da apresentação:

1

2 18 de abril: 18 de abril: Dia Nacional do Livro Infantil / Dia de Monteiro Lobato

3 Esse é José Bento Renato Monteiro Lobato, um dos mais importantes escritores da literatura infantil

4 MONTEIRO LOBATOTAUBATÉ MONTEIRO LOBATO nasceu em TAUBATÉ O nome da cidade origina-se da língua tupi,tupi e significa aldeia (taba) elevada (ybaté).

5 Tinha duas grandes paixões: escrever e desenhar

6 Sítio do Picapau Amarelo Escreveu muitos livros infantis e a maioria deles se passavam no Sítio do Picapau Amarelo

7 Vejamos agora alguns personagens das histórias do Sítio do Picapau Amarelo:

8 Dona Benta Encerrabodes de Oliveira, uma grande mestra na geografia. Essa senhora com cerca de 60 anos é dona do Sítio do Picapau Amarelo, um lugar muito bonito, com uma casa grande, muito antiga onde tudo é muito amplo e fresco. Ela mora aí com a Tia Nastácia, que cuida da cozinha e da limpeza da casa e sua neta Lúcia, que todo mundo conhece como Narizinho. Pedrinho, outro neto de Dona Benta, não troca o sítio por nenhum outro lugar do mundo para passar suas férias. Nesse sítio acontecem as coisas mais incríveis. Até petróleo encontraram. Furaram um poço com uma produção de 500 barris por dia. Com isso, de uma hora, para outra Dona Benta que era pobre virou rica.

9 A melhor quituteira deste e de todos os mundos que existem. Ela cozinhou até para São Jorge, na Lua. Quem comia uma vez os seus bolinhos não podia nem sequer sentir o cheiro de bolos feitos por outras cozinheiras. Além de cuidar da cozinha, ela é uma faz-tudo na casa. Foi ela quem praticamente criou a Narizinho, e quem fez a Emília. É uma grande contadora de estórias. A turma do sítio adora ficar à noite ouvindo seus "causos, comendo rosquinha de polvilho.

10 É o neto querido de Dona Benta, o primo querido de Narizinho. Tem 10 anos, mora e estuda na cidade e o que mais gosta no mundo é passar as férias no sítio da vovó. Adora também café com bolinho de frigideira preparados pela Tia Nastácia. É um menino de grande coragem. Não tem mesmo medo de nada. Quando apareceu uma onça, ele organizou uma caçada e trouxe a bicha morta. Foi o único que conseguiu pegar um Saci e conhecer os mistérios da noite na floresta.

11 Lúcia é a neta da dona Benta e mora com ela na casa grande do Sítio do Picapau Amarelo. Por causa de seu nariz arrebitado todo mundo a chama de Narizinho. Ela adora pipoca e já sabe fazer os bolinhos de polvilho da Tia Nastácia. Ela atua como uma rainha do Sítio mas, contente mesmo, só quando o Pedrinho vem de férias e os dois participam de grandes aventuras.

12 Foi feito de um sabugo de milho, com umas palhinhas no pescoço, usa cartola na cabeça e tem um sinal de coroa na testa. Por isso é o Visconde de Sabugosa. Um verdadeiro sábio. Estuda muito. Quase morreu empanturrado de álgebra. Ensina geografia e geologia pra turma e ajudou a descobrir petróleo nas terras do sítio. E como ele sabe sobre petróleo...

13 É uma boneca de pano feita pela Tia Nastácia, com olhos de retrós preto, sobrancelhas lá em cima. Era muda até que engoliu a pílula da fala inventada pelo doutor Caramujo. A partir daí, fala como uma matraca. Emília é muito independente, a tal ponto que ela mesma se auto define como "independência ou morte". É também uma filósofa que acredita que "a verdade é uma espécie de mentira bem pregada das que ninguém desconfia".

14 Nas cidades e nas roças, todo mundo tem medo de Saci. É um perneta muito safado que adora fazer estripulias nos terreiros das fazendas e assustar os animais no pasto. Pedrinho, que não tem medo de nada, conseguiu caçar um com a peneira e colocá-lo na garrafa, como ensinou um velho caboclo das vizinhanças. Mas logo devolveu a liberdade ao Saci e ficaram amigos. O Saci ensinou a Pedrinho os segredos da floresta.

