A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A poluição do ar e suas prejudicações.. índice *A poluição do ar *O que acontece com a poluição do ar * AS CIDADES MAIS POLUIDA *A que distância a poluição.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A poluição do ar e suas prejudicações.. índice *A poluição do ar *O que acontece com a poluição do ar * AS CIDADES MAIS POLUIDA *A que distância a poluição."— Transcrição da apresentação:

1 A poluição do ar e suas prejudicações.

2 índice *A poluição do ar *O que acontece com a poluição do ar * AS CIDADES MAIS POLUIDA *A que distância a poluição do ar pode alcançar *as doenças causadas pela poluição do ar

3 Apoluiçao do ar A maior parte da poluição do ar é produzida como resultado da queima de combustíveis fósseis, como o carvão e o petróleo. Esses combustíveis foram formados durante milhares de anos a partir de plantas e animais mortos. Os depósitos se formavam e eram finalmente cobertos por outras rochas e comprimidos. Eles permaneceram praticamente intactos até a metade do século XIX. Desde então, são usados em quantidades cada vez maiores para mover veículos, aquecer edifícios nos países frios e fundir metais como o ferro.

4 Quando o combustível é queimado, não libera apenas energia, mas muitos produtos químicos, incluindo enxofre e nitrogênio contidos no material orgânico. Essas substâncias são dois dos mais importantes ingredientes na chuva ácida. Enxofre e nitrogênio são subprodutos indesejáveis na queima dos combustíveis, sendo geralmente lançados diretamente na atmosfera onde se acreditava que se dispersavam sem riscos. Hoje sabemos que não é assim. Eles se convertem rapidamente em dióxido de enxofre e óxidos de nitrogênio, os quais podem ser julgados prejudiciais ao meio ambiente.

5 As quantidades lançadas na atmosfera são espantosas: cerca de 24 milhões de toneladas de dióxido de enxofre por ano na América do Norte e 44 milhões de toneladas na Europa. É o suficiente para encher completamente cerca de 150 petroleiros! A maior parte do enxofre vem das fábricas e usinas termelétricas. A quantidade de óxidos de nitrogênio produzida é menor, mas mesmo assim chega a 22 milhões de toneladas na América do Norte e 15 milhões de toneladas na Europa Ocidental. A maior parte dos óxidos de nitrogênio provém da emissão dos motores dos veículos. À medida que o tráfego aumenta em até 20% ao ano na Europa, é provável que o problema se agrave, a menos que se tomem providências imediatas.

6 O que acontece com a poluição do ar? Uma parte da poluição rapidamente se precipita ao solo, antes de ser absorvida pela umidade do ar. Deposita-se nas árvores, edifícios e lagos, geralmente na área onde foi produzida. É a chamada precipitação seca. Estes depósitos se formam e mais tarde se combinam com a água da chuva, transformando-se em ácidos. O resto da poluição pode permanecer no ar por mais de uma semana e é transportada pelo vento a longas distâncias. Durante esse período, as substâncias químicas reagem com o vapor dágua na atmosfera, transformando-se nos ácidos sulfúrico e nítrico diluídos. Esses ácidos também reagem com outras substâncias químicas na atmosfera formando poluentes secundários. Destes, o ozônio é um dos mais perigosos, pois prejudica a vegetação.

7 Quando a precipitação ácida ocorre sob a forma de neve, os problemas para o meio ambiente são retardados, mas podem ser muito piores posteriormente. Durante o inverno, a neve se acumula no solo, retendo seus ácidos. Na primavera, quando a neve derrete, há um súbito fluxo de água que corre pelo chão até os rios e lagos. Eventualmente, ácidos que ficaram retidos por seis meses são liberados em poucas semanas. Estas correntezas ácidas, como são chamadas, são particularmente prejudiciais para plantas e animais.

