A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

REOLOGIA DO CONCRETO. Nome: Arcindo Vaquero y Mayor : Telefone: (11) 3709-3466.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "REOLOGIA DO CONCRETO. Nome: Arcindo Vaquero y Mayor : Telefone: (11) 3709-3466."— Transcrição da apresentação:

1 REOLOGIA DO CONCRETO

2 Nome: Arcindo Vaquero y Mayor : Telefone: (11)

3 Órgão oficial, representativo do setor. As empresas associadas respondem por 80% do mercado. Objetivos: –Desenvolvimento Técnico. –Apoio a Associados e Construtores. –Formação e Aperfeiçoamento.

4

5

6 Consumo de Concreto m³/ hab x ano Espanha2,25 Irlanda2,24 Estados Unidos1,14 América Latina0,14 Brasil0,13

7 Alta (Flowing) Sem trabalhabilidade BaixaBaixa MédiaMédia NÍVEIS DE TRABALHABILIDADE

8 BOM concreto convencional… Mas POBRE adensamento!

9 Tecnologia de Concreto

10 Preenchimento de vazios Fonte: Grupo Minetti

11 0,075 0,15 0,3 0,6 1,2 2,4 4,8 9, PENEIRA (mm) GRÁFICO DE COMPOSIÇÃO DE AGREGADOSareia Brita 19 4,8 4,8 Brita PORCENTAGEM RETIDA 24% brita 19 – 4,8 39% areia + cimento 37% brita % brita 19 – 4,8 + areia + cimento Mistura Cimento - Agregado Curva de referência Fonte: Guia Practica del Hormigon – G. Dreux

12 Classe Abatimento Mm Aplicações recomendadas S1010 < A < 50Concreto extrudado, vibro-prensado ou centrifugado S5050 < A < 100 Alguns tipos de pavimentos, de elementos de fundações e de elementos pré-moldados ou pré-fabricados S < A < 150 Elementos estruturais correntes como lajes, vigas, pilares, tirantes, paredes diafragma com lançamento convencional do concreto S < A < 220 Elementos estruturais correntes como lajes,vigas, pilares, tirantes, paredes diafragma com concreto lançado por bombeamento S220> 220 Estruturas e elementos estruturais esbeltos ou com alta densidade de armaduras com concreto lançado por bombeamento, lajes de grandes dimensões, elementos pré- moldados ou pré- fabricados de concreto O concreto auto-adensável deve ser classificado conforme o Projeto 18: ABNT NBR 8953 Classes trabalhabilidade

13 Classe de resistência Grupo I Resistência característica à compressão MPa C20 C25 C30 C35 C40 C45 C ABNT NBR 8953 Classes de resistência de concretos estruturais do grupo I Classe de resistência Grupo II Resistência característica à compressão MPa C55 C60 C70 C80 C90 C Para os concretos do grupo II permite-se, na ausência de Norma brasileira em vigor, adotar os critérios de projeto estrutural de normas internacionais. Classes de resistência de concretos estruturais do grupo II

14 Classe de resistência Resistência característica à compressão MPa C10 C ABNT NBR 8953 Classes de resistência de concretos não estruturais

15 EQUIPAMENTOS BOMBEAMENTO

16

17 EQUIPAMENTOS BOMBEAMENTO

18

19

20

21 DIÂMETRO MÁXIMO DO AGREGADO E O ABATIMENTO x COMPRIMENTO VERTICAL E HORIZONTAL DA LINHA: Tubulação de D = 125 mm ± ± ± Comprimento (m) vertical horizontalabatimento tolerância Dimensão máxima do agregado (mm) Slump test (mm) Sujeito a utilizar B0 + B1 Sujeito a utilizar aditivo superplastificante ±10 ±20

22 PORQUE BOMBEAR CONCRETO Maior velocidade com economia de tempo e trabalho na distribuição. EQUIPAMENTOS BOMBEAMENTO E DISTRIBUIÇÃO

23 Melhor precisão e eficiência na distribuição do concreto. EQUIPAMENTOS BOMBEAMENTO E DISTRIBUIÇÃO

24 Fluxo constante e homogêneo do concreto garantindo a qualidade da mistura. EQUIPAMENTOS BOMBEAMENTO E DISTRIBUIÇÃO

25 Melhor limpeza e organização na distribuição do concreto. EQUIPAMENTOS BOMBEAMENTO E DISTRIBUIÇÃO

26 Grande confiabilidade e produtividade. Rapidez e segurança no bombeamento e distribuição. Disponibilidade das gruas para execução de outros trabalhos. EQUIPAMENTOS BOMBEAMENTO E DISTRIBUIÇÃO

27 Bombeamento e projeção de concreto com agregados máximos de 12,5 mm Concreto de alta qualidade. Concreto auto adensável Baixo custo. Projeção de concreto via úmida Economia de tempo Maior aproveitamento EQUIPAMENTOS

28 Bombeamento e distribuição de concreto com mangueira de 90 mm Rapidez na montagem das linhas de distribuição. Bombeamento de concreto com agregados de 19 mm. Facilidade de distribuição Baixo custo de operação Boa relação custo/benefício EQUIPAMENTOS

29 Bombeamento e distribuição de concreto em usinas hidrelétricas com tubulação 152 mm Bombeamento de concreto com agregados de 50 mm. Bombeamento de concreto transportado com dumper. Bombeamento de concreto com areia artificial. Usina Hidrelétrica de Lajeado e Canabrava EQUIPAMENTOS

30 Bombeamento do concreto EQUIPAMENTOS BOMBEAMENTO E DISTRIBUIÇÃO Distribuição do concreto feita com Mastros Circulares de Distribuição.

