A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Rede Externa A ocupação do poste, pelos cabos e isoladores, deve obedecer a seguinte ordem: Ponto de linha GVT Ponto de linha OI (BRT TV a Cabo Ponto.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Rede Externa A ocupação do poste, pelos cabos e isoladores, deve obedecer a seguinte ordem: Ponto de linha GVT Ponto de linha OI (BRT TV a Cabo Ponto."— Transcrição da apresentação:

1

2

3 Rede Externa

4 A ocupação do poste, pelos cabos e isoladores, deve obedecer a seguinte ordem: Ponto de linha GVT Ponto de linha OI (BRT TV a Cabo Ponto de Rede GVT Ponto de Rede OI (BRT)

5 Devem-se fixar os suportes Para roldanas/esticadores no poste utilizando para isto fita de aço inox, que deve envolvê-lo. OBS: observar que a cinta de aço não abrace condutores de terceiros bem como aterramentos e fios elétricos. Rede Externa

6 Saída de caixa: ( caixa TPF ): Instalar 2 isoladores de quatro ranhuras a 180 º somente para o lado que for usar. Rede Externa

7 Passagem: Instala-se 1 isolador de quatro ranhuras colocados na face do poste voltada para onde passa o cabo GVT. Utilizar para sua sustentação um parafuso PR-90 Rede Externa

8 Levante : Se no trajeto do fio externo houver mudanças de direção deve-se realizar levante, utilizando para isso um isolador de quatro ranhuras, instalado a um suporte para roldanas e fixado por uma fita de aço inox, devendo estar posicionado nas duas laterais do poste (180º) ( mesma posição da saída de caixa ) Rede Externa

9

10

11 Em postes quadrados (Duplo T) para isolador de passagem coloca-se 1 isolador na face do poste Que permitir o apoio do suporte DM ou 2 isoladores com falso abridor. Rede Externa

12

13

14 Não deverão ser utilizados suportes de meio de vão, somente em casos extremos e com a devida autorização da GVT. Rede Externa

15

16

17

18 Em hipótese alguma é permitida a travessia de cabos por terrenos dos vizinhos do cliente a ser atendido. Os mesmos devem acompanhar o ponto de entrada da energia elétrica. Qualquer dúvida acionar supervisor GVT. Rede Externa

19 Isolador 8 ranhuras: Instala-se o fio externo/cabo do tipo FE-AA-80 acomodando-o em uma das ranhuras do isolador (obedecendo ao sentido de ocupação do isolador, sendo do centro para as extremidades, simetricamente), fixando-o com a alça pré-formada para fio FE. Rede Externa

20 Isolador 4 ranhuras: Instala-se o fio externo/cabo do tipo FE-AA-80 acomodando-o em uma das ranhuras do isolador (de baixo para cima), fixando-o com a alça pré-formada para fio FE.

21 O fio FE deve ser colocado por dentro dos anéis guias, até chegar na TPA, onde será conectado ao borne correspondente ao par designado, observando que os condutores sejam separados quatro centímetros um do outro, cortando do condutor que for conectado abaixo 1,5 cm. OS CONDUTORES NÃO DEVERÃO SER DECAPADOS. Rede Externa

22 Conexão do fio FE na caixa TAR. Rede Externa

23

24

25 Atendimento via parede com cachimbo: Fixa-se o suporte para roldanas na fachada do assinante com parafuso e equipa-se o mesmo com um isolador de duas ranhuras, observando que o conjunto fique no mínimo a 60 cm do ponto de entrada de energia e 20 cm do acesso da rede interna (cachimbo). Rede Externa

26 Instala-se o fio externo do poste da rede até o poste de acesso da residência. Instala-se o fio do poste de acesso do cliente até a fachada da residência do mesmo onde será acomodado em um isolador de 2 ranhuras ( conforme o caso ). Deve-se equipar o postinho com 1 ou com 2 isoladores, um no lado da rua outro para o lado da residência com meia-lua e pingadeira. Rede Externa

27 Acesso telefônico no postalete: Coloca-se PTR ( BLE-2) e isolador novo e troca-se o fio da tubulação por fio FE até o primeiro ponto dentro da residência do assinante. Rede Externa

28 Entre a TPA e o usuário, não deverão existir emendas, porém caso seja necessário deverá se usar o bloco ble-2 para realizá-la. Rede Externa

29 Residências com acesso por fio em tubulação subterrânea: Deve-se conectar os Fes do cliente ao fio platichumbo existente ( quando em condições ) dentro de um PTR ( BLE-2 )ou levá-los diretamente ao primeiro ponto na residência do assinante. Rede Externa

30 Atendimento parede com furo: Fixa-se o suporte para roldanas na fachada do assinante com parafusos e buchas. Equipa-se o mesmo com um isolador de duas ranhuras e insere- se o FTB para proteção do Fio/Cabo. Deve-se realizar pingadeira no FE, para que não ocorram infiltrações na residência do cliente. Rede Externa

31 Interior da residência.

32 Sempre que possível levar o fio FE até a tomada no primeiro ponto.

33

34 Rede Interna Quando não for possível levar o FE até o primeiro ponto, fazer a migração para o cabo Cci dentro de uma caixa sistema X em qualquer local da instalação interna.

35 Após a chegada do cabo Cci ao roda-pé, deve-se colar o mesmo com aplicador de cola quente por todo trajeto necessário. Rede Interna

36 Uso de canaletas com acessórios : Rede Interna

37 Fio FE entrando pelo forro Fazer a emenda próxima ao forro.

38 Local para a tomada Fixa-se a tomada telefônica no local desejado pelo cliente ( 30 cm do solo ) realizando-se a conexão dos fios aos bornes e colando-se o fio por toda extensão. Rede Interna

39 Conexão dos condutores na tomada. Os condutores não devem ficar na frente das ranhuras da tomada. Deve-se fazer uma fenda na tampa a fim de não cortar os condutores. A capa do cabo CCI deve entrar para dentro da tomada não deixando condutores expostos. A tomada deve ser fixada junto com o afastador com parafuso e bucha 6. Rede Interna

40 Condomínios

41 Cabo CCE: ( caixa C ) Ligar o cabo CCE na caixa TAR externa ao condomínio dobrando as pontas a fim de permitir melhor conexão. Predial

42 Instalação em prédios com caixa predial : ( Caixa P ) Quando a instalação for em edifício, deve-se realizar a conecção dos fios jumper no DG interno e nas caixas de passagem ( prumada lateral ). Predial

43 D.G. Prédio: Caixa C : Com cabo CCE, ( 4 pares ) ligar primeiro na caixa externa. Predial D.G. Prédio: Caixa P : Com cabo 20 pares, direto do ARD.

44 Predial Caixa C : Cabo CCE 4 pares. Caixa P : Cabo de 10 ou mais pares.

45 Blocos de conexão Bli Bargoa \ Krone

46 Exemplo de Prumada Lateral : Predial

47 Adsl filtro simples

48

49

50 O que NÃO deve se fazer em instalação

51

52 Clientes satisfeitos falam da sua satisfação a outras pessoas, o que amplia a boa reputação da empresa. Mais importante do que simplesmente atrair novos clientes é fazer com que os melhores consumidores permaneçam na base...


Carregar ppt "Rede Externa A ocupação do poste, pelos cabos e isoladores, deve obedecer a seguinte ordem: Ponto de linha GVT Ponto de linha OI (BRT TV a Cabo Ponto."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google