8 as cidades mais poluídas O ranking da Organiza ç ão Mundial da Sa ú de mostra cidades do Oriente M é dio como as mais polu í das do mundo. Região metropolitana do Rio de Janeiro aparece como a pior do Brasil. A Organiza ç ão Mundial da Sa ú de (OMS) estima que dois milhões de pessoas morrem a cada ano devido à polui ç ão do ar. Medi ç ões anuais apontam que a concentra ç ão de part í culas polu í doras, chamadas de PM10, est á muito acima do m á ximo recomendado em muitas cidades. Essas part í culas de 10 micrometros de diâmetro podem invadir o sistema respirat ó rio e a corrente sanguínea, causando problemas no cora ç ão, câncer, asma e outras

9 doen ç as respirat ó rias. Segundo a OMS, o m á ximo recomendado é de 20 microgramas de PM10 por cent í metro c ú bico – em algumas cidades esse í ndice chega a 300. O estudo mais recente da OMS, feito em 1100 cidades de 91 pa í ses, mostrou que a região mais polu í da do planeta é o Oriente M é dio, seguida pelo Sudoeste e Leste Asi á tico.

10 A cidade mais polu í da do planeta fica no sudoeste do Irã e tem mais de 1 milhão de habitantes. A m é dia anual da concentra ç ão de PM10 chega a 372. A atividade principal na cidade gira em torno da produ ç ão e distribui ç ão de petr ó leo. Outras ind ú strias relevantes estão no remo da metal ú rgica, petroqu í mica e têxtil.

11 Ulan Bator é a ú nica capital e maior cidade da Mong ó lia, o ac ú mulo anual é de 279 de PM10. O centro urbano tem cerca de 850 mil habitantes e a atividade principal é a produ ç ão de têxteis, couro e alimentos. Em 2012, o pa í s apresentou um acentuado crescimento econômico, mas a maioria da popula ç ão pobre não foi beneficiada diretamente, diz alerta das Na ç ões Unidas. Pessoas transitando com mascaras é cena comum em muitas regiões do Irã

12 Mais uma cidade do Irã configura entre as mais polu í das do mundo. Em Senandaj, localizada a metros acima do mar, a concentra ç ão de PM10 no ar é de 254 Essa é a visão em v á rias cidades da Í ndia A cidade est á localizada no noroeste da Í ndia. Seus mais de três milhões de habitantes estão bem distribu í dos entre as á reas urbana e rural. Toda esta popula ç ão respira um ar polu í do com a m é dia anual de 251 de PM10.

13 Paradoxo do Rio: cartão postal e polui ç ão A bela paisagem da cidade do Rio de Janeiro contrasta com uma realidade preocupante. Apesar de não ser a quinta mais polu í da do mundo, a região metropolitana aparece neste por ser a pior do Brasil, com 64 de PM10. Cerca de 12 milhões de pessoas convivem diariamente com excesso de CO2 emitido pelos carros e pela concentra ç ão de ind ú strias na região. A segunda maior concentra ç ão de PM10 no pa í s foi registrada na região metropolitana de São Paulo, com 48 E 39

14 Cinco medicamentos produzidos no Brasil Tratamentos criados no pa í s são referência mundial no combate à s chamadas doen ç as negligenciadas. Dois dos medicamentos fabricados no Brasil foram inclu í dos recentemente em lista da Organiza ç ão Mundial de Sa ú de.

15 A que distância a poluição do ar pode alcançar? Se você olhar para a fumaça que sai de uma chaminé, verá que em poucos dias do ano ela sobe verticalmente. Na maior parte das vezes ela se inclina, porque o ar ao redor da chaminé está em movimento. Mesmo quando parece haver apenas uma brisa próxima ao solo, nas camadas mais altas o vento pode ser bem mais forte. A poluição que sai das chaminés é levada pelo vento. Uma parte dela pode permanecer no ar durante uma semana ou mais, antes de se depositar no solo. Nesse período ela pode ter viajado muitos quilômetros. Mesmo um vento fraco de 16 km/h poderia transportá-la para além de 1600 km em cinco dias. Quanto mais a poluição permanece na atmosfera, mais a sua composição química se altera, transformando-se num complicado coquetel de poluentes que prejudica o meio ambiente.

