A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 Curso de Aprimoramento Prático Mediúnico - 1º ano Aula 3 – Método PACEM.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 Curso de Aprimoramento Prático Mediúnico - 1º ano Aula 3 – Método PACEM."— Transcrição da apresentação:

1 1 Curso de Aprimoramento Prático Mediúnico - 1º ano Aula 3 – Método PACEM

2 Grupo da Fraternidade Fabiano de Cristo – 2 Curso de Aprimoramento Prático Mediúnico - 1º ano Este material foi inspirado no conteúdo programático do Curso de Aprimoramento Prático Mediúnico ministrado no CEOS - Centro Espírita Obreiros do Senhor ( ). O material foi complementado com textos retirados da internet (vide referências) e de livros espíritas, organizados pelos integrantes do Grupo de Fraternidade Fabiano de Cristo. O conteúdo do curso, bem como o material de apoio, está em constante atualização. Qualquer sugestão ou indicação de erros é bem-vinda.

3 Grupo da Fraternidade Fabiano de Cristo – 3 Aula 3 – Corpo, Períspirito, Espírito (Resumo) Corpo: Envoltório grosseiro, material do qual está temporariamente revestido para o cumprimento de certos objetivos providenciais. Duplo Etérico: É o aglutinador e controlador da energia vital para o corpo físico. Serve de ligação entre o perispírito e o corpo físico, funcionando como um filtro das energias que chegam e saem do físico, protegendo o ser de cargas negativas que podem gerar desequilíbrios e doenças. Desaparece com a morte física. Períspirito : Envoltório fluídico, semi-material, traço de união entre a vida corpórea e a vida espiritual. É por seu intermédio que o espírito encarnado se acha em relação contínua com os desencarnados. É constituído do fluído universal do globo em que reside. Espírito: Princípio inteligente em que reside o senso moral.

4 Grupo da Fraternidade Fabiano de Cristo – 4 Aula 3 – Alma e Aura (Resumo) Alma: A alma é o nome que se dá para o espírito encarnado. Aura: São emanações energéticas de nosso corpo físico, duplo etérico e de nosso perispírito comandadas por nossas ondas mentais.

5 Grupo da Fraternidade Fabiano de Cristo – 5 Aula 3 - Duplo Etérico e Aura Proteção e reserva energética Imagens Fonte:

6 Grupo da Fraternidade Fabiano de Cristo – 6 Aula 3 - Centros de Força e Plexos (Resumo) Centros de Força: são acumuladores e distribuidores de força espiritual, situados no perispírito pelos quais transitam os fluídos energéticos de uns para outros dos envoltórios exteriores do Espírito encarnado. Plexos: São conjuntos e aglomerados de nervos e gânglios do Sistema Vago-Simpático que regula a vida vegetativa do corpo humano. Se localizam em regiões anatômicas equivalentes aos centros de força no períspirito.

7 Grupo da Fraternidade Fabiano de Cristo – 7 Aula 3 - Centros de Força e Plexos (Resumo)

8 Grupo da Fraternidade Fabiano de Cristo – 8 A comunicação ocorre entre os perispíritos (centros de força). O pensamento ou fluído ativa os centros de força que, por sua vez, ativam os plexos e os nervos do corpo físico. Aula 3 – Interação: Corpo, Períspirito, Espírito (Resumo)

9 Grupo da Fraternidade Fabiano de Cristo – 9 P – Percepção de Fluídos A – Aproximação C – Contato E – Envolvimento M – Manifestação Aula 3 – As cinco fases da manifestação mediúnica

