A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Concurso Solar Padre HimalayaEscalão Aurora 1ºCiclo O Nosso Relógio de Sol Escola EB1/Jardim de Infância de Proença-a-Nova.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Concurso Solar Padre HimalayaEscalão Aurora 1ºCiclo O Nosso Relógio de Sol Escola EB1/Jardim de Infância de Proença-a-Nova."— Transcrição da apresentação:

1 Concurso Solar Padre HimalayaEscalão Aurora 1ºCiclo O Nosso Relógio de Sol Escola EB1/Jardim de Infância de Proença-a-Nova

2 Objectivos Despertar a curiosidade científica. Despertar a curiosidade científica. Descobrir e desenvolver o trabalho em equipa. Descobrir e desenvolver o trabalho em equipa. Sensibilizar a turma/escola/família para a utilização das energias alternativas e dos benefícios resultantes do uso destas energias para a redução da emissão dos gases de efeito estufa. Sensibilizar a turma/escola/família para a utilização das energias alternativas e dos benefícios resultantes do uso destas energias para a redução da emissão dos gases de efeito estufa. Realizar experiências em que a participação dos alunos poderá constituir-se num pólo de motivação e interesse pela energia solar. Realizar experiências em que a participação dos alunos poderá constituir-se num pólo de motivação e interesse pela energia solar.

3 Identificação da Equipa Nome dos alunos: Nome dos alunos: Mª da Purificação M. C. Alexandre António Branco Martins Rubén José Ribeiro Gaspar Fábio Jorge Martins Fernandes Roberto Pereira Marques Ricardo João Lopes Fernandes Helder Lopes Davide Sobreira Martins Tiago Trocato Lourenço Beatriz Belo Morgado Duarte Ana Luísa Balau Manso Nome dos Professores: Nome dos Professores: Rosa Morgado Ângela Almeida Fátima Carrilho Paula Pereira Escola EB1/Jardim de Infância de Proença-a-Nova Escola EB1/Jardim de Infância de Proença-a-Nova Concelho: Proença-a-NovaDistrito: Castelo Branco Nome da equipa: Nome da equipa: Os incríveisOs incríveis

4 Os Incríveis

5 Introdução Entre muitos dispositivos projectados através dos milénios para medir o tempo encontram-se os relógios de sol. Relógios de sol que se juntam com a contagem do tempo numa simbiose matemática intemporal, entrelaçada com alguma da assombrosa beleza do nosso Universo. A nossa participação faz todo o sentido uma vez que na área pedagógica a construção de um Relógio de Sol mostra-se como um objecto de aprendizagem, possibilitando aos educadores trabalhar com duração de tempo, dia e noite, o movimento aparente do sol, o movimento da Terra, …, pontos cardeais e posição da Terra no espaço.

6 O local escolhido para colocarmos o nosso Relógio de Sol: Escolhemos um local de fácil acesso, onde o sol incide a maior parte do dia.

7 Como construímos o nosso Relógio de Sol… Determinação do Norte Verdadeiro: Determinação do Norte Verdadeiro: Barbante, lápis e uma vareta foram firmemente apostos em terreno plano, conforme a figura: Barbante, lápis e uma vareta foram firmemente apostos em terreno plano, conforme a figura: Próximo das 10 horas, traçámos uma circunferência de raio igual à sombra da vareta e marcámos o ponto em que a sombra tocou a circunferência, unindo o ponto à base da vareta. Próximo das 10 horas, traçámos uma circunferência de raio igual à sombra da vareta e marcámos o ponto em que a sombra tocou a circunferência, unindo o ponto à base da vareta. Próximo da hora oposta (14 horas) repetimos o passo anterior. Próximo da hora oposta (14 horas) repetimos o passo anterior. A bissectriz do ângulo formado aponta para o Norte Verdadeiro A bissectriz do ângulo formado aponta para o Norte Verdadeiro

8 Encontrar a latitude local: Encontrar a latitude local: Para obtermos a latitude local recorremos à Internet, realizámos uma pesquisa e facilmente encontrámos a resposta pretendida. A Latitude do local onde construímos o nosso Relógio de Sol é de 39,8. Para obtermos a latitude local recorremos à Internet, realizámos uma pesquisa e facilmente encontrámos a resposta pretendida. A Latitude do local onde construímos o nosso Relógio de Sol é de 39,8. Construção do Relógio de Sol: O nosso relógio horizontal é composto por uma mesa/mostrador (horizontal), um gnómon (Inclinado) e os mostradores das horas, marcados sobre a Mesa. O nosso relógio horizontal é composto por uma mesa/mostrador (horizontal), um gnómon (Inclinado) e os mostradores das horas, marcados sobre a Mesa.

