A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Relatório Profissional da Empregabilidade do Curso de Gestão 4º Semestre – Âmbito da cadeira de Pesquisa de Marketing Administração de Publicidade e Marketing.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Relatório Profissional da Empregabilidade do Curso de Gestão 4º Semestre – Âmbito da cadeira de Pesquisa de Marketing Administração de Publicidade e Marketing."— Transcrição da apresentação:

1 Relatório Profissional da Empregabilidade do Curso de Gestão 4º Semestre – Âmbito da cadeira de Pesquisa de Marketing Administração de Publicidade e Marketing 2º Ano Junho de 2011 Docente: Prof. Ana José Discentes: Ana Catarina Dias nº13793 Ana Rita Raposo nº13971 …………… Ana Isabel Matos nº13799 Lu í s Resp í cio nº12755

2 Índice Introdução Qual a Amostra Caracterização dos Diplomados Caracterização Académica Comportamento do ingresso no mercado de trabalho Como se encontra a situação profissional dos Diplomados Qual a satisfação com o curso Conclusão Bibliografia

3 Introdução Este refere-se a um estudo sobre a Empregabilidade dos Diplomados de Gestão da ESTG – IPP, tem como objectivo, conhecer o percurso profissional dos diplomados de Gestão do IPP, assim, como a sua satisfação com o curso, com as competências adquiridas e a adequação do mesmo ao seu emprego. Tendo implícito o propósito de melhoria e desempenho dos planos de estudo e organizações futuras dos mesmos. Para além de actualizar a base de dados do IPP, este mostra interesse em manter o contacto com os seus diplomados.

4 Inicialmente realizou-se um Design do Estudo, no qual se definiu o tipo de instrumento a utilizar para a recolha de dados. Este viria a ser aplicado através da realização de um questionário via telefónica a 272 diplomados. Após conclusão das entrevistas, introduziu-se os dados em SPSS de forma a analisá-los e a tirar algumas conclusões do mesmo. Neste estudo, realizou-se uma análise Univariável, uma análise Bivariável, Testes T, do Qui-quadrado e de Correlação. Por fim, realizou-se uma Análise Factorial e de Clusters, que serviu para explicar o comportamento e definir segmentos de mercado, respectivamente. Metodologia

5 Amostra O cálculo amostral, para definir número de pessoas a inquirir de modo a que o estudo seja estatisticamente aceite, é calculado pela seguinte fórmula: Dimensão da população = 932 diplomados Intervalo de Confiança = 95% Margem de erro = 5% N =? (amostra)

6 Caracterização dos Diplomados Com média de idades de 32 anos, sendo o mais novo 21 e o mais velho 55. Maioritariamente Sexo Feminino (56%)

7 A maioria dos diplomados é oriunda do distrito de Portalegre; A mesma percentagem mantêm-se neste após conclusão. Observa-se também que após a conclusão do curso existe uma subida no distrito de Lisboa, de 3,45% para 10,34%

8 Caracterização Académica Conclui-se que 81,30% dos diplomados ingressaram no IPP através do curso nacional de acesso No gráfico da Qualidade de aluno, verifica-se que mais de 60% apenas tinham estatuto de Estudante

9 A maior parte dos diplomados não realizou Erasmus, verificando-se mesmo apenas 2% que o fizeram. A média ronda os 13 valores, em que a menor registada é de 10 e a maior de 16 valores.

10 Comportamento do ingresso no mercado de trabalho Comprova-se que 90% dos diplomados se encontram empregados. O tempo de espera mais evidenciado por estes, após a conclusão do curso, é de 0 (zero) meses com 59,4%, onde 19,2% encontrou emprego nos primeiros 3 meses, dando um total aproximado de 80%.

11 A forma de colocação predominante confirma-se que é através de auto- emprego (45,2%), seguindo-se da candidatura espontânea (16,16%). A maioria dos diplomados afirma que teve entre 1 a 2 empregos, porém apenas 1 emprego foi relacionado com a área de formação. Estas duas variáveis mostram uma dependência razoável, isto é, o número de empregos na área é afectado pelo número de empregos no total.

12 Como se encontra a situação profissional dos Diplomados Dos diplomados que já se encontravam empregados antes da conclusão do curso, 63,54% mantiveram-se na mesma empresa e no mesmo cargo, no qual se verifica uma grande discrepância pois só 12,5% mudaram de emprego e/ou de cargo. A área da empresa onde os diplomados mais laboram é nos serviços gerais, com cerca de 40%.

13 Analisando o vínculo laboral dos diplomados, este revela que 67,5% se encontram efectivos e 48% recebe mais de euros. Concluí-se que se verifica uma dependência entre a variável remuneração mensal líquida e o vínculo laboral, contudo a sua associação linear é fraca positiva, ou seja, a remuneração é pouco afectada pelo vínculo laboral.

14 Abordados sobre a relação entre o seu emprego actual e a área de formação, 72% destes encontra-se satisfeito ou muito satisfeito, pois estão a exercer na área, denotando-se que apenas 11% dos diplomados não exerce funções relacionadas com a sua formação no IPP. Razões apontadas: Melhor salário; Actividade mais interessante.

15 Qual a satisfação com o curso

16 A moda das variáveis relativas à questão da satisfação o curso, revela que maioritariamente os inquiridos estão muito satisfeitos, pois na escala de Likert de 1 a 7, o número mais repetido foi o 5. Conclui-se também a existência de dois segmentos na variável satisfação com o curso. Pode-se definir o segmento A como correspondente aos inquiridos que se encontram sobretudo satisfeitos com a formação académica, e privilegiam o conhecimento. O segmento B designa a concordância do curso voltado para o mercado de trabalho, em termos práticos, como a fonte de maior satisfação com o curso. São indivíduos que se formam academicamente com o fim de aplicar o aprendido na prática.

17 Satisfação com competências adquiridas Moda Relações Interpessoais6 Liderança6 Criatividade5 Trabalho em equipa6 Capacidade empreendedora5 Gestão de pessoas5 Gestão de projectos5 Capacidade de negociação5 Polivalência5 Capacidade crítica6 Resolução de Problemas6 Integração de conhecimentos6

18 Os diplomados encontram-se muito satisfeitos com as competências que adquiriram ao longo do curso, pois apresenta-se uma moda bimodal, com os valores 5 e 6 na escala de Likert de 1 a 7. E a existência de apenas um segmento relativamente à satisfação das competências adquiridas, caracterizado pela satisfação exclusiva/maioritária de competências adquiridas relacionada com a interacção em grupo.

19 Conclusão Da análise de dados, as conclusões mais importantes para o IPP, passam por saber que os diplomados se encontram muito satisfeitos com o curso e com as competências que adquiriram ao longo do mesmo. E sobretudo, que o estabelecimento de ensino lhes transmitiu conhecimentos para que hoje consigam ter sucesso profissional. Conclui-se também a existência de dois segmentos na satisfação com o curso, em que um se sente especialmente satisfeito com as bases teóricas e o outro com a prática aplicada durante o curso. E a existência de apenas um segmento relativamente à satisfação das competências adquiridas. Este é composto pelas relações interpessoais e trabalho em equipa. Desta forma pode-se afirmar que estes são diplomados que gostam de cooperar e estabelecer relações.


Carregar ppt "Relatório Profissional da Empregabilidade do Curso de Gestão 4º Semestre – Âmbito da cadeira de Pesquisa de Marketing Administração de Publicidade e Marketing."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google