A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A Pós-Graduação e a Iniciação Científica da UFRJ Angela Maria Cohen Uller Pró-Reitora Nei Pereira Jr. Superintendente Acadêmico Regina Maria Macedo C.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A Pós-Graduação e a Iniciação Científica da UFRJ Angela Maria Cohen Uller Pró-Reitora Nei Pereira Jr. Superintendente Acadêmico Regina Maria Macedo C."— Transcrição da apresentação:

1 A Pós-Graduação e a Iniciação Científica da UFRJ Angela Maria Cohen Uller Pró-Reitora Nei Pereira Jr. Superintendente Acadêmico Regina Maria Macedo C. Dantas Superintendente Administrativa

2 Colaboradores: Júlio Gravina Marques Diretor da Divisão de Programas e Bolsas da PR2 Marília da Conceição Morais Lopes Assessora Técnica da PR2 Maria de Fátima Bastos Freitas Assistente da Superintendência Acadêmica da PR2 Gisele Tavares Diretora da Divisão de Ensino da PR2 Ana Teresa Rocco Suassuna Diretora de Assuntos Estudantis da PR2

3 CORPO DOCENTE (TOTAL=3.229) DOCENTES COM DOUTORADO2.501 (2.384 DSc e 117 PD) DOCENTES ATUANTES EM PÓS-GRADUAÇÃO1.501 (permanentes) e 360 (colaboradores) GRADUAÇÃO CURSOS142 ALUNOS COM MATRÍCULA ATIVA (2006) [ (presencial) e (a distância)] ALUNOS TITULADOS4.874 (2006) ALUNOS PARTICIANTES DE ATIVIDADES DE IC4.119 (2007) PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMAS85 CURSOS157 [85 MSc e 72 DSc] ALUNOS COM MATRÍCULA ATIVA (MSc e DSc)9.250 [5410 MSc e 3840 DSc] (2006) ALUNOS TITULADOS (MSc e DSc)2.220 [1488 MSc e 732 DSc] (2006) TÉCNICOS ADMINISTRATIVOS8.893 A UFRJ em Números

4 CAPACITAÇÃO DO CORPO DOCENTE 74% 4% 3% 17% 2%

5 Estrutura Organizacional

6 A FORMAÇÃO DE MESTRES E DOUTORES NA UFRJ

7 Corpo Discente de Cursos de MESTRADO 5410

8 Alunos de Mestrado Ativos por Área de Avaliação da CAPES (2004, 2005 e 2006) 31% 11,6% 11,8%12,1% 8,5% 12,7% 8,0% 0,52% 3,1%

9 Alunos de Mestrado Ingressantes por Área de Avaliação da CAPES (2004/2005/2006) 0,6% 12,5%12,8% 11,1% 8,1% 12,6% 30,9% 9,1% 2,5%

10 Alunos de Mestrado Titulados por Área de Avaliação da CAPES (2004/2005/2006) 0,6% 12,2%13,7%12,0% 7,8% 15,2% 26,6% 9,1% 2,8%

11 Corpo Discente de Cursos de DOUTORADO 3840

12 Alunos de Doutorado Ativos por Área de Avaliação da CAPES (2004, 2005 e 2006) 29,9% 0,7% 20,7% 11,7% 6,5% 11,2% 14,5% 8,2% 1,6%

13 Alunos de Doutorado Ingressantes por Área de Avaliação da CAPES (2004/2005/2006) 0,9% 21,8% 9,1% 10,1% 9,8% 14,1% 26,3% 9,3% 1,4%

14 Alunos de Doutorado Titulados por Área de Avaliação da CAPES (2004/2005/2006) 1,0% 19,5% 9,0%9,7% 10,9% 13,3% 28,9% 6,9% 1,0%

15 PAÍS % MÉXICO0,8 ROMÊNIA0,4 ALEMANHA OCIDENTAL0,4 IUGOSLÁVIA0,8 URUGUAI3,2 ÁUSTRIA0,4 CABO VERDE0,8 CAMARÕES0,4 EL SALVADOR0,4 ESTADOS UNIDOS1,2 PERU20,1 ARGENTINA16,9 CHINA0,4 FRANÇA1,2 UNIÃO SOVIÉTICA0,8 VENEZUELA2 CUBA3,6 PAÍS % MOÇAMBIQUE2 GUINÉ- BISSAU0,4 BOLÍVIA2,4 CHILE4,4 COLÔMBIA15,7 ESPANHA0,4 LÍBIA0,4 PORTUGAL4,8 GRÃ-BRETANHA1,2 SENEGAL1,2 ANGOLA2,4 COSTA DO MARFIM0,4 GUATEMALA0,4 ITÁLIA5,2 PARAGUAI1,2 BÉLGICA1,2 EQUADOR1,6 HOLANDA0,4 A PÓS-GRADUAÇÃO PARA ESTUDANTES ESTRANGEIROS (248)