9 Procedimento: Traçámos uma margem de 2cm em cada um dos lados da mesa e definimos o lado superior do mostrador como sendo o segmento de recta AB. Traçámos uma margem de 2cm em cada um dos lados da mesa e definimos o lado superior do mostrador como sendo o segmento de recta AB. No segmento de recta AB, marcámos o ponto médio C e traçámos uma perpendicular. Ao ponto de intersecção do último segmento com a margem já construída atribuímos a letra D. No segmento de recta AB, marcámos o ponto médio C e traçámos uma perpendicular. Ao ponto de intersecção do último segmento com a margem já construída atribuímos a letra D. A partir do segmento AC – com um transferidor marcámos o ângulo complementar da latitude (α) e traçámos um segmento de recta com origem no ponto C. Assinalámos um ponto E que dista 4cm de C. A partir do segmento AC – com um transferidor marcámos o ângulo complementar da latitude (α) e traçámos um segmento de recta com origem no ponto C. Assinalámos um ponto E que dista 4cm de C.

10 A partir do ponto E traçámos uma perpendicular a CE, que vai ao encontro do segmento CD. Chamámos F ao ponto de intersecção deste novo segmento com o segmento CD. A partir do ponto E traçámos uma perpendicular a CE, que vai ao encontro do segmento CD. Chamámos F ao ponto de intersecção deste novo segmento com o segmento CD. Traçámos uma recta s paralela ao segmento AB e que passa por F. Traçámos uma recta s paralela ao segmento AB e que passa por F. Construímos uma circunferência de centro em F e raio igual à medida do segmento EF. Assinalámos com a letra G o ponto de intersecção da circunferência com o segmento CD. Construímos uma circunferência de centro em F e raio igual à medida do segmento EF. Assinalámos com a letra G o ponto de intersecção da circunferência com o segmento CD. Construímos uma semi-circunferência de centro em G e marcámos sobre esta os ângulos de 15° em 15° a partir do segmento CD. Traçámos todos os segmentos que unem o ponto G à recta s e que passam pelas marcas entretanto assinaladas. Construímos uma semi-circunferência de centro em G e marcámos sobre esta os ângulos de 15° em 15° a partir do segmento CD. Traçámos todos os segmentos que unem o ponto G à recta s e que passam pelas marcas entretanto assinaladas.

11 Com os pontos obtidos na recta s traçámos todos os segmentos que vão ao encontro do ponto C e que intersectam na outra extremidade as margens do mostrador. Estes segmentos vão representar as linhas horárias do relógio de sol. Com os pontos obtidos na recta s traçámos todos os segmentos que vão ao encontro do ponto C e que intersectam na outra extremidade as margens do mostrador. Estes segmentos vão representar as linhas horárias do relógio de sol. Fixámos o gnómon ao mostrador, de modo a que a base do triângulo coincidisse com o segmento de recta CD. O gnómon ficou perpendicular ao mostrador. Fixámos o gnómon ao mostrador, de modo a que a base do triângulo coincidisse com o segmento de recta CD. O gnómon ficou perpendicular ao mostrador. Colocámos o relógio de sol no local escolhido de modo a que o vértice C ficasse apontado a Sul. Colocámos o relógio de sol no local escolhido de modo a que o vértice C ficasse apontado a Sul. (A marcação das horas foi feita em papel autocolante, uma vez que se tornava difícil visualizar os traços no granito preto. Depois de marcadas, colámos o papel no granito e pedimos a um adulto para fazer os cortes com uma rebarbadora.)

12 No Relógio de sol Horizontal, o mostrador está na horizontal pelo que o gnómon faz um ângulo com o mostrador igual à latitude do local de implantação do relógio.

13 Material utilizado: O mostrador é de granito negro e o gnómon de metal. O mostrador é de granito negro e o gnómon de metal. O espaço envolvente foi preenchido com carrasca de pinheiro para evitar o crescimento de plantas espontâneas em redor do Relógio. O espaço envolvente foi preenchido com carrasca de pinheiro para evitar o crescimento de plantas espontâneas em redor do Relógio. Colocámos uma pequena cerca de madeira para manter a carrasca de pinheiro junto do relógio. Colocámos uma pequena cerca de madeira para manter a carrasca de pinheiro junto do relógio.

14 Actividades desenvolvidas no decorrer da construção do Relógio de Sol Pesquisas na Internet; Pesquisas na Internet; Elaboração do projecto de trabalho; Elaboração do projecto de trabalho; Construção de um cartaz informativo sobre Relógios de Sol. Construção de um cartaz informativo sobre Relógios de Sol.

15 Fim


Carregar ppt "Concurso Solar Padre HimalayaEscalão Aurora 1ºCiclo O Nosso Relógio de Sol Escola EB1/Jardim de Infância de Proença-a-Nova."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google