A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Prof. Ms. José Elias de Almeida Fundamentos, Concepções e Princípios da EJA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Prof. Ms. José Elias de Almeida Fundamentos, Concepções e Princípios da EJA."— Transcrição da apresentação:

1 Prof. Ms. José Elias de Almeida Fundamentos, Concepções e Princípios da EJA

2 O desenvolvimento de uma nação não depende exclusivamente da educação

3 EDUCAÇÃO Importante papel estratégico em todas as nações que construíram um projeto educacional de desenvolvimento nacional e autônomo.

4 PROCESSO DE EXCLUSÃO SOCIAL Desemprego estrutural (geração); Desemprego juvenil; Baixa escolaridade (qualificação insuficiente); Concentração de riqueza; Incorporação das tecnologias da Informação.

5 Configuração de uma outra sociedade Políticas públicas comprometidas com transformações estruturais; Intenções éticas (políticas, culturais e sociais (curto, médio e longo prazo); Políticas de inserção auto-sustentável.

6 Desenvolvimento nacional Projeto estratégico e tático de Educação Nacional e tecnológica (formação de um sujeito com autonomia intelectual; autonomia ética; autonomia profissional (saber-fazer) autonomia emancipadora.

7 1- CONCEÇÕES EJA – CAMPO DO CONHECIMENTO ESPECÍFICO:

8 1- CONCEPÇÕES Quais reais necessidades de aprendizagem dos alunos da EJA? Como produzem ou produziram os conhecimentos que postam? (conhecimento de mundo) Quais suas lógicas, estratégias e táticas de resolver situações e enfrentar desafios?

9 1- CONCEPÇÕES Como articular os conhecimentos prévios (seu estar no mundo) frente aos disseminados pela cultura escolar? Como o sujeito-professor da EJA pode interagir com os sujeitos-alunos EJA nessa relação de múltiplas aprendizagens?

10 1- CONCEPÇÕES É preciso reinventar a didática cotidiana para a organização do Trabalho Pedagógico

11 1- CONCEPÇÕES Criando, reinventando... Formular respostas político- pedagógicas específicas que: Atenda as necessidades de todos os envolvidos (nem puramente academicista, nem puramente instrumental)

12 1- CONCEPÇÕES Criando, reinventando... Dialogar sobre: o campo de atuação profissional o mundo do trabalho sobre a vida

13 1- CONCEPÇÕES Criando, reinventando... Os alunos da EJA não teem garantia de emprego e melhoria material de vida Mas pela EJA abrirão possibilidades de alcançar esses e outros objetivos.

14 1- CONCEPÇÕES Professor com formação diferente para atuar nesta esfera de ensino: Compreender a realidade deste público para descobrir seus modos de aprender e favorecer essas lógicas de aprendizagem no ambiente escolar

15 1- CONCEPÇÕES Professor com formação diferente para atuar nesta esfera de ensino: Compreender e aprender uns com os outros (atividades cognitivas, afetivas, emocionais = prazerosas)

16 1- CONCEPÇÕES Professor com formação diferente para atuar nesta esfera de ensino: Atuar positivamente sobre o estigma do preconceito no retorno a escola: - Estudos interrompidos; - Idade/retorno; - Dificuldades de adaptação; - Baixa autoestima.

17 1- CONCEPÇÕES Professor com formação diferente para atuar nesta esfera de ensino: Sólida formação continuada para ser também sujeito determinante e determinado em processo de aprender por toda a vida.

18 2 - PRINCÍPIOS DA EJA - Teorias da Educação (filosóficas, sociológicas, psicológicas e pedagógicas; - Estudos específicos no campo da EJA; - Reflexões teórico-práticas (EJA, Ensino Médio e cursos de formação profissional – Rede Federal de Educação Profissional).

19 2 - PRINCÍPIOS DA EJA Primeiro princípio: Compreensão da inclusão da EJA Segundo princípio: EJA integrada a educação profissional Terceiro princípio: Universalização do Ensino Médio

20 2 - PRINCÍPIOS DA EJA Quarto princípio: Trabalho como princípio educativo Quinto princípio: Pesquisa Sexto princípio: Gênero e relações étnico-raciais

21 2ª PARTE

22 POLÍTICAS PÚBLICAS: conceito Ações que terminam com o mandato do dirigente político. Política partidária Políticas públicas Ações de desenvolvimento que ficam com a comunidade.

23 SURGIMENTO DAS POLÍTICAS PÚBLICAS Originam Políticas Públicas Prospecção de demanda Necessidades vitais de grupos coletivos Demandas sociais Opções políticas partidárias Conquistas sociais

24 Políticas educacionais Políticas sociais Políticas de habitação Políticas de saúde Políticas agrícolas Políticas de desenvolvimento tecnológico Políticas ambientais POLÍTICAS PÚBLICAS E SUA AÇÃO SOCIAL Realimentação Reorientam Políticas sociais: Desemprego Analfabetismo Desnutrição Discriminação Pobreza Exclusão social

25 POLÍTICAS PÚBLICAS: PR0EJA Ações que atendam as necessidades da comunidade escolar. Políticas Educacionais Políticas do PROEJA Ações que implementem a formação inicial e continuada na modalidade - EJA,para trabalhadores, na possibilidade de qualificação profissional.

