A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA. Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária AEROPORTOS DA MADEIRA Aprovado em 18 de Agosto de 2006 De acordo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA. Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária AEROPORTOS DA MADEIRA Aprovado em 18 de Agosto de 2006 De acordo."— Transcrição da apresentação:

1 GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

2 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária AEROPORTOS DA MADEIRA Aprovado em 18 de Agosto de 2006 De acordo com a ICAO o SGSA apenas diz respeito à Segurança Aeroportuária SAFETY Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

3 1 – FASES DO SISTEMA  Política de Segurança  Organização Comissão Directiva do Aeroporto Gabinete de Segurança dos Aeroportos Gabinete Safety Comités de Segurança Colaboradores Funcionamento dos Comités Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

4  Planeamento (PLAN)  Execução (DO)  Acompanhamento da Performance (CHECK)  Revisão (ACT) Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária 2 – AUDITORIAS 3 – REGISTO DOCUMENTAL GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

5 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária Runway Safety Committee Emergency Committee Ramp Safety Committee GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

6 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária REPORTE DE SEGURANÇA VOLUNTÁRIO SAFETY REPORT MODELO 124 Aeroportos da Madeira – Gabinete Safety Fax: GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

7 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária  Identificação de Potenciais Perigos  Gravidade  Probabilidade de Ocorrência  Nível de Tolerância  Gestão do Risco GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

8 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

9 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária  A Segurança não é responsabilidade exclusiva de uma função especial  A responsabilidade pela segurança pertence a todos e a cada um de nós. Atingir um nível de execução satisfatório, em termos de segurança, implica o compromisso e a participação de todos os membros da empresa / organização. GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

10 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária A Segurança começa no Topo:  A empresa estabeleceu uma Política de Segurança.  O Gabinete de Segurança estabeleceu uma Cultura de Segurança para a empresa;  O Gabinete Safety é responsável por garantir a Segurança Operacional. GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

11 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária  Foram definidas e estabelecidas uma sequência de acções graduais e lógicas: Planeamento Compromisso superior de Gestão de Segurança Organização Identificação de Riscos Gestão/ Controlo de Riscos Investigação e Análise Promoção e Formação da Segurança Supervisão da Segurança e a Avaliação de Programas. GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

12 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária  Planeamento, organização, comunicação e orientação. Integração das várias actividades NUM TODO.  Uma avaliação continua e validação dos riscos, adequação, eficácia e eficiência na Gestão da Segurança de forma a resolver e eliminar as falhas. GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

13 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária  Gestão da Segurança sistemática, pró activa e explícita. SISTEMÁTICA: Gestão das actividades de controlo de segurança de acordo com um plano pré definido, aplicando num método consistente. PRÓ ACTIVA: Uma aproximação constante para que a identificação de riscos e a introdução de medidas preventivas e de mitigação, sejam implementadas antes do risco ocorrer. GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

14 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária EXPLÍCITA: Todas as actividades foram envolvidas na Gestão da Segurança e estão documentadas, visíveis e realizadas independentemente das outras actividades de controlo e gestão. GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

15 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária CONSELHO DE ADMINITRAÇÃO ANAM, SA COMISSÃO DIRECTIVA GSA INAC DSTE GSA Áreas Funcionais COMITE DE SEGURANÇA DE PISTA GABINETE SAFETY COMITE DE EMERGÊNCIA COMITE DE SEGURANÇA DE PLACA SECURITY SEGURANÇA NO TRABALHO AMBIENTE GESTÃO OPERACIONAL ACÇÕES CORRECTIVAS Procedimentos Treino Formação Refrescamentos Campanhas de Dinamização Follow-up GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

16 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária Setembro de 2006  Divulgação do SGSA do AM e APS para todo o Universo Aeroportuário  Sensibilização no âmbito da “Segurança Operacional”  Sensibilização do Sistema de Reportes Março 2007  Sensibilização no âmbito do SMS - GSA  Análise de Risco - GSA  Integração do Sistema de Reportes - ALS Outubro 2008  Sensibilização no âmbito da “Segurança Operacional” - GSA GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

17 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

18 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária Composição:  Presidente / Coordenador – Safety Manager  Secretariado (Oficial Operações Aeroportuárias)  Elemento(s) do Serviço de Operações (Airport Authority)  Representante(s) de cada entidade prestadora de Serviços de Assistência em Escala na Plataforma  Elemento da Manutenção do Aeroporto  Elemento da Área Funcional da Qualidade (Observador) GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

