A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

GEOPOLÍTICA DO MUNDO ATUAL e AÇÃO ESTADUNIDENSE

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "GEOPOLÍTICA DO MUNDO ATUAL e AÇÃO ESTADUNIDENSE"— Transcrição da apresentação:

1 GEOPOLÍTICA DO MUNDO ATUAL e AÇÃO ESTADUNIDENSE
Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva GEOPOLÍTICA DO MUNDO ATUAL e AÇÃO ESTADUNIDENSE

2 AS RELAÇÕES INTERNACIONAIS NO INÍCIO DO SÉCULO XXI
Durante a Guerra Fria=> uma das principais preocupações da humanidade era a possibilidade de uma guerra nuclear entre as superpotências. Fim da Guerra Fria => os Estados Unidos assumiram o papel de potência hegemônica nos planos econômico, político e militar. Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva

3 O que faz dos Estados Unidos uma potência hegemônica?
a influência exercida, de algum modo, sobre os outros países; a imposição da sua política; a interferência nos sistemas de regras no âmbito das relações internacionais; o fato de moldar o sistema mundial de acordo com sua visão e seus interesses; ter força política e militar dominante. Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva

4 EM SÍNTESE INFLUÊNCIA CULTURAL; PODERIO ECONÔMICO: 20% PIB MUNDIAL;
PODERIO MILITAR. CRISE FINANCEIRA/2008 = REDUÇÃO DOS GASTOS MILITARES E RECESSÃO = ASCENSÃO DA CHINA.

5 Nova Ordem Mundial Multipolaridade econômica: EUA X União Europeia X Japão x China. Ascensão do Japão Monopolaridade militar: EUA (?). Conflitos/focos de tensão. Conflito Leste x Oeste cedeu espaço ao conflito Norte x Sul (**) Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva

6 Divisão Norte-Sul Mário Yoshida Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva Fonte: Elaborado pelos autores com base em: Atlas nacional do Brasil. Rio de Janeiro: IBGE, p.20. A divisão Norte-Sul é delimitada por uma linha sinuosa. Os países desenvolvidos estão situados de um lado da linha, a maior parte ao norte, e os subdesenvolvidos encontram-se ao sul.

7 Início do século XXI - Doutrina Bush
Estratégias norte-americanas para: defender-se de modo preventivo e antecipado; estabelecer alianças com outros países para derrotar o terrorismo no mundo; não permitir a ascensão de qualquer país a uma situação de potência militar. Essa linha de ação poderá sofrer alterações com a chegada ao poder do presidente Obama, que, já ordenou, por exemplo, o fechamento da prisão de Guantánamo, em Cuba Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva

8 Causas da hegemonia atual dos EUA
Desarticulação da URSS. Difusão de valores tido como absolutos: livre mercado e a democracia liberal. Influência das grandes empresas norte-americanas (as multinacionais). Abertura comercial apenas para aliados. Desarticulação da União Européia como força militar. Capacidade de articular recursos para levar a cabo intervenções militares múltiplas e em cenários diferentes.

9 A pax americana: estratégias e doutrinas para conservar a hegemonia mundial
Difusão e manutenção dos valores americanos como se universais fossem. Os EUA após o fim da Guerra Fria passam a ser os guardiões da segurança internacional. Os EUA passam a se empenhar na assinatura de tratados que limitem a proliferação de armas nucleares. Tratado de Não-Proliferação de Armas Nucleares – pressões sobre a Índia, Paquistão e Israel e outros não signatários.

10 A disputa pela hegemonia
Dois novos atores geopolíticos fortes neste final da primeira década do século XXI – a Rússia e a China. China – crescimento econômico vigoroso desde os anos 1980; intensas relações político-econômicas com países de diversos continentes; uma das principais potências comerciais e econômicas do mundo atual. Rússia – crescimento econômico apoiado nas exportações de petróleo e busca por papel mais atuante no cenário político-militar. Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva

11 A disputa pela hegemonia
Preocupação constante dos EUA com o abastecimento de recursos naturais fundamentais para sua economia (petróleo, por exemplo). Imposição de padrões tecnológicos americanos ao restante do mundo. Apoio à pax americana em organismos multilaterais: FMI e Banco Mundial. Presença, mediação e participação ativa na solução dos conflitos internacionais. Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva

12 Márcio Baraldi Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva UMA NOVA GUERRA FRIA?

13 Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva
Carlos Tadeu de Carvalho Gamba Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva Fonte: Instituto de Pesquisa da Paz de Estocolmo, 2007.

14 Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva
* Purchasing Power Parity Fonte: 2005 International Comparison Program, dec – The World Bank. Disponível em: [http://siteresources.worldbank.org/ICPINT/Resources/ICPreportprelim.pdf]. Acesso em: mar.2008.

15 Combate ao terrorismo internacional
Após os atentados terroristas de 11 de setembro de 2001 contra os Estados Unidos, o combate ao terrorismo se tornou uma das prioridades do Ocidente em termos político-militares. O combate vem sendo realizado por meio de diversas ações lideradas especialmente pelos Estados Unidos e por países da Europa. Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva

16 Águia abatida, 2001, de Waldomiro de Deus.
Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva Águia abatida, 2001, de Waldomiro de Deus.

17 Algumas ações de combate ao terrorismo:
maior rigor no controle do fluxo de imigrantes; estabelecimento de leis que autorizam governos a prender, sem julgamento e por tempo indeterminado, pessoas suspeitas de atos terroristas; promulgação de leis que permitem aos órgãos de segurança do governo rastrear s e grampear ligações telefônicas. Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva


Carregar ppt "GEOPOLÍTICA DO MUNDO ATUAL e AÇÃO ESTADUNIDENSE"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google