A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Instalações Prediais Instalações Hidráulicas – Água fria.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Instalações Prediais Instalações Hidráulicas – Água fria."— Transcrição da apresentação:

1 Instalações Prediais Instalações Hidráulicas – Água fria

2 Principais Instalações Prediais: Água fria; Água quente; Esgoto Sanitário; Águas pluviais; Proteção contra incêndio; Elétrica; Telefônica; Ar condicionado; Gás;

3 Instalações Hidráulicas Captação Armazenamento Distribuição de água potável Processo de captação da água: – Fontes de águas naturais: Rios, barragens, poços artesianos e poços comuns. – Fontes de águas artificiais: Concessionária (CAESA)

4 Rede de distribuição pública As águas provenientes de mananciais são tratadas nas chamadas ETA´S (ESTAÇÕES DE TRATAMENTO DE ÁGUA)

5 Instalações prediais de água fria – De acordo com a NBR-5626/98, as instalações de água fria devem ser projetadas e construídas de modo a: 1) garantir o fornecimento de água de forma contínua, em quantidade suficiente, com pressões e velocidades adequadas ao perfeito funcionamento das peças de utilização e dos sistemas de tubulações 2) preservar rigorosamente a qualidade da água do sistema de abastecimento 3) preservar o máximo conforto dos usuários, incluindo-se a redução dos níveis de ruídos.

6 Dados complementares para o projeto Sistema de abastecimento – o mais comum é por distribuição pública, mas também pode ser feito por fonte particular como nascentes e poços, desde que garanta sempre sua potabilidade. O sistema de distribuição pode ser: – Sistema direto de distribuição (Ascendente) Quando a pressão da rede pública é suficiente – Sistema indireto de distribuição – Sem bombeamento Quando a pressão é suficiente, mas sem continuidade Comum em prédios de até dois pavimentos - descendente – Sistema indireto de distribuição – Com recalque Quando a pressão da rede pública é insuficiente para abastecer o reservatório elevado Neste caso é necessário o uso de cisterna – Sistema de distribuição misto Parte pelo sistema de distribuição pública e parte por instalação hidropneumático(bomba)

7 Sistema direto de distribuição

8 Sistema misto de distribuição s/ bomba

9 Sistema indireto de distribuição s/ bomba

10 Sistema indireto de distribuição c/ v. disc.

11 Sistema indireto de distribuição c/ recalq.

12 Recomendações para o projeto Para a elaboração de um projeto de instalação hidráulica é necessário: Plantas completas do projeto arquitetônico; Consultar o autor do projeto, para se adequar as condições de estéticas do projeto arquitetônico; Consultar o projeto estrutural, para se obter melhor técnica e economia no projeto hidráulico; Localização adequada das caixas dágua, da rede de abastecimento do prédio, das bombas e dos pontos de utilização; Utilização das escalas apropriadas: – Plantas baixas, pavimento tipo, cobertura, etc. – 1:50 – Detalhes – 1:20 ou 1:25

13 Projeto completo de inst. hidráulica Planta, cortes, detalhes isométricos(perspectiva isométrica), com dimensionamento e traçado dos condutores; Memoriais descritivos, justificativas e de cálculo; Especificações do material e normas para a sua aplicação; Orçamento, compreendendo o levantamento das quantidades e dos preços unitário e global da obra.

14 Nomenclatura de uma instalação de água fria

15

16 Detalhe do reservatório de acumulação (cisterna)

17 Detalhe 01 e 02

18 Reservatório Superior 1- (03)Adaptadores soldáveis longo, com flanges livres – 25mm x ¾ 2- (06)Guarnições de borracha – 25mm(3/4) 3- (04)Curva 90° - 25mm 4- (01)Luva soldável e com bucha de latão – 25mmx3/4 5- (01)Torneira bóia – ¾ 6- (02)Tês 90° - 25mm 7- (02)Adaptadores soldáveis curto com bolsa e rosca para registro – 25mmx3/4 8- (01)Registro de gaveta – ¾ 9- (02)Adaptadores soldáveis longo, com flanges livres– 32mmx1 10- (04)Guarnições de borracha – 32mm(1) 11- (02)Adaptadores soldáveis curto com bolsa e rosca para registro – 32mmx1 12- (01)Registro de gaveta – (01)Tes 90° - 32mm 14- (02)Curva 90° - 32mm

19 Detalhes Legenda 1- Adaptador soldável 2- Guarnição de borracha 3- Flanges de PVC 4- Tubo PVC rígido, soldável 5- Luva soldável e com bucha de latão 6- Torneira bóia 7- Curva ou joelho 90° 8- Te 90° 9- Caixa dágua

20 A importância do suspiro Nas instalações de caixa dágua sem suspiro pode ocorrer: Contaminação por motivo de retrosifonagem, causada por pressões negativas na rede, possibilitando a entrada de germes através do sub-ramal conectado nas peças de utilização como: Vaso sanitário ou banheira. Tubulações com presença de ar causam diminuição das vazões nas tubulações dificultando a passagem de água, além do péssimo desempenho das peças de utilização.

21 Dimensionamento de reservatório Os reservatórios devem ser dimensionados para o armazenamento de água correspondente ao consumo de um a dois dias. 1 - Calcula-se a população do prédio; 2 - Verifica-se o consumo per capta; 3 - Deve-se prever uma quantidade para combate a incêndio (reserva técnica). Obs: A água para combate a incêndio é armazenada no reservatório superior, o qual terá um volume igual ao do inferior, ou seja, 20% para reserva técnica, restando 40% para consumo e 60% no reservatório inferior.

22 Dimensionamento do tubo extravasor e do tubo de limpeza: Existem fórmulas para dimensionar o extravasor e a limpeza, porém, o mais comum é se adotar um diâmetro comercial imediatamente superior ao tubo de entrada do reservatório. Dimensionamento do recalque: Recalque é toda tubulação que vai da bomba ao reservatório superior. Para o calculo da vazão, adota-se um tempo de funcionamento, de modo que a capacidade horária de uma bomba não deva ultrapassar 20% do consumo diário, sendo que o recomendado pela NBR é que a capacidade horária mínima da bomba seja de 15% do consumo diário. Dimensionamento das tubulações

23 Será adotado a cada 24 horas de funcionamento da bomba os seguintes tempos: Prédios para apartamentos: 3 períodos de 1:30h cada Prédios para escritórios: 2 período de 2:00h cada Prédios para hospitais: 3 período de 2:00h cada Prédios para hotéis: 3 períodos de 1:30h cada Exercício 01: Dimensionar o recalque e a sucção para um reservatório de litros Vazão horária: Q = CD/24h /4 = 11,125 m³/h Hora de funcionamento: 4,5h /14400 = 3,09 l/s Q = 11,125 m³/h e T = 4h ABACO 03 - Diam. Tubulação de recalque 1¹/² - Diam. Tubulação de sucção 2¹/² ou 75mm Dimensionamento das tubulações

24 Reservatório

25 superior

26 Reservatório superior

27 Reservatório Inferior (cisterna)

28 Barrilete concentrado

29 Barrilete ramificado

30

31 Coluna de distribuição

32 Detalhe Isométrica - cozinha

33 Detalhe Isométrica - banheiro

34 Detalhe das conexões

35 Detalhe das conexões

36 Reservatório superior c/ poço artesiano

37 Reservatório sobre o forro

38 Exercícios

39

40 Registro de gaveta - RG

41 Água Fria

42 Água Quente

43 Reservatório superior e inferior


Carregar ppt "Instalações Prediais Instalações Hidráulicas – Água fria."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google