31 BOMBA DE PEQUENO PORTE - REBOCÁVEL EQUIPAMENTOS

32 AUTO BOMBA DE PEQUENO PORTE EQUIPAMENTOS

33 AUTOBOMBA MÉDIO PORTE EQUIPAMENTOS

34 AUTO BOMBA DE GRANDE PORTE COM LANÇA EQUIPAMENTOS

35 RECORDE DE BOMBEAMENTO EQUIPAMENTOS 606 m de altura, no Edifício Burj Kalifa, em Dubai

36 606 m world record pumping height at Burj Dubai

37

38 MASTRO HIDRÁULICO SEPARADO PARA DISTRIBUIÇÃO DE CONCRETO EQUIPAMENTOS

39 MASTRO SEPARADO MECANICO PARA DISTRIBUIÇÃO DE CONCRETO EQUIPAMENTOS

40 Pontos Importantes Finos!!!! Fluidez Montagem e Estanquidade da linha Bombeamentos ascendentes Bombeamentos descendentes

41 CONCRETO AUTO-ADENSÁVEL Impacto do Concreto Auto-Adensável na Construção e na Durabilidade

42 Alta Fluidez Alta Fluidez& Estabilidade Estabilidade CARACTERÍSTICAS INTRÍNSECAS DO CONCRETO AUTO-ADENSÁVEL

43 Concreto Fluído Concreto Reoplástico ConcretoAuto-adensável Trabalhabilidade Concreto Rheodinâmico MenosMais

44 CONCRETO AUTO-ADENSÁVEL

45 Resultados com espalhamento de 675 mm

46 COMPOSIÇÃO DO CONCRETO AUTO-ADENSÁVEL Concreto Normal Concreto Auto-Adensável

47 COMENTÁRIOS A pressão sobre as formas é maior no concreto auto-adensável; Revisar a estanqueidade das formas; O efeito de fluidez diminui a partir de 40 minutos após a dosagem do superfluidificante – colocado na obra; A forma de medir a trabalhabilidade é através da versão modificada do slump test – ASTM C143; O concreto é considerado auto- adensável quando o seu espalhamento é de 455 a 810 mm; A estabilidade ou resistência à segregação é conseguida através do aumento da quantidade de finos ou adicionando um modificador de viscosidade.

48 EXPERIÊNCIA JAPONESA Motivos iniciais para o Concreto Auto- Adensável Produtividade Seções intensamente armadas Durabilidade do concreto a longo prazo Videoclip cedido por Obayashi Corp

49 Vigas mestras protendidas Concreto Auto-Adensável EXPERIÊNCIA JAPONESA

50 Garantia de excelente acabamento em concreto aparente Eliminação de nichos e falhas de concretagens e consequente aumento de durabilidade Aumento das possibilidades de trabalho com formas de pequenas dimensões Não segregação nas partes inferiores das peças PRINCIPAIS VANTAGENS TÉCNICAS

51 Concreto vibrado com 175 mm

52 Resultado – sem bicheira Concreto comum Concreto Auto-Adensável

53 Permite bombeamento em grandes distâncias horizontais e verticais com maior velocidade Eliminação do ruido provocado pelo vibrador Permite a concretagem em regiões com grande densidade de armadura Acelera o lançamento do concreto na estrutura Facilidade no nivelamento das lajes Antecipação nas operações de cura PRINCIPAIS VANTAGENS OPERACIONAIS

54 Maior durabilidade das formas Otimização da mão de obra, equipamentos e energia elétrica. Redução do custo de aplicação por m³ de concreto Evita retrabalhos PRINCIPAIS VANTAGENS FINANCEIRAS

55 Resultados – Único ponto de colocação

56 Portas – após fluir 10,7 m

57 Formatos complicados

58 Passarela I-4 Orlando, Flórida

59 BOMBEAMENTO DE BAIXO PARA CIMA

60 Tremie Concreto Auto-Adensável Debris Tremie Debris Concreto Convencional ESTACAS ESCAVADAS Source: Prof. Anton Schindler, Auburn University

61 1. Perfurando 3.5 ft (1 m) diâmetro 25 ft (7.6 m) profundidade Fonte: Prof. Anton Schindler, Auburn University

62 2. Colocando tremonha Fonte: Prof. Anton Schindler, Auburn University

63 (4 meses mais tarde) 3. Escavando Source: Prof. Anton Schindler, Auburn University

64 5. Cortando Source: Prof. Anton Schindler, Auburn University

65 Componentes de Pontes EXEMPLOS

66 Pisos com fibras EXEMPLOS

67


Carregar ppt "REOLOGIA DO CONCRETO. Nome: Arcindo Vaquero y Mayor : Telefone: (11) 3709-3466."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google