10 Grupo da Fraternidade Fabiano de Cristo – 10 1ª Fase - Percepção de Fluídos : Os instrutores espirituais estudam o organismo dos médiuns, anotam os pontos sensíveis, e sob a solicitação do dirigente, lançam um jato de fluídos nos pontos sensíveis dos médiuns. Mesmo quando a mediunidade já está manifestada deve ser usada para reeducar a sensibilidade do médium ( Há médiuns insensíveis a fluídos mais finos) Por meio dos pontos de sensibilidade o dirigente poderá, algumas vezes, definir as mediunidades que o médium possue. A prática dessa fase permitirá ao médium identificar alguns espíritos e sua vibração e se defender de maus fluídos em tempo hábil. Aula 3 – As cinco fases da manifestação mediúnica

11 Grupo da Fraternidade Fabiano de Cristo – 11 Aula 3 – As cinco fases da manifestação mediúnica Percepção de Fluídos LocalNatureza do FluídoReaçõesMediunidade Cérebro, lado esquerdo acima da orelha Frio, Calmante, Suave em ondulações Sonolência, Vista turva, pálpebras pesadas, formigamento ou pressão na cabeça Psicofonia ou incorporação, Escrita mecânica ou semi-mecânica, desdobramentos Quente áspero, irritante em rajadas, refletindo-se na cabeça e nos ombros Mal-estar, enjôo de estômago, falta de ar, inchaço de mãos e pés, sensação de dilatação Fluídos pesados, Incorporação ou possibilidade de efeitos físicos Braços e mãosLeve em ondulações, descendo até as mãos NenhumaIncorporação parcial ou escrita telepática

12 Grupo da Fraternidade Fabiano de Cristo – 12 2ª Fase - Aproximação: O Instrutor espiritual aproxima-se do médium. O médium deverá sentir a aproximação ou pelo menos a presença. Mais difícil de ser percebida porque o médium deverá sentir por si só. Ajuda na defesa contra radiações maléficas de encarnados e desencarnados. Aula 3 – As cinco fases da manifestação mediúnica

13 Grupo da Fraternidade Fabiano de Cristo – 13 3ª Fase - Contato: O Instrutor espiritual ou cooperador estabelece contato com o perispírito do médium. Se agirem sobre os centros de força poderá ocorrer uma leve manifestação mediúnica. Se agirem sobre os plexos poderá ocorrer repuxamentos e tremores. Se agirem sobre os pontos de sensibilidade a percepção será muito mais acentuada que nas fases anteriores. Caso o médium não se prepare, não obtendo auto controle poderá ocorrer sérias perturbações espirituais e orgânicas. Aula 3 – As cinco fases da manifestação mediúnica

14 Grupo da Fraternidade Fabiano de Cristo – 14 4ª Fase - Envolvimento: O Instrutor espiritual ou cooperador envolve o médium conforme o grau de afinidade que existir entre ambos. Através do pensamento, idéias, mente ou diretamente sobre o perispírito de acordo com a mediunidade. Quanto maior o envolvimento menor a consciência. O despreparo do médium e o ambiente desfavorável pode levar a dominação pelo espírito. Como defesa, o médium deverá perceber o envolvimento e cortá-lo logo no início (reforma intima ). Aula 3 – As cinco fases da manifestação mediúnica

15 Grupo da Fraternidade Fabiano de Cristo – 15 5ª Fase – Manifestação: Finalização do processo onde ocorre o circuito mediúnico. Pode ser verbal, escrita, consciente ou inconsciente. Nesse instante é que se fazem mais presentes as interferências do subsconciente do médium. Aula 3 – As cinco fases da manifestação mediúnica

16 Grupo da Fraternidade Fabiano de Cristo – 16 GEAE – Grupo de Estudos Avançados Espíritas : A Comunicação Entre os Planos Físico e Espiritual, Grupo ComCiência, Brasil Terra Espiritual: Livro: Desenvolvimento Mediúnico – Mediunidade Prática – Edgard Armond, Ed. Aliança. Livro: Passes e Radiações – Edgard Armond, Ed. Aliança Referências


Carregar ppt "1 Curso de Aprimoramento Prático Mediúnico - 1º ano Aula 3 – Método PACEM."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google