16 Nas mais importantes áreas industriais do Hemisfério Norte, o vento predominante (aquele que sopra com mais freqüência) vem do oeste. Isso significa que as áreas situadas no caminho do vento, que sopra destas regiões industriais, recebem uma grande dose de poluição. Cerca de 3 milhões de toneladas de poluentes ácidos são levados a cada ano dos Estados Unidos para o Canadá. De todo o dióxido de enxofre precipitado no leste canadense, metade dele provém das regiões industriais situadas no nordeste dos EUA.

17 as doenças causadas pela poluição do ar O ar atualmente, principalmente dos centros urbanos, se apresenta muito polu í do. Esta polui ç ão provoca s é rios danos à sa ú de, causando doen ç as respirat ó rias e tamb é m doen ç as causadas por microorganismos presentes no ar polu í do.

18 As doen ç as respirat ó rias al é rgicas são causadas pela poeira dom é stica, fungos presentes no ar, pêlos de animais, fuma ç a e odores como cola de sapateiro e perfumes, estes são os agentes al é rgicos. As doen ç as mais conhecidas são rinite e bronquite asm á tica.

19 A rinite é um processo irritativo das vias nasais, caracterizando- se por espirro, produ ç ão excessiva de muco, coceira no c é u da boca e congestão nasal. A bronquite asm á tica é uma rea ç ão aos agentes al é rgicos que causa obstru ç ão e dificulta a passagem do ar pelas vias respirat ó rias, manifestando-se sob forma de chiados no peito e falta de ar. Al é m da alergia respirat ó ria, mudan ç as repentinas de temperatura, umidade, desgaste emocional e processos inflamat ó rios, como gripes ou resfriados, tamb é m podem contribuir para desencadear uma crise al é rgica.

20 Os microorganismos, como bact é rias e v í rus presentes no ar tamb é m podem causar v á rias doen ç as como a tuberculose, a meningite meningoc ó cica, gripe, caxumba, poliomielite, sarampo, entre outras.

21 A tuberculose é causada por uma bact é ria, ela tanto pode atacar humanos como tamb é m outros animais. É uma doen ç a contagiosa e pode se manifestar em v á rios ó rgãos do corpo. A mais comum é a tuberculose pulmonar, que é transmitida de pessoa para pessoa atrav é s da tosse, que acaba liberando a bact é ria no ar, tamb é m pelo contato com roupas, talheres e outros objetos contaminados. Os sintomas s ó são percebidos meses depois ap ó s a instala ç ão da bact é ria no organismo. Ap ó s esse per í odo iniciam-se as tosses com catarro, febre, palidez, falta de apetite, emagrecimento e conseq ü entemente fraqueza geral. Se não for tratada, a doen ç a pode causar lesões nos pulmões, no caso da tuberculose pulmonar, at é levar a sua completa destrui ç ão. A tuberculose pode ser prevenida atrav é s da vacina BCG e tamb é m pode ser tratada, por meio da r á pida detec ç ão da doen ç a atrav é s de radiografias.

22 A meningite meningoc ó cica é uma doen ç a causada pela bact é ria Neisseria meningitidis que ataca as meninges (membranas que protegem o sistema nervoso central). Os sintomas são forte dor de cabe ç a, febre, vômito e dor na nuca. O cont á gio da doen ç a se d á pelas vias respirat ó rias e ela a pessoa deve ser levada a tratamento em seu est á gio inicial. Assim como a tuberculose tamb é m pode ser prevenida atrav é s de vacinas.

23

24 NÃO JOGUE LIXO NO CHÃO! Cidade limpa, sociedade organizada. APRENDA A PRESERVAR O MEIO AMBIENTE.

25 1ºA Apresentado por: M ônica Jennifer Amanda Ariane Carol Laís


Carregar ppt "A poluição do ar e suas prejudicações.. índice *A poluição do ar *O que acontece com a poluição do ar * AS CIDADES MAIS POLUIDA *A que distância a poluição."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google