A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

OBSERVATÓRIO DO MUNDO CONTEMPORÂNEO INFORMALIDADE DO TRABALHO FEMININO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "OBSERVATÓRIO DO MUNDO CONTEMPORÂNEO INFORMALIDADE DO TRABALHO FEMININO."— Transcrição da apresentação:

1 OBSERVATÓRIO DO MUNDO CONTEMPORÂNEO INFORMALIDADE DO TRABALHO FEMININO.

2 O modo de produção capitalista, tem (re)criado formas externas de trabalho que varia desde o trabalho domiciliar até a terceirização, se caracterizando por se livrar das responsabilidades com a produtividade e também dos encargos trabalhistas. questão de gênero o ganho se torna ainda maior, pois esse tipo de função permite que a mulher continue desenvolvendo suas funções domésticas e gerando filhos, sendo portanto, a responsável por essas tarefas e sem custos para o capital

3 O trabalho domiciliar aparece para a mulher como uma alternativa, pela exclusão de espaços de atuação no mercado de trabalho, ou melhor, pela exclusão de tarefas melhores remuneradas e maior prestígio

4 E ainda há a condição específica de que com a realização das funções, domiciliar, há a alternativa de conciliar as tarefas domésticas e o cuidado com os filhos com o trabalho remunerado, sem mesmo sair de casa.

5 A idéia de trabalhar em casa, além de criar a ilusão do negócio próprio, do ponto de vista do gênero, supre as expectativas da mulher em conseguir mais fácil e rapidamente lidar com a dupla jornada de trabalho, sem ter de dispor de parte de seus recursos financeiros para o pagamento de um funcionário, na realização dos afazeres domésticos.

6 A idéia de trabalhar em casa, além de criar a ilusão do negócio próprio, do ponto de vista do gênero, supre as expectativas da mulher em conseguir mais fácil e rapidamente lidar com a dupla jornada de trabalho, sem ter de dispor de parte de seus recursos financeiros para o pagamento de um funcionário (empregada domestico ou diarista),

7 Da naturalização das desigualdades à determinação social

8 A partir da contemporaneidade, a condição feminina foi abordada e questionada mais profundamente por teóricos que negavam o pragmatismo natural com que as mulheres eram tratadas, desconstruindo o mito da superioridade masculina. Muitos autores e teóricos remetem a opressão como fatalização do ser mulher condicionada por fatores biológicos. Outros através do reconhecimento de uma determinação social construída historicamente.

9 Em 2000 a população mundial atingiu a marca dos 6 bilhões de pessoas. Destes 4 bilhões vivem abaixo da linha da pobreza, sendo que 70% são mulheres

10 A mulher, o trabalho e a globalização. Os efeitos da globalização afetaram desigualmente o emprego masculino e feminino nos anos noventa. Se o emprego masculino regrediu ou se estagnou, a liberalização do comércio e a intensificação da concorrência internacional - na busca desenfreada por mão-de-obra barata Houve um crescimento da participação das mulheres no mercado de trabalho, tanto nas áreas formais quanto informais da vida econômica, assim como no setor de serviços.

11 Neste, contexto, o Brasil é um dos países que apresenta maior diferença salarial entre homens e mulheres: a média salarial entre as mulheres chega a representar 54% da média salarial dos homens. A diferença salarial entre os sexos tem diversas causas: que variam desde o subemprego das mulheres, sua ocupação nos postos mais baixos da escala salarial até a permanência da discriminação sexual direta em ocupações de igual nível.

12 "Espero que vocês não sejam desaforadas e não comecem a pensar logo na Presidência da República!" Discurso no Dia Internacional da Mulher em 8 de março de 2005.

13 Fim. Cordenadora do mural: Teresinha Brumatti Carvalhal. Alunos envolvidos no projeto: Gabriel Paiva, Luiz Fernando Zen,Evandro Castagna. Produção dos slides: Mauro Camargo, Alexandre R. Valcarenghi.


Carregar ppt "OBSERVATÓRIO DO MUNDO CONTEMPORÂNEO INFORMALIDADE DO TRABALHO FEMININO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google