16 Bolsas de MESTRADO da CAPES e do CNPq

17 Bolsas de DOUTORADO da CAPES e do CNPq

18 Bolsas de MESTRADO e DOUTORADO da FAPERJ

19 Bolsas de MESTRADO e DOUTORADO da ANP Programa PRH [IQ; COPPE (PEC; PEO; PPE; PEMM); EQ; IGEO; IE]

20 Bolsas de MESTRADO do CENPES-PETROBRAS

21 Produção de Mestres e Doutores 2220

22 Avaliação CAPES dos 85 Programas de Pós-Graduação da UFRJ ( ) 33% 25% 20% 9,4% 13%

23 Avaliação CAPES dos 229 Programas de Pós-Graduação da USP ( ) 35,4% 15,3% 8,7% 27% 13%

24 Avaliação CAPES dos 62 Programas de Pós-Graduação da UNICAMP ( ) 3,2% 27,4% 35,5% 22,6% 11,3%

25 Avaliação CAPES dos 30 Programas de Pós-Graduação da UFSCAR ( ) 26,7% 30,0% 33,3% 3,3% 6,7%

26 A Iniciação Científica na UFRJ

27 Evolução do Total de Bolsas de Iniciação Científica Fonte: SIGMA/UFRJ

28 Distribuição das Bolsas de Iniciação Científica por Agência/Órgão de Fomento

29 Evolução da Jornada de Iniciação Científica

30 Trabalhos Programados para a JIC 2007 por Centro Total=3058

31 Bolsistas PIBIC: % Ingressantes na Pós-Graduação Existência de bolsista ainda na graduação A PG da UFRJ está sub-utilizando o treinamento de IC fornecido aos seus alunos de Graduação

32 Inferências BaseSIGMA Idade Média dos Titulados

33 Estimular o surgimento de Programas de MSc e DSc em áreas inter, multi e transdisciplinares buscando a convergência de áreas do conhecimento. Planejar o aumento do número de vagas nos cursos de pós- graduação existentes em áreas de maior interesse da sociedade (desenvolvimento regional, social e econômico), através do aumento das condições laboratoriais, didáticas e de infra- estrutura física. METAS PARA A PÓS-GRADUAÇÃO DA UFRJ EM CONSONÂNCIA COM O PRE Elaborar plano de ação para a melhoria dos Programas de Pós- graduação no que concerne à avaliação da CAPES visando o aumento dos graus 3, 4, 5 e 6 para um nível acima no triênio

34 Aumentar o número de cursos de MSc e DSc, presenciais e à distância, com foco nas atividades de ensino (química, biologia, matemática, português, línguas, geografia, história, filosofia, música, educação física e informática) para o fortalecimento e melhoria da qualidade da educação básica. (Ex.: mestrado em ensino de física, recentemente aprovado pela CAPES). Organizar cursos especiais de pós-graduação de interesse geral ministrados pelas áreas sociais, filosóficas, jurídicas e econômicas para as áreas tecnológicas, da natureza e da saúde (Ex: ética, gestão, empreendedorismo, propriedade intelectual, etc.). Criar núcleos de pesquisa inter-unidades em áreas temáticas apoiados por projetos estruturantes, captados junto a órgãos governamentais, agências de fomento, organizações internacionais e empresas. METAS PARA A PÓS-GRADUAÇÃO DA UFRJ EM CONSONÂNCIA COM O PRE

35 Propor um Colégio Pós-doutoral na UFRJ para jovens doutores brasileiros e latino-americanos à CAPES, à OEA e outros organismos financiadores com o objetivo de aumentar a capacidade de ensino, pesquisa e de publicações dos cursos de pós-graduação. Organizar Câmaras Temáticas de Integração voltadas para atividades de pesquisa de forma a institucionalizar as competências da UFRJ em áreas de grande demanda da Sociedade. Oferecer suporte às áreas de pesquisa em sua relação com os agentes do desenvolvimento econômico e social aumentando o uso do conhecimento gerado nas várias unidades da UFRJ. METAS PARA A PÓS-GRADUAÇÃO DA UFRJ EM CONSONÂNCIA COM O PRE

36 Fortalecer e ampliar a cooperação internacional estimulando a pesquisa e a mobilidade de alunos de pós-graduação, pesquisadores e docentes. Integrar as atividades de pós-graduação e graduação estabelecendo estágios de iniciação científica intra e inter unidades nos grupos e laboratórios de pesquisa. Consolidar a liderança da UFRJ em suas várias áreas de pesquisa através da divulgação do conhecimento gerado através das mídias internas e externas, debates setoriais e de políticas governamentais, participação em congressos e feiras, exposições para segmentos específicos da sociedade, publicações institucionais e estudos de conjuntura. METAS PARA A PÓS-GRADUAÇÃO DA UFRJ EM CONSONÂNCIA COM O PRE


Carregar ppt "A Pós-Graduação e a Iniciação Científica da UFRJ Angela Maria Cohen Uller Pró-Reitora Nei Pereira Jr. Superintendente Acadêmico Regina Maria Macedo C."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google