15 É uma horrenda bruxa que mora numa caverna escura. Tem cara de jacaré e garras nos dedos como os gaviões. Velha como o tempo, dorme uma noite a cada sete anos. Quando fica brava, dá para ouvir o seu urro de raiva a 10 léguas de distância. Um dia ela raptou e encantou a Narizinho. Pedrinho, com ajuda do Saci, conseguiu o fio de cabelo de uma Iara e quebrou o encanto.

16 É um anjinho de verdade mesmo, desses que vivem no Céu. Ele chegou no Sítio com a asa quebrada e foi ficando. Emília dizia que ele era dela. Deu confusão no Sítio porque todos queriam estar com ele. Até gente de fora começou a aparecer no sítio para ver o Anjinho. Sua fama correu o mundo. Até o Rei da Inglaterra mandou um almirante com um bando de crianças para ver o fenômeno.

17 Esse porquinho salvou-se de ir para o forno porque Narizinho brincava com ele desde pequenino. Foi batizado de Rabicó porque só possuía um toquinho de cauda. Só pensa em comer. Entrou pra turma, virou marquês, e participa de todas as aventuras.

18 A mula sem cabeça, que vomita fogo pelas ventas, é o duende mais sinistro do mundo. Deixa quem olhar para ela louco de remate. Dizem que uma rainha que comia cadáver de criança, quando morreu virou a mula sem cabeça.

19 M'boi tata, na língua dos índios é cobra grande de fogo. É uma aparição medonha. Quase que só tem olhos, enormes, de fogo. De noite ela enxerga tudo. De dia, enxerga nada e vive entocada, que nem coruja. Sua sina é passear pelos campos onde tem carniça de animais mortos. Todo ser vivente se apavora diante dela.

20 É um bicho sinistro. Tem o pêlo virado, isto é, o pêlo pra dentro a carne pra fora - uma coisa horrível. Se parece com um lobo de dimensões muito avantajadas. Quando uma mulher tem sete filhos machos, o sétimo vira lobisomem na noite de Sexta-feira. O lobisomem come titica de galinha, cachorros e crianças. Se alguém cortar-lhe uma perna, vira homem, porém, perneta.

21 É o mestre Cascudo, muito entendido em questões de terra, especialista em cavar buracos.

22 É um rinoceronte enorme que fugiu de um circo de cavalinhos no Rio de Janeiro e foi parar nas matas do Sítio de dona Benta. No começo só a Emília sabia onde ele estava. Antes de entrar para a turma do Pedrinho deu muito trabalho, assustando muita gente. Depois amansou, enturmou e foi batizado de Quindim, um verdadeiro craque na gramática.

23 É príncipe e rei do Reino das Águas Claras. Anda em carruagem puxada por cavalos marinhos, tem um exército de peixes espada. Ficou noivo da Narizinho e levou toda a turma para conhecer as maravilhas do fundo do mar.

24 Grande médico, o doutor Caramujo, de doença entende tudo. Cura qualquer coisa com suas pílulas milagrosas. Curou o Príncipe Escamado, curou o pinto sura, a Sardine e curou até a "tosse de cachorro" que atormentava a Tia Nastácia. Foi o doutor Caramujo quem deu à Emília a capacidade de falar.

25 FONTE: Projetos Pedagógicos Dinâmicos Pela paixão de educar, o desafio de inovar! Projeto Monteiro Lobato Destinado a alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental. Podendo ser adaptado, facilmente, à Educação Infantil ou ao 2º Ciclo do Ensino Fundamental. Objetiva, principalmente, promover o contato com a vida e as obras de Monteiro Lobato, de forma a aumentar o repertório e a capacidade de escrever diferentes tipos de textos. Contém propostas de atividades interdisciplinares, relacionando as áreas de conhecimento, oportunizando vivências significativas aos alunos. Acompanha CD com 50 atividades sistematizadas para 4 ano Projeto Sítio do Pica-pau Amarelo Objetiva através de sugestões de atividades interdisciplinares incentivar o gosto e hábito da leitura levando a Literatura de Monteiro Lobato ao conhecimento das crianças, demonstrando a importância da mesma, ajudando-as a perceber o quanto podem aprender de forma prazerosa. Destinado a alunos da Educação Infantil podendo ser adaptado ao Ensino Fundamental. Acompanha álbum pronto para xerocar


Carregar ppt "18 de abril: 18 de abril: Dia Nacional do Livro Infantil / Dia de Monteiro Lobato."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google