A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Arqueologia. Lápide honorífica MNMC 150 Séc. IV Altura 135 cm calcário Descoberta em 1888, esta lápide, dedicada pela cidade de Aeminium ao «dilecto príncipe.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Arqueologia. Lápide honorífica MNMC 150 Séc. IV Altura 135 cm calcário Descoberta em 1888, esta lápide, dedicada pela cidade de Aeminium ao «dilecto príncipe."— Transcrição da apresentação:

1 Arqueologia

2 Lápide honorífica MNMC 150 Séc. IV Altura 135 cm calcário Descoberta em 1888, esta lápide, dedicada pela cidade de Aeminium ao «dilecto príncipe Flávio Valério Constâncio…» tem a maior importância para Coimbra. Ela confirma documentalmente o seu nome romano e sugere, pela data de , que a grande benfeitoria concedida por Constâncio Cloro possa ter sido a construção da muralha.

3 Retrato de Agripina MNMC Séc. I Altura 54 cm mármore Este retrato, certamente proveniente da basílica, foi encontrado nos entulhos do criptóportico. Trata-se de Agripina, a Antiga, quarta mulher do imperador Cláudio e mãe de Nero, aqui representada por um artista provincial, copiando um modelo itálico, do chamado tipo Capitólio-Veneza.

4 Retrato feminino MNMC Séc. I Altura 32 cm mármore Retrato executado por artista provincial, esta cabeça foi igualmente encontrado nos entulhos do criptóportico. O véu, o penteado e os traços gerais do rosto aproximam-na dos retratos de Lívia, integrados no tipo Salus, embora não se possa afirmar que a retratada seja esta imperatriz, mulher de Augusto.

5 Retrato de Vespasiano MNMC Séc. I Altura 29,5 cm mármore Claramente um retrato contemporâneo de Vespasiano, traduzindo não só as feições mas também a expressão de fadiga, habitual nas representações do imperador, esta obra, proveniente do criptopórtico, foi interpretada como reutilização de uma cabeça de Nero cuja memória nem os governantes nem o povo desejavam perpetuar.

6 Retrato de Trajano MNMC Séc. I –Séc. II Altura 70 cm mármore Também encontrada no criptopórtico, esta representação de Trajano, coroado de louros, é um retrato feito em vida do imperador. O artista, provincial, segue de perto o tipo coroa cívica e transmite, de forma rude mas expressiva, a forte personalidade do Optimus Princeps.

7 Árula votiva MNMC Séc. II – Séc III Altura 18,2 cm calcário A sua oferta desta árula ao Génio da Basílica representa um testemunho importante do culto do Genius, difundido na Lusitânia a partir do último quartel do séc. I. A parte inferior da peça desapareceu, deixando a inscrição incompleta.


Carregar ppt "Arqueologia. Lápide honorífica MNMC 150 Séc. IV Altura 135 cm calcário Descoberta em 1888, esta lápide, dedicada pela cidade de Aeminium ao «dilecto príncipe."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google