A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Um homem perguntou a Jesus o que fazer para ganhar a vida eterna. Jesus disse para seguir os mandamentos. Amar ao próximo como a si mesmo. _Tudo isso.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Um homem perguntou a Jesus o que fazer para ganhar a vida eterna. Jesus disse para seguir os mandamentos. Amar ao próximo como a si mesmo. _Tudo isso."— Transcrição da apresentação:

1

2 Um homem perguntou a Jesus o que fazer para ganhar a vida eterna. Jesus disse para seguir os mandamentos. Amar ao próximo como a si mesmo. _Tudo isso tenho guardado. O que ainda me falta? _Vai, vende o que tens e dá aos pobres,depois vem e segue-me. Ao ouvir isso, o homem saiu triste, porque tinha muitos bens. Jesus disse: É bem difícil um rico entrar no reino dos Céus! É mais fácil um camelo passar pelo buraco de uma agulha do que um rico entrar no reino de Deus. (Lucas, 18:18-25)

3 Desapego Nossa capacidade de deixar de lado o que nos é valioso.

4 Vício É o hábito mau em oposição à virtude, que é o hábito bom. Imperfeição, defeito que torna uma pessoa ou coisa imprópria para o fim a que se destina.

5 PLATÃO Somente o bem é real; o mal é ilusório. Nesse caso, o vício, entendido como mal, não tem consistência própria. Ele é simplesmente a ausência da virtude.

6 ARISTÓTELES A abstinência e a intemperança – moderação A covardia e a temeridade - coragem A virtude é uma conduta ou sentimento moderado e o vício uma conduta deficiente. Os vícios são os extremos opostos cujo meio termo é a virtude.

7 SPINOZA O vício é submissão às paixões, é deixar-se governar pelas causas externas. Não é um mal, mas fraqueza. A virtude é tornar-se senhor das paixões, a causa das próprias ações. O ser virtuoso pode transformar as suas tristezas em alegrias, os seus fracassos em êxitos...

8 ALLAN KARDEC As paixões são como um cavalo que é útil quando governado e perigoso quando governa.

9 JOANNA DE ÂNGELIS Além das conjunturas psicofisiológicas, em toda dependência viciosa, há sempre uma força obsessiva, mediante a qual seres pervertidos e viciados, imantam-se às criaturas humanas, dependentes também da falsa necessidade de que padece o homem.

10 VÍCIOS SOCIAIS Alcoolismo, gula, tabagismo, toxicomania... Neles há uma inclinação exagerada para o consumo da droga. O mais letal é o tabagismo, por sua condição de ser livre e ocasionar muitos transtornos pessoais, familiares e governamentais, pois causa dependência e afeta os pulmões.

11 VÍCIOS SOCIAIS Os males de um vício altamente destruidor da vida física, como o tabagismo, destrói também a vida espiritual pelo fato de lesar o perispírito. Lembremos que na hora em que o viciado se predispõe a deixar o vício, logo a Espiritualidade Superior passa a cuidar do caso, a ele se dedicando com determinação e amor. O resultado só poderá ser o melhor - libertação do vício.

12 VÍCIOS MORAIS Orgulho, ciúme, Egoísmo, inveja, Covardia, vaidade, Intemperança, cupidez... Toda a resistência orgulhosa deverá ceder, cedo ou tarde. Cada época é marcada pelos vícios e pelas virtudes. Vossa virtude é a atividade intelectual; seu vício é a indiferença moral. (Lázaro, ESE, cap. 9, item 8)

13 EGOÍSMO L.E. pergunta 913 Qual o mais radical dos vícios? Dele deriva todo o mal. "Quem nesta vida quiser se aproximar da perfeição moral deve extirpar do seu coração todo sentimento de egoísmo, porque é incompatível com a justiça, o amor e a caridade: ele neutraliza todas as outras qualidades".

