A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ULBRA SÃO JOÃO CICLONE?? OU FURACÃO!. Todos os ventos, de brisas suaves a violentos furacões, são causados por diferenças de temperatura, pela rotação.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ULBRA SÃO JOÃO CICLONE?? OU FURACÃO!. Todos os ventos, de brisas suaves a violentos furacões, são causados por diferenças de temperatura, pela rotação."— Transcrição da apresentação:

1 ULBRA SÃO JOÃO CICLONE?? OU FURACÃO!

2 Todos os ventos, de brisas suaves a violentos furacões, são causados por diferenças de temperatura, pela rotação (ação de coriólis) da Terra e pela diferença de calor entre os continentes e oceanos.

3 Ciclone extratropical CICLONE s.m. Centro de baixas pressões atmosféricas em volta do qual a pressão aumenta mais ou menos regularmente, e que se caracteriza nas bordas por ventos convergentes para o centro, e no centro, por ventos ascendentes. / Furacão, na terra ou no mar, que faz redemoinho. // Ciclone tropical, furacão que se forma nos mares tropicais. Fonte: Enciclopédia Educacional, 2004

4 Imagem do ciclone Catarina feita pelo satélite METEOSAT-8

5 O Catarina foi um Ciclone ou Furacão?? O Catarina, como foi batizado o fenômeno, não apresentou as mesmas características de formação de um furacão. O furacão ocorre em águas com temperaturas elevadas mais de 27ºC e apresenta um olho, região central, também com temperaturas elevadas. O Catarina se formou em uma região de águas frias sobre o Oceano Atlântico, a cerca de km da costa. Dessa forma, o fenômeno que ocorreu na costa sul brasileira parecia ser um ciclone por causa de suas características de formação. O grande problema é que, depois do processo de formação, o Catarina passou a apresentar um núcleo quente, ou seja, passou a ter características mais parecidas com a de um furacão.

6 Imagem do ciclone Catarina feita pelo satélite GOES-12 Ventos de 150 km/h atingem a costa brasileira e causam diversos estragos. Especialistas divergem em relação à classificação do fenômeno e sobre a possibilidade de ele se tornar freqüente no país.

7

8 A diferença de Ciclone Extratropical e Furacão? Um furacão tem características diferentes de um ciclone extratropical. A principal diferença é que o centro do furacão é quente e o do ciclone extratropical é frio. Um furacão forma-se sobre águas quentes e o ciclone extratropical pode-se formar sobre águas bem mais frias. As nuvens nas proximidades do centro do furacão são nuvens cumulonimbus, ou seja, nuvens de tempestade que chegam a atingir 15 ou mais km de altura. No centro do ciclone extratropical as nuvens são mais baixas, com apenas algumas nuvens chegando a 10 km de altura.

9 Ciclone Catarina 2004

10

11

12 Ventos de 150 km/h atingem a costa brasileira e causam diversos estragos. Especialistas divergem em relação à classificação do fenômeno e sobre a possibilidade de ele se tornar freqüente no país. Fonte: Portal Educacional,2004

13 A freqüência da ocorrência de ciclones vem aumentando no planeta. Será que o Catarina, tido como o primeiro ciclone registrado na América do Sul (em função da velocidade do vento), é uma raríssima exceção que não ocorrerá novamente neste século, ou o início de uma tendência? Imagens do litoral sul de Santa Catarina 2004 Torres, RS 2004

14 Alguns mais alarmistas já falam que a culpa é da sociedade, que vem alterando as características naturais do planeta, sem perceber os prejuízos que isso pode causar. Mas ainda é muito cedo para se chegar a qualquer conclusão a respeito de nossa influência sobre a origem do Catarina. O importante é lembrar que o cuidado com o nosso meio ambiente nunca é demais, e todas as ações que objetivem preservar o equilíbrio ambiental são bem-vindas.


Carregar ppt "ULBRA SÃO JOÃO CICLONE?? OU FURACÃO!. Todos os ventos, de brisas suaves a violentos furacões, são causados por diferenças de temperatura, pela rotação."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google