26 Como a educação Profissional poderá formar um professor e um gestor preparado para desencadear políticas públicas educacionais ? Educação Continuada: Proposta de Capacitação. MEC/SEDUC/IFRO-RO POLÍTICAS DO PROEJA - Formação do Professor

27 1.O jovem e adulto como trabalhador cidadão. POLÍTICAS EDUCACIONAIS -PROEJA 3. As novas demandas de formação do trabalhador. 2.O trabalho como princípio educativo. ALICERSES DAS POLÍTICAS DO PROEJA

28 PROPOSTA POLÍTICA : Desencadear ações na perspectiva da qualificação profissional, situando prioritariamente: Uma relação social constituída pela interação dos agentes do trabalho em torno da propriedade significativa do conhecimento construído no e pelo TRABALHO. POLÍTICAS DO PROEJA -QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL.

29 DIANTE DISSO... A QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL PODE SER ENTENDIDA COMO UMA POLÍTICA PÚBLICA?

30 Estarão os DIRIGENTES e PROFESSORES DO ESTADO DE RONDÔNIA preparados para desencadearem Políticas Públicas ? POLÍTICA EDUCACIONAL SIM Através da CAPACITAÇÃO CONTINUADA

31 CONCEPÇÕES PSICOPEDAGÓGICAS DO PROCESSO ENSINO- APRENDIZAGEM PARA A EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS é mais uma das ações que fazem parte do Plano de Trabalho para implantação do Programa Nacional de Integração da Educação Profissional com a Educação Básica na Modalidade de Educação de Jovens e Adultos - PROEJA, instituído no âmbito federal pelo DECRETO Nº 5.840, DE 13 DE JULHO DE 2006.

32 Fundamentos Filosóficos, Sociológicos e Psicológicos e pedagógicos da Educação de Jovens e Adultos Componentes Básicos do Planejamento de Ensino. Avaliação da Aprendizagem numa Perspectiva Processual

33 ENTENDER QUE O ALUNO ADULTO PRECISA TER ESPAÇO NO MERCADO DE TRABALHO POLÍTICAS PROEJA - Formação do Professor– O professor precisa...

34 ENTENDER QUE O PROEJA VAI MUITO ALÉM DE ENSINAR A LER E ESCREVER POLÍTICAS PROEJA - Formação do Professor– O professor precisa...

35 AVALIAÇÃO E PLANEJAMENTO POLÍTCAS PÚBLICAS –EDU.PROFISSIONAL PROCESSO DE CONSTRUÇÃO Identificação dos problemas DE DIVERSIDADE POLÍTICAS AFIRMATIVAS DE GÊNERO Compartilhamento das soluções/RELAÇÕES SOCIAIS

36 Construir políticas públicas educacionais que articulem as esferas públicas visando produzir uma sinergia que atendam as demandas da população. PORTANTO... Torna-se necessário.

37 Construir políticas que superem o caráter assistencialista da EJA e implementem políticas de profissionalização. (Decreto 5.154/2004) PORTANTO... Torna-se necessário.

38 Construir políticas públicas que superem programas focais fragmentados imediatistas, assistencialistas centrado no treinamento. PORTANTO... Torna-se necessário.

39 PORTANTO... PARA ENTENDER E IMPLEMENTAR POLÍTICAS DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL/EJA... SIGNIFICA.

40 PORTANTO... significa Acreditar que o Projeto Político Pedagógico é o elo articulador entre a ação e o sonho, a comunidade e a escola.

41 Acreditar que todo conhecimento adquirido deverá voltar para a escola como uma verdade, como uma ação, como uma proposta de transformação. PORTANTO... significa:

42 Acreditar que todo conhecimento precisa passar por uma reflexão- ação num processo investigativo permanente orientando o planejamento do professor. PORTANTO... significa:

43 PROEJA Acreditar que o papel do ensino do Adulto vai além da reconstrução curricular, da escola, e que esta ação deverá fazer parte do cotidiano pedagógico do professor como eixo de articulação entre a teoria e a prática, entre o sonho e a realidade.

44 Acreditar que aqui no Estado de Rondônia o sonho tornar-se-á realidade pelas mãos iluminadas de você professor que hoje aqui se faz presente.. PORTANTO... Trabalhar com o Adulto significa.

45 Por hoje MUITO OBRIGADA. JOSÉ ELIAS DE ALMEIDA (69)


Carregar ppt "Prof. Ms. José Elias de Almeida Fundamentos, Concepções e Princípios da EJA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google