A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A Alegria como graça. Graça que vem da contemplação dos Mistérios da Ressurreição Cristo Ressuscitado Nossa Senhora O exercitante.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A Alegria como graça. Graça que vem da contemplação dos Mistérios da Ressurreição Cristo Ressuscitado Nossa Senhora O exercitante."— Transcrição da apresentação:

1 A Alegria como graça

2 Graça que vem da contemplação dos Mistérios da Ressurreição Cristo Ressuscitado Nossa Senhora O exercitante

3 Descontinuidade com relação à contemplação da Paixão

4 Ficamos pouco à vontade na presença do Ressuscitado?

5 Já o encontramos antes nos EE!

6 Diversidade de Temas pode levar a um perder o foco

7 Pergunta decisiva: que significa rezar a Ressurreição?

8 Resposta de Inácio: Centrar-se nos efeitos da Ressurreição

9 Por que Jesus se alegra?

10 Alegria de Jesus é inseparável da Vida Nova que Ele traz

11 Jesus, alguém profundamente identificado com seu povo

12 Alegria no AT

13 Contexto celebrativo

14 Alegria agradecida

15 Alegria messiânica

16 NT: alegria que se espalha

17 Felizes

18 Alegrai-vos sempre

19 Alegria Encarnada

20 Composição de Lugar: insistir em ver Jesus com os Apóstolos

21 Jesus se alegra com e pelos outros

22 Contemplando as aparições do Ressuscitado, o exercitante deverá também ir experimentando no seu coração esse mesmo desejo de Jesus de comunicar vida, de entrar em comunhão, de encontrar seu