A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Oswald de Andrade É o grande animador do grupo modernista. Publica o livro de poemas Pau-brasil em 1926. Em 1924, publica Memórias sentimentais de João.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Oswald de Andrade É o grande animador do grupo modernista. Publica o livro de poemas Pau-brasil em 1926. Em 1924, publica Memórias sentimentais de João."— Transcrição da apresentação:

1 Oswald de Andrade É o grande animador do grupo modernista. Publica o livro de poemas Pau-brasil em Em 1924, publica Memórias sentimentais de João Miramar: prosa inspirada no cubismo e no futurismo. Em 1928, escreve o Manifesto Antropófogo.

2 Movimento Pau-brasil Movimento de redescoberta do mundo e do Brasil. Influência das vanguardas europeias. Exaltação do progresso e do presente. Combate à linguagem retórica e vazia. Convivência dialética do primitivo e o moderno, do nacional e do cosmopolita.

3 A língua sem arcaísmos, sem erudição. Natural e neológica. A contribuição milionária de todos os erros. Como falamos. Como somos. Não há luta na terra de vocações acadêmicas. Há só fardas. Os futuristas e os outros. Uma única luta - a luta pelo caminho. Dividamos: poesia de importação. E a Poesia Pau-Brasil, de exportação. Trecho do manifesto Pau-brasil

4 Manifesto Antropofágico Publicado em 1928 na Revista de Antropofagia. Tupi or not tupi that is the question. É preciso assimilar o legado cultural europeu para devolvê-lo caracteristicamente brasileiro. Brasil não colonizado: Idade de ouro. Reconta metaforicamente a história brasileira.

5 Memórias sentimentais de João Miramar Essa prosa vai abolir muitos do nexos discursivos, a pontuação costumeira, usando um estilo telegráfico, formado de frases curtas. O livro é composto por capítulos-relâmpagos, como flashes. Enredo: Trata-se da trajetória de um playboy endinheirado pela várias etapas de sua vida: a infância, a adolescência, o namoro, o casamento, as escapadas, o desquite, as dificuldades financeiras. Sátira da burguesia paulistana.

6 Heranças modernistas Tropicalismo: Profundamente inspirado na antropofagia de Oswald de Andrade, o movimento aproximava-se de uma renovação estética com articulações com a cultura nacional. Era preciso ser originalmente brasileiro e ao mesmo tempo moderno.

7 Tropicália Sobre a cabeça os aviões Sob os meus pés os caminhões Aponta contra os chapadões Meu nariz Eu organizo o movimento Eu oriento o carnaval Eu inauguro o monumento No planalto central do país Viva a Bossa, sa, sa Viva a Palhoça, ça, ça, ça, ça O monumento É de papel crepom e prata Os olhos verdes da mulata A cabeleira esconde Atrás da verde mata O luar do sertão O monumento não tem porta A entrada é uma rua antiga Estreita e torta E no joelho uma criança Sorridente, feia e morta Estende a mão Viva a mata, ta, ta Viva a mulata, ta, ta, ta, ta No pátio interno há uma piscina Com água azul de Amaralina Coqueiro, brisa e fala nordestina E faróis Na mão direita tem uma roseira Autenticando eterna primavera E no jardim os urubus passeiam A tarde inteira entre os girassóis Viva Maria, ia, ia Viva a Bahia, ia, ia, ia, ia No pulso esquerdo o bang-bang Em suas veias corre Muito pouco sangue Mas seu coração Balança um samba de tamborim Emite acordes dissonantes Pelos cinco mil alto-falantes Senhoras e senhores Ele põe os olhos grandes Sobre mim Viva Iracema, ma, ma Viva Ipanema, ma, ma, ma, ma Domingo é o fino-da-bossa Segunda-feira está na fossa Terça-feira vai à roça Porém... O monumento é bem moderno Não disse nada do modelo Do meu terno Que tudo mais vá pro inferno Meu bem Que tudo mais vá pro inferno Meu bem Viva a banda, da, da Carmem Miranda, da, da, da, da


Carregar ppt "Oswald de Andrade É o grande animador do grupo modernista. Publica o livro de poemas Pau-brasil em 1926. Em 1924, publica Memórias sentimentais de João."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google