A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

TEMA: O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS Formadora: Helena Gaia.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "TEMA: O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS Formadora: Helena Gaia."— Transcrição da apresentação:

1 TEMA: O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS Formadora: Helena Gaia

2 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 1 - INTRODUÇÃO: A missão que hoje continuamos começou como um Big Bang no dia de Pentecostes, com o querigma dos apóstolos; O que vamos apresentar agora é uma visão panorâmica e analítica do querigma dos apóstolos tal como o encontramos nos seis (6) discursos querigmáticos no Livro dos Atos dos Apóstolos.

3 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 1 - INTRODUÇÃO: Os apóstolos, sob o profundo impacto da morte e ressurreição de Jesus, fato dos quais foram testemunhas oculares, e com o poder do Espírito Santo enviado no dia de Pentecostes, cumpriram fielmente essa missão.

4 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 2 – Conteúdo da pregação querigmática: JESUS! Jesus anunciou o Reino; seus discípulos anunciam Jesus, que personifica o Reino; Jesus pregador, passa a ser Jesus pregado; Felizmente, contamos com o registro fiel da proclamação original dos Apóstolos nos chamados Discursos Querigmáticos.

5 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS RESSUSCITADO MORTOGLORIFICADO SALVADOR SENHOR MESSIAS JESUS Exercício:Anexo 12A A – O conteúdo

6 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 2 – Conteúdo da pregação querigmática: JESUS Morto por nossos pecados (1Cor 15,3); Ressuscitado para nossa bênção e para capacitar-nos a afastarmo-nos do mal (At 3,26); Glorificado para nos conceder a possibilidade de conversão e o perdão dos pecados (At 5, 31);

7 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 2 – Conteúdo da pregação querigmática: JESUS Salvador de todo homem e de todos os homens. Único e suficiente. (At 4, 12; 1 Tm 2,5); Senhor com todo poder nos céus e na terra (Fl 2, 9-11); Messias que tem e dá o Espírito Santo (At 2,36); EXERCÍCIO

8 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 2 – Conteúdo da pregação querigmática: JESUS Aceitar Jesus como único Salvador implica renunciar a qualquer outro meio de salvação; não são as nossas obras, nem nosso ministério, nem dinheiro, nem poder; E o Apóstolo Paulo nos adverte que é necessária a proclamação explícita e pública da fé em Jesus, como Senhor de toda a nossa vida (Rm 10, 9-10);

9 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 3 - Objetivo do Querigma dos Apóstolos: a salvação integral e o Dom do Espírito Santo. Deus quer que todos os homens sejam salvos e cheguem ao conhecimento da verdade. (1 Tm 2,4) Por isso, os Apóstolos e seus sucessores devem anunciar a Boa Nova da salvação até os confins da terra e até o fim do mundo.

10 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS Objetivo: Salvação Integral e Universal

11 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 3 - Objetivo do Querigma dos Apóstolos: a salvação integral e o Dom do Espírito Santo. Além disso, a salvação obtida por Jesus é integral: alcança o corpo, a alma, e o espírito (1 Tes 5, 23); Uma vez que Jesus realizou essa salvação pelos méritos de sua morte e ressurreição, recebe-se o Dom do Espírito Santo;

12 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 3 - Objetivo do Querigma dos Apóstolos: a salvação integral e o Dom do Espírito Santo. Nele também vós, tendo ouvido a Palavra da verdade – o evangelho da vossa salvação – e nela tendo crido, fostes selados pelo Espírito da Promessa, o Espírito Santo: Ef 1,13. O Espírito Santo sela a salvação, faz presente e eficaz a obra salvífica de Jesus e integra-nos e integra-nos na comunidade de redimidos.

13 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 3 - Objetivo do Querigma dos Apóstolos: a salvação integral e o Dom do Espírito Santo. O Espírito Santo é quem nos revela Jesus como Salvador e nos possibilita proclamá-lo Senhor (1 Cor 12,3). A comunidade cristã é o ambiente onde se pode viver, crescer e perseverar na Nova Vida, no Espírito Santo.