19 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária Outros Membros (opcionais ou quando aplicável):  Gestor Operacional  Elemento do Serviço de Luta Contra Incêndios  Responsável pelos serviços de Reboque e Push-Back  Elemento representante do ATC (Controladores)  Representante(s) de outras entidades prestadoras de Serviços na Plataforma  Representante(s) de entidades que circulam na Plataforma  Outro(s) elemento(s); GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

20 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária Objectivos propostos e alcançados:  Reuniões Periódicas Obrigatórias conforme o disposto no SGSA;  Reuniões “Extraordinárias” sempre que necessário;  Análise e discussão dos “Perigos” e “Riscos” do Lado Ar;  Identificação das “fragilidades” na operação;  Apresentação de propostas de melhoria fundamentadas;  Envolvimento dos Agentes de Handling nas acções desenvolvidas pelo Comité: Acções de Sensibilização sobre a “Segurança Operacional” das diversas actividades da operação GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

21 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária Objectivos propostos e alcançados:  Envolvimento do SOA nas acções desenvolvidas pelo Comité: Acções de Sensibilização das Normas e Procedimentos de Segurança Actualização dos Manuais de Segurança na Plataforma Execução do Manual de Aeródromos  Identificação, registo e investigação de infracções;  Criação da figura “Gestores Safety”: Integração no Sistema de Reportes Discussão e tomada de posição sobre os vários aspectos relacionados com a Segurança Operacional GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

22 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária Composição:  Presidente / Coordenador – Oficial Operações Aeroportuárias  Secretariado – Oficial de Operações Aeroportuárias  Safety Manager  Elemento(s) do Serviço de Operações (Airport Authority)  Elemento(s) dos Serviço de Luta Contra Incêndios  Elemento(s) representante(s) do ATC (Controladores)  Elemento Representante da APPLA  Elemento(s) representante(s) das Companhias Aéreas (Flight Safety Departement);  Elemento(s) da Área Funcional da Qualidade (Observador) GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

23 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária Outros Membros (opcionais ou quando aplicável):  Gestor Operacional  Elemento da Manutenção Civil do Aeroporto  Elemento da Manutenção Eléctrica do Aeroporto  Elemento da Assessoria Técnica  Outros elementos (opcionais ou quando aplicável) GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

24 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária Objectivos propostos e alcançados:  Reuniões Periódicas Obrigatórias conforme o disposto no SGSA  Reuniões “Extraordinárias” sempre que necessário;  Maior envolvimento dos representantes dos gabinetes de segurança dos Operadores, NAV e da APPLA  Envolvimento dos serviços de Manutenção e SLCI  Relatórios ALR periódicos  Estudo e elaboração de procedimentos no âmbito das incursões nas pistas; GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

25 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária Objectivos propostos e alcançados:  Identificação e implementação de medidas preventivas passíveis de reduzir os riscos de incursões;  Criação da Equipa “Wildlife Consultants”: Estudo das aves e das zonas criticas; Apresentação de propostas de acções mitigadoras; Acompanhamento permanente da “Vida Animal”  Promoção e realização de acções de sensibilização: Rwy Incursion Prevention Comunicações e ICAO Apron Management Bird Strike Trabalhos na Área de Manobra GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

26 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária Objectivos propostos e alcançados:  Dotar dos aeroportos com os meios adequados de forma a controlar o risco da presença de Aves e Animais, nomeadamente, a aquisição de Veículos motorizados, canhões e Scarecrow;  Efectivação de um Regime excepcional com a Secretaria Regional do Ambiente e Recursos Naturais para o combate à presença de coelhos nas pistas;  Apresentação do produto/sistema LIDAR (WindTracer and WindTracer Terminal Doppler Solution) GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

27 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária Composição:  Presidente / Coordenador do Comité – Chefe do Serviço de SLCI  Secretariado / Coordenador dos exercícios – Safety Manager  Gestor Operacional  Elemento(s) do Serviço de Operações (Airport Authority)  Elemento(s) dos Serviço de Luta Contra Incêndios  Elemento(s) representante(s) do ATC (Controladores)  Elemento(s) representante(s) SRPCBM (Serviços Médicos e de Emergência)  Gabinete Security - Security Manager GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

