A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Janela de Johari Ferramenta, criada por Joseph Luft e Harrington Ingham em 1955, que tem como objetivo auxiliar no entendimento da comunicação interpessoal.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Janela de Johari Ferramenta, criada por Joseph Luft e Harrington Ingham em 1955, que tem como objetivo auxiliar no entendimento da comunicação interpessoal."— Transcrição da apresentação:

1 Janela de Johari Ferramenta, criada por Joseph Luft e Harrington Ingham em 1955, que tem como objetivo auxiliar no entendimento da comunicação interpessoal e nos relacionamentos com um grupo. Este conceito pode aplicar-se ao estudo da interação e das relações interpessoais em várias situações, entre indivíduos, grupos ou organizações. A palavra Johari, tem origem na composição dos prenomes dos seus criadores: Jo(seph) e Hari(Harrington -1955). MOTIVAÇÃO

2 Eu AbertoEu Cego Eu OcultoDesconhecida Conhecimento próprio Elevado Reduzido Conhecimento Pelos outros Elevado Reduzido Janela de Johari Feedback dos outros ABERTURaABERTURa

3 JANELA DE JOHARI Conhecida pelos outros Desconhecida pelos outros Conhecida por mim Desconhecida por mim Área Aberta Área Cega Área Oculta Área Desconhecida

4 –Quadrante 1: O eu aberto, que representa as facetas da personalidade conhecidas pela própria pessoa que está disposta a participá-las aos outros. É a área aberta da personalidade, ou seja, os outros a vêem exatamente como ela se vê. –Quadrante 2: O eu cego, que representa a área cega da personalidade da pessoa, que inconscientemente esconde de si mesma, mas que faz parte do comportamento que comunica aos outros. São os aspectos que a pessoa não consegue perceber em si mesma, embora sejam percebidos pelos outros. Por exemplo, apesar de a pessoa não admitir o fato, os outros a vêem como ansiosa e notam que este aspecto reduz sua eficiência JANELA DE JOHARI

5 –Quadrante 3: O eu oculto, que representa os aspectos da personalidade que a pessoa conhece, mas que está consciente e deliberadamente tentando esconder dos outros. – É a área secreta que a pessoa tenta ocultar para proteger-se. Por exemplo, a pessoa sente-se insegura, mas tenta mostrar uma aparência de muita segurança pessoal. –Quadrante 4: O eu desconhecido, que representa as facetas da personalidade da pessoa, que nem ela nem os outros conhecem ou percebem, por exemplo certos sentimentos ou impulsos reprimidos e inconscientes, talentos ou habilidades inexplorados, potencialidades etc.

6 1- Eu sei e os outros também 2 Só os outros sabem 3- Só eu sei 4- Nem eu nem os os outros sabem.

7 JANELA DE JOHARI RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS Menos erros de interpretação. Norma de franqueza. Espontaneidade. Menos gasto de energia. Confiança mútua. Criatividade. EU ABERTO Eu e os outros conhecemos

8 1. IMAGEM ABERTA OU SERENA Eu sei quem sou e os outros também. É a parte da janela que mostra a parte fundamental do nosso relacionamento com os outros, porque somos capazes de revelar-nos conscientemente. Esta parte se abre na medida em que a confiança e a verdade aumentam. Informações pessoais são compartilhadas. É a troca livre e aberta de informações: quando você conversa com um amigo, sobre algo particular ou íntimo, faz um desabafo relatando fatos. Esta arena dá a segurança pessoal e é a que mais o ajuda a se desenvolver.

9 JANELA DE JOHARI RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS Crítico. Egocêntrico. Exagerado nas convicções. Autoritário. Gera hostilidade. EU CEGO O grupo conhece e eu desconheço

10 2- IMAGEM CEGA OU OLHAR DOS OUTROS. É o que não percebemos de nós mesmos mas que os outros percebem. O que os outros pensam de nós e não sabemos. Os outros também tiram conclusões a nosso respeito e não revelam com medo de magoar-nos ou até porque, às vezes, não permitimos. É difícil aceitar críticas, sugestões sobre o nosso modo de ser. Até as pessoas mais chegadas desistem de querer ajudar-nos, pois não aceitamos que os outros se intrometam em nossa vida. Mas, quando aceitamos, a ajuda dos outros é sempre bem vinda, principalmente quando eles enxergam coisas que não conseguimos perceber por nós próprios. As pessoas bem sucedidas sempre souberam ouvir os outros.

11 JANELA DE JOHARI RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS Pergunta sobre si. Sabe a posição dos outros. Sentimento de rejeição. Baixo risco. Controle dos outros. Desconfiança/reserva. Irritação/retraimento. EU SECRETO Eu conheço e o grupo desconhece

12 3. IMAGEM SECRETA OU FACHADA É o que sabemos de nós mesmos mas não revelamos: é nossa parte secreta, a nossa intimidade. São aquelas coisas que pensamos ou fazemos e que não queremos revelar por medo, por segurança, por vergonha e que temos medo de que os outros saibam e podem nos condenar, nos dominar e até cortar o relacionamento conosco.

13 JANELA DE JOHARI RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS Potencial inexplorado. Criatividade reprimida. Relacionamento interpessoal. Comportamentos rígidos. Aversão a riscos. observador. Burocrata. EU DESCONNHECIDO Eu e o grupo desconhecemos

14 4. IMAGEM DESCONHECIDA OU SUBTERRÂNEA É a parte desconhecida de nós e dos outros. É tudo o que se passou em nossa história e que está inconsciente e que ainda não foi explorado.

15 Tipos de Comunicação Escritas Orais Mímica s Olhar Não verbais Gesto s Postura do corpo

16 Feedback Processo de ajuda para mudanças de comportamento. É a comunicação a uma pessoa, ou grupo, no sentido de fornecer-lhe informações sobre como sua atuação está afetando outras pessoas.

17 Para que o processo de feedback seja útil, ele precisa ser: Descritivo (relato de um evento) ao invés de avaliativo, não julgar Específico ao invés de geral, ex.: Nesta reunião você não ouviu a opinião dos demais Compatível com as necessidades de ambos: comunicador e receptor

18 Processo de feedback Dirigidos para comportamentos possíveis de mudança Solicitado ao invés de imposto Oportuno: mais próximo possível do comportamento em questão

19 Processo de feedback Esclarecido: receptor pode repetir o feedback para ver se corresponde ao que comunicador quis dizer

20 Por que é difícil receber feedback? É difícil aceitar nossas ineficiências e ainda mais admiti-las para os outros, publicamente Por que é difícil dar feedback? Podemos temer a reação dos outros Por temer que feedback seja mal interpretado

21 Como superar as dificuldades? Estabelecer uma relação de confiança Reconhecer que o feedback é um processo de exame conjunto Aprender a ouvir feedback sem reações ou conotações emocionais intensas Aprender a dar feedback sem reações ou conotações emocionais intensas


Carregar ppt "Janela de Johari Ferramenta, criada por Joseph Luft e Harrington Ingham em 1955, que tem como objetivo auxiliar no entendimento da comunicação interpessoal."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google