14 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 4 – Resposta do homem à proposta do Querigma: fé e conversão. Fé é o fundamento da esperança; é uma certeza a respeito do que não se vê. (Hb 11,1) A fé viva é uma fé salvífica. São Paulo fala com determinação: Pela graça fostes salvos, por meio da fé, e isso não vem de vós, é dom de Deus: não vem das obras, para que ninguém se ancha de orgulho. (Ef 2, 8-9)

15 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS A resposta do homem: FÉ e CONVERSÃO

16 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 4 – Resposta do homem à proposta do Querigma: fé e conversão. A fé é o plug que nos conecta à fonte de salvação e consiste em: Acreditar na existência do Deus único e verdadeiro, que é amor e te ama; Aceitar Jesus como único e suficiente meio de salvação;

17 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 4 – Resposta do homem à proposta do Querigma: fé e conversão. A fé é o plug que nos conecta à fonte de salvação; Declarar Jesus como único Salvador e Senhor; Viver de acordo com aquilo que cremos: somos filhos de Deus e herdeiros de sua glória; viver como cidadãos do Céu; não podemos viver escravizados pelo pecado; implica renunciar ao pecado e a outro meio de salvação;

18 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 4 – Resposta do homem à proposta do Querigma: fé e conversão. A fé é o plug que nos conecta à fonte de salvação; Não basta crer no coração; É necessário manifestar externa e publicamente a adesão e entrega incondicional a Jesus Cristo;

19 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 4 – Resposta do homem à proposta do Querigma: fé e conversão. A fé é o plug que nos conecta à fonte de salvação; Por isso nos diz São Paulo: Porque, se confessares com tua boca que Jesus é o Senhor, e se em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo (Rm 10, 9)

20 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 4 – Resposta do homem à proposta do Querigma: fé e conversão. Conversão: é a primeira manifestação da fé viva, salvífica. É uma mudança de mentalidade: Não vos conformeis com este mundo, mas transformai- vos, renovando a vossa mente, a fim de poderdes discernir qual é a vontade de Deus, o que é bom, agradável e perfeito. (Rm 12,2)

21 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS Resposta do homem: fé e conversão

22 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 4 – Resposta do homem à proposta do Querigma: fé e conversão. Conversão: é a primeira manifestação da fé viva, salvífica. É viver como filhos e herdeiros de Deus; É viver como ressuscitados no Ressuscitado; Trocar nossa vida pela Vida de Jesus.

23 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 4 – Resposta do homem à proposta do Querigma: fé e conversão. Convidar Jesus, Salvador e Senhor, ao coração. Como Zaqueu, é necessário acolher Jesus em nossa casa (coração), para que transforme nossa vida. Zaqueu não mudou para receber Jesus, mas porque recebeu Jesus em sua casa, sua vida foi transformada e de toda sua família;

24 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 4 – Resposta do homem à proposta do Querigma: fé e conversão. Convidar Jesus, Salvador e Senhor, ao coração. Esse é precisamente o plano de Jesus: Eis que estou à porta e bato: se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, eu entrarei, e cearei com ele, e ele comigo. (Ap 3,20)

25 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 4 – Resposta do homem à proposta do Querigma: fé e conversão. Convidar Jesus, Salvador e Senhor, ao coração. Portanto, se o evangelizado aceita Jesus como seu único Senhor e abre o coração para Jesus, pode-se pedir-lhe que renuncie ao pecado;

26 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 4 – Resposta do homem à proposta do Querigma: fé e conversão. Convidar Jesus, Salvador e Senhor, ao coração. No processo evangelizador, uma vez que se tenha convidado Jesus a entrar no coração e o tenha proclamado como único e suficiente salvador, deve-se fazer uma renúncia explícita a todo pecado e a Satanás com suas obras.

27 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS 4 – Resposta do homem à proposta do Querigma: fé e conversão. Síntese de Paulo: A fonte da salvação é Deus, que prova seu amor para com os pecadores enviando seu filho (Rm 5,8); A Salvação é gratuita (Ef 2,8-9; Rm 3,24); Nós a fazemos nossa mediante a fé (Rm 3,25);

28 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS Rm 3, 24-26

29 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS CONCLUSÃO: Jesus pregou o Reino e os Apóstolos pregaram o próprio Jesus, que dá o Espírito Santo para viver a vida nova, o que se obtém mediante uma resposta da fé e conversão; O Querigma – anúncio da pessoa de Jesus – não pode ser mudado nem por um anjo do céu;

30 O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS CONCLUSÃO: Não há debaixo do céu outro nome dado aos homens pelo qual possamos ser salvos (At 4, 12) Jesus é o único e suficiente Salvador; nosso Salvador, meu Salvador. Hino de Paulo aos Filipenses (Fl 2,6-11)


Carregar ppt "TEMA: O QUERIGMA DOS APÓSTOLOS Formadora: Helena Gaia."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google