28 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária Composição:  Elemento(s) do Departamento de Relações Externas;  Elemento(s) da Manutenção do Aeroporto;  Elemento(s) do Apoio Geral;  Elemento(s) da Sala de Comando e Controlo;  Elemento(s) representante(s) da PSP;  Representante(s) de cada entidade prestadora de Serviços de Assistência em Escala na Plataforma;  Elemento(s) da Área Funcional da Qualidade (Observador); GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

29 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária Outros Membros (opcionais ou quando aplicável):  Elemento(s) representante(s) das Companhias Aéreas (Flight Safety Department);  Elemento(s) representante(s) das Companhias Aéreas (Pilotos/Outros);  Elemento(s) representante(s) da GNR / Alfândega / SEF;  Representante(s) de cada entidade prestadora de Serviços no Terminal;  Outros Elementos representantes de Entidades Externas;  Outros elementos, quando necessários; GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

30 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária Objectivos propostos e alcançados:  Reuniões Periódicas Obrigatórias conforme o disposto no SGSA;  Reuniões “Extraordinárias” sempre que necessário;  Criação da Equipa “Planear Emergências”: Reunir com todas as entidades de forma a identificar, analisar e discutir as “fragilidades” desta área Elaborar, actualizar e rever os Planos de Emergência  Nova Edição dos Planos de Emergência do AM e APS;  Realização de Exercícios à Escala Total de acordo com o estipulado pela ICAO (2/2 anos); GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

31 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária Objectivos propostos e alcançados:  Realização de Exercícios Sectoriais, Parciais e de Secretária;  Apresentação e implementação de acções de melhoria;  Maior envolvimento das Entidades Externas no Comité e no planeamento dos exercícios;  Envolvimento de todos os Agentes de Handling nos Exercícios indo de encontro aos objectivos de cada uma das partes;  Maior empenho dos Serviços Internos da ANAM; GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

32 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária Objectivos propostos e alcançados:  Coordenação eficaz e eficiente dos Supervisores e Operacionais dos Serviços de Operações e de Salvamento e Luta Contra Incêndios;  Realização de diversas Acções no âmbito do Plano de Emergência com as Entidades Externas, nomeadamente visitas guiadas para reconhecimento do Layout do aeroporto, dos procedimentos de actuação, etc GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

33 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária  Está Implementado um Sistema de Reportes que permite: Identificar e registar as ocorrências e outras situações de falhas na segurança relativas às actividades do Lado Ar; Construir uma base de dados que nos permite fornecer a informação necessária para a análise da performance do Aeroporto; Identificar os riscos e potenciais perigos na operação diária do Aeroporto dando origem a uma análise; GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

34 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária Análise periódica do Risco Aplicação de contra medidas que ajude na mitigação ou redução do risco; Acompanhamento das acções e medidas tomadas;  Acções de sensibilização e divulgação do Sistema;  Integração do Sistema de Reporte com os demais sistemas existentes;  Envolvimento das entidades no Sistema, através dos Gestores Safety; GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

35 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária Sistema de Reportes acessível:  Reporte Voluntário (Mod. 124)  Relatório diário do SOA;  Relatório diário do SLCI;  Check-List de Inspecções da Área de Movimento;  Inspecções aleatórias (Safety Manager);  Registos no IbPMS; GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

36 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária  A Gestão do Risco tem sido garantida através de uma análise trimestral. O grau é calculado de acordo com as tabelas da Probabilidade de Ocorrência e da Gravidade; O valor do risco obtém-se através da aplicação da Matriz do Risco do SGSA (sem aplicação do factor de correcção)  O acompanhamento das situações de perigo/risco está a ser efectuado, no entanto, em algumas situações os timings de acção ainda não são os desejados;  No ano de 2008 conseguiu-se atingir uma interligação satisfatória com os sistemas de Gestão do Ambiente e de Gestão de Segurança, Higiene e Saúde no Trabalho. GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA

37 Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária O SEGURO MORREU DE VELHO!! OBRIGADO Helena Martins GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA


Carregar ppt "GABINETE SAFETY DOS AEROPORTOS DA MADEIRA. Sistema de Gestão de Segurança Aeroportuária AEROPORTOS DA MADEIRA Aprovado em 18 de Agosto de 2006 De acordo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google