A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

DOMINGO DA ASCENSÃO DO SENHOR 12 de maio de 2013.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "DOMINGO DA ASCENSÃO DO SENHOR 12 de maio de 2013."— Transcrição da apresentação:

1

2 DOMINGO DA ASCENSÃO DO SENHOR 12 de maio de 2013

3 Aprofundando os textos bíblicos: Atos 1,1-11; Salmo 47(46); Efésios 1,17-23; Lucas 24,46-53

4 Jesus, após ter instruído os discípulos com ensinamentos libertadores ao longo do seu ministério, volta ao Pai glorificado. Os discípulos, iluminados pela fé pascal, compreendem que a promessa da Escritura sobre a paixão, morte e ressurreição de Cristo foi realizada. A conversão torna-se anúncio da vida nova do Ressuscitado, a ser testemunhada em todas as nações, começando por Jerusalém.

5 Nessa cidade santa, onde Jesus entregou a vida, os discípulos serão revestidos com a força do Espírito Santo prometido. Jesus sobe ao céu enaltecido pelo amor extremo até a cruz, mas continua na comunidade dos discípulos, abençoando-os (24,50) com sua presença viva, ressuscitada.

6 A alegria dos discípulos, diante da manifestação da salvação em Cristo, lembra a dos pastores em adoração ao Verbo que chega à plenitude da sua encarnação com a oferta pascal da própria vida. Lucas termina a narrativa do evangelho com uma ação litúrgica no templo, como havia começado (cf. 1,9).

7 A 1ª leitura narra a ascensão como coroamento da obra redentora realizada por Jesus e apelo para anunciar a vida nova do Reino. Ungidos com o Espírito Santo, os discípulos testemunharão Cristo e sua mensagem de esperança até os confins da terra.

8 A ressurreição/ascensão de Jesus garante-nos, antes de mais, que uma vida vivida na fidelidade aos projetos do Pai é uma vida destinada à glorificação, à comunhão definitiva com Deus. Quem percorre o mesmo "caminho" de Jesus subirá, como Ele, à vida plena.

9 O salmo louva e exalta o Senhor, que estabelece seu reinado sobre todos os povos.

10 A 2ª leitura acentua que Deus revelou a grandeza do seu amor na ressurreição e exaltação de Cristo, constituindo-o Senhor do universo, cabeça da Igreja, que é o seu corpo. Na nossa peregrinação pelo mundo, convêm termos sempre presentes "a esperança a que fomos chamados".

11 A ressurreição/ascensão/glorificação de Jesus é a garantia da nossa própria ressurreição/glorificação. Formamos com Ele um "corpo" destinado à vida plena. Esta perspectiva tem de dar-nos a força de enfrentar a história e de avançar - apesar das dificuldades - nesse "caminho" do amor e da entrega total que Cristo percorreu.

12 ATUALIZAÇÃO Jesus foi ao encontro do Pai, depois de uma vida dedicada ao serviço do "Reino"; deixou aos seus discípulos a missão de anunciar o "Reino" e de torná-lo uma proposta capaz de renovar e de transformar o mundo. Celebrar a ascensão de Jesus significa, antes de mais, tomar consciência da missão que foi confiada aos discípulos e sentir-se responsável pela presença do "Reino" na vida dos homens.

13 Estou consciente de que a Igreja - a comunidade dos discípulos de Jesus, a qual eu pertenço também - é hoje a presença libertadora e salvadora de Jesus no meio dos homens? Como é que eu procuro testemunhar o "Reino" na minha vida de todos os dias - em casa, no trabalho ou na escola, na paróquia, na comunidade religiosa?

14 A PALAVRA DE DEUS NA CELEBRAÇÃO Exultantes de alegria pascal e fervorosa ação de graças, participamos da mesa da Palavra e da eucaristia. Ele continua vivo no meio de nós. Alimenta-nos com sua palavra e com seu corpo e sangue, nas mesas que nos faz um e nos abre ao diálogo com outras Igrejas. Nesta semana de oração pela unidade das Igrejas cristãs, que o Senhor nos faça testemunhas da paz e do amor.

15 TEXTOS EXTRAIDOS DA : REVISTA DE LITURGIA IR. VERONICE FERNANDES IR. HELENA GHIGGI PORTAL DEHONIANOS: SACERDOTES DO CORAÇÃO DE JESUS – DEHONIANOS ( PORTUGAL)

16 Marineves Marina


Carregar ppt "DOMINGO DA ASCENSÃO DO SENHOR 12 de maio de 2013."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google