14 Causas dos vícios Psicológica - se encontra na personalidade. Insegurança, imaturidade, ansiedade, conflitos psicológicos e emocionais. Sociológica - o homem como produto do meio sofre as pressões e as influências do ambiente em que vive. (valores sociais negativos, injustiças sociais, desestruturação familiar).

15 Causas dos vícios Hereditária - Todo dependente químico possui na família um portador da doença, herdando assim geneticamente a pré-disposição física. Congênita - uma mãe durante a gestação, faz uso de drogas poderá gerar no feto uma pré- disposição física ao uso dessas drogas.

16 Causas dos vícios É muito mais importante, porquanto a sua ação se faz sentir em todo o terreno da patologia. Os vícios são conservados pelo perispírito, sofrendo a intoxicação do seu ego, a intoxicação psíquica. Hereditariedade psíquica - acervo de vícios e intoxicações que o espírito traz de existências passadas.

17 COMO FUNCIONA Especialistas explicam que quando o jogador ganha um determinado valor significativo no jogo, o cérebro recebe uma descarga de dopamina, substância responsável por sensações de prazer e bem-estar.

18 Doutrina Espírita nos diz: Espiritualmente atrasado, sem as fixações dos valores morais que dão resistência para a luta, o homem moderno, que conquistou a lua e avança no estudo das origens do Sistema Solar, não conseguiu conquistar-se a si mesmo. Nas Fronteiras da Loucura – Manoel P. Miranda – cap. 9

19 Algumas pessoas têm dificuldade em relacionar- se com Deus, mas, como precisam ligar-se a alguma coisa, colocam objetos no lugar Dele.

20 Apegar-se a objetos para compensar a nossa necessidade de amor insatisfeita pode funcionar, mas temporariamente.

21 Apenas uma coisa é capaz de curar o vício humano: o amor genuíno. Os seres humanos só ficam satisfeitos quando experimentam o que é autêntico.

22 Voltar-se para algo que produz repetidamente uma espécie de conforto dá uma falsa sensação de segurança. Afasta-se a dor de não conseguir satisfazer aquelas necessidades mais profundas.

23 A satisfação proveniente do uso de coisas materiais como substitutos não é duradoura. A dor das necessidades essenciais acaba reaparecendo, e voltamos à solução mais fácil, apesar de descobrirmos que ela não é suficiente.

24 Jesus sempre nos orientou para as coisas eternas. Ele sabia que a nossa atração pela gratificação instantânea resultaria em uma satisfação temporária e em uma insatisfação crônica.

25 Auto-obsessão Pensar demais em si mesmo e nos próprios problemas, determina uma auto-obsessão. O imediatista acaba caindo na teia das ilusões. Pegando um atalho que vai levá-lo a um caminho distante, doloroso. Na estrada da evolução não existem atalhos.

26 Solução O egoísmo é a fonte de todos os vícios, como a caridade o é de todas as virtudes. Destruir um e desenvolver a outra, tal deve ser o alvo de todos os esforços do homem, se quiser assegurar a sua felicidade neste mundo, tanto quanto no futuro. Kardec L.E Perg. 917

27 Combate Em se tratando dos vícios, combatamos a causa pela causa e não pelos efeitos. Somente quando tomamos consciência do móvel que produz a ação é que podemos ter segurança na eliminação do efeito.

28 Combate Uma das formas de vencer a tendência inferior seria substituir os prazeres materiais pelos espirituais. Substituir os pensamentos negativos por positivos. Ou simplesmente indagar-se: o que estou fazendo neste Planeta Terra? O que devo fazer para ser útil à humanidade?

29 O vício impede o amor de amadurecer. Quando conseguirmos renunciar aos nossos apegos, deixando de trocar Deus por objetos, descobriremos a alegria de nos relacionarmos com as pessoas e nossa capacidade de amá-las.

30 O amor cobre a multidão de pecados.


Carregar ppt "Um homem perguntou a Jesus o que fazer para ganhar a vida eterna. Jesus disse para seguir os mandamentos. Amar ao próximo como a si mesmo. _Tudo isso."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google