A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Infraestrutura de Redes Soluções Francisco Cousino

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Infraestrutura de Redes Soluções Francisco Cousino"— Transcrição da apresentação:

1 Infraestrutura de Redes Soluções Francisco Cousino

2 AGENDA A infraestrutura de TI Cenário Atual Sistema e normas de Cabeamento A importância da TI na área da Saúde Tendências Análise de tecnologias com fio Análise de tecnologias móveis Perguntas

3 A infraestrutura de TI A importância da infraestrutura de TI Tópicos da infraestrutura Redes Meios físicos Guiados Meios físicos não Guiados Storages SAN (Network Attached Storage) NAS (Storage Área Network) Servidores Cluster Virtualização Cloud Computing

4 Cenário Atual As novas demandas proporcionadas por serviços e aplicações multimídia vem empurrando a evolução da infraestrutura de redes. Novos serviços de largura de banda alta e a adoção de padrões Ethernet de velocidades mais altas, estão criando um ambiente onde o IP adequado para a transmissão de serviços de IP avançados Voz sobre IP, Vídeo conferência IP, Telemedicina Cada vez mais as redes de transmissão de voz, dados e vídeo estão convergindo para uma única infra-estrutura, e a demanda por confiabilidade e Qualidade de Serviço (QoS) nunca foi tão grande.

5 Foco na Infraestrutura Logo se faz necessário um sistema de infraestrutura básico : Eficiente Estruturado Confiável Alto desempenho Cenário Atual

6 Infraestrutura de rede eficiente Uma Infra eficiente é aberta e simples, assim você pode: Incorporar servidores, storages e equipamentos de rede numa solução coesa. Reduzir o tamanho físico da rede. Uma rede eficiente é flexível e ágil, assim você pode: Usar uma infraestrutura compartilhada eficiente. Responder instantaneamente às necessidades das aplicações. Dimensionar de acordo com a demanda virtualmente e com controle total.

7 Benefícios da infraestrura eficiente Uma solução de rede eficiente de ponta a ponta permite a você: Implementar novos serviços rapidamente. Reduzir riscos e custos, otimizando e agilizando sua rede. Ampliar o que você já possui, usando seus investimentos existentes em infraestrutura. Eliminar a rigidez das tecnologias proprietárias. Atender às mudanças nas necessidades de forma fácil e economicamente acessível. Construir para hoje com capacidade de ampliação para o futuro.

8 Sistema de Cabeamento Estruturado Definição Por definição, trata-se de uma infraestrutura única de cabeamento metálico ou óptico não proprietária, capaz de atender a diversas aplicações proporcionando flexibilidade de layout, facilidade de gerenciamento, administração e manutenção.

9 Origem do Cabeamento Estruturado LAN PBX Telefonia ANTES MAINFRAME DEPOIS

10 Razões para se investir na infraestrutura básica de cabeamento Custo do Cabeamento aproximadamente 5% do investimento global; Custo de manutenção redução do tempo de reparo. redução com custos de mudanças das estações de trabalho (em média 40% dos funcionários de uma organização mudam de lugar 1 vez ao ano). Custo de ampliação se torna mais barato, tendo em vista a flexibilidade de expansão dos sistemas estruturados Motivos de parada em redes corporativas

11 Órgãos Certificadores EIA – Electronics Industries Association Órgão americano responsável por grande parte das normas de cabeamento estruturado em uso, a EIA é um órgão americano que, normalmente em associação com a TIA, determina características dos sistemas de cabeamento estruturado. ISO – International Standards Organization

12 Órgãos Certificadores TIA – Telecommunications Industry Association Órgão americano responsável por grande parte das normas de cabeamento estruturado em uso, a TIA é um orgão americano que, normalmente em associação com a EIA, determina características dos sistemas de cabeamento estruturado. ABNT - Associação Brasileira de Normas Técnicas. É responsável pela nova norma brasileira de cabeamento estruturado, recentemente lançada, a NBR

13 Normas de Cabeamento Normas para a instalação em ambientes comerciais TIA 568C. ISSO NBR Normas para instalação em ambientes residências TIA 570B Normas para instalação em Data Centers TIA 942 Normas para instalação em ambientes industriais TIA 1005 Normas para instalação em ambientes de saúde TIA 1179.

14

15

16

17

18

19

20

21

22 Norma TIA 1179 Por que existe uma Norma de cabeamento específica para instalações sanitárias? Requisitos de cabeamento nas instalações sanitárias podem ser muito mais complexos do que em um edifício comercial. Elementos que constituem um cabeamento genérico em um ambiente de saúde: Sala de Entrada Sala de Equipamentos Salas de Telecomunicações/Racks de Telecomunicações Cabeamento de Backbone Cabeamento Horizontal Área de trabalho

23 Norma TIA 1179 Quais requisitos únicos a norma TIA-1179 descreve? Fator de crescimento estimado em 100% para as salas de equipamentos e salas de telecomunicações. A recomendação de implementar canais fechados em espaços de gerenciamento de ar para cumprir com os requisitos de controle de infecções (ICRs). Separação dos cabos para diferentes redes e aplicações para compatibilizar com os protocolos relativos à segurança e proteção pessoal. Esta separação pode ser física (separando os canais de cabos) e visual (cabos de diferentes cores para diferentes redes). Densidade do terminal da área de trabalho (ver a página seguinte)

24

25

26

27

28 MUITO OBRIGADO PELA SUA ATENÇÃO


Carregar ppt "Infraestrutura de Redes Soluções Francisco Cousino"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google