A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Sociedades Tecnológicas www.asmayr.pro.br Sociedades e Desenvolvimento Tecnológico Por uma abordagem crítica.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Sociedades Tecnológicas www.asmayr.pro.br Sociedades e Desenvolvimento Tecnológico Por uma abordagem crítica."— Transcrição da apresentação:

1 Sociedades Tecnológicas Sociedades e Desenvolvimento Tecnológico Por uma abordagem crítica

2 Sociedades Tecnológicas 2 Palavras Chaves  Tecnologia e Tentativa e erro  Velocidade e Simultaneidade  Informação e Controle  Temporalidade e Espacialidade  Inclusão e Exclusão  Globalização x Individualidade

3 Sociedades Tecnológicas 3 Constatações  Onipresença dos recursos tecnológicos  Simultaneidade e regularidade de processos  Padronizações  Obrigatoriedade do uso dos computadores no cotidiano doméstico e profissional  Surgimento de “novas tecnologias” num ritmo maior que a capacidade de absorção do mercado

4 Sociedades Tecnológicas 4 Constatações  Surgimento do analfabetismo tecnol ó gico  Novos magos  Redivisão do mundo segundo a posse e controle da produ ç ão de tecnologias  Tecnologias desempenham papel axiol ó gico (conferem valor), norteando comportamentos e padrões é ticos

5 Sociedades Tecnológicas 5 Características  As m á quinas se mostram mais confi á veis que seres humanos (emocionais, irracionais, marcados por ó dio e violência)  Padroniza ç ão  M á quinas encarnam o ideal de progresso e evolu ç ão da humanidade trazendo serenidade e harmonia para a sociedade  Regularidade

6 Sociedades Tecnológicas 6 Plano Social  As normas de acesso e circula ç ão pelo tecido social são diretamente proporcionais à posse dos meios de comunica ç ão e tecnologia  Inclusão e exclusão social dependem das tecnologias e não apenas do capital  Sociedade de controle

7 Sociedades Tecnológicas 7 Plano Ideológico  Cren ç a na onipotência da ciência eletrônica e com ela a possibilidade de uma democracia constru í da tecnologicamente  Cren ç a nas fun ç ões organizadoras e democratizadoras da informa ç ão  Homem identifica-se com o papel de Deus, com poderes ilimitados gerados pelo avan ç o tecnol ó gico

8 Sociedades Tecnológicas 8 Plano Econômicco  Globaliza ç ão modifica o conceito de espacialidade e temporalidade do trabalho, gerando desenraizamento do trabalho  Trabalho virtual e fora do ambiente “ Empresa ”  Novas moedas de troca: tecnologia e informa ç ão, redefinindo a redistribui ç ão de renda a partir da posse tecnol ó gica

9 Sociedades Tecnológicas 9 Plano Científico  Inteligência Artificial advinda de computadores estabelece novo paradigma de cientificidade  Tecnologias estabelecem novos critérios de cientificidade, deslocando o eixo epistemológico habitual

10 Sociedades Tecnológicas 10 Perspectivas  Desumanização do homem em decorrência do novo estatuto tecnológico  Readaptação do modelo excludente capitalista mediante nova correlação de forças  Ausência provisória de padrões éticos capazes de orientar o agir humano

11 Sociedades Tecnológicas 11 Perspectivas  Surgimento de novos paradigmas de produção do saber e assimilação compulsória pelos espaços tradicionais de disseminação do saber, incorporando uma nova pedagogia com base tecnológica  Mudança do eixo tradicional de produção do saber centrado na Escola

12 Sociedades Tecnológicas 12 Perspectivas  Uniformização cultural com perda de identidades próprias e assimilação de padrões externos ditados pelos pólos de produção tecnológica  Perda da privacidade e conseqüente massificação social obtida pelo uso inescrupuloso das tecnologias

13 Sociedades Tecnológicas 13 Premissa  “Não há informática em geral, nem essência congelada do computador, mas sim um campo de novas tecnologias intelectuais, aberto, conflituoso e parcialmente indeterminado. Nada está decidido a priori.” (Pierre Levy)

14 Sociedades Tecnológicas 14 Desafio Intervir de maneira intencional e contundente na produção e aplicação das novas tecnologias, sempre levando em conta quem são seus beneficiados, a quem servem, que paradigma de homem está subjacente e que sociedades são capazes de construir


Carregar ppt "Sociedades Tecnológicas www.asmayr.pro.br Sociedades e Desenvolvimento Tecnológico Por uma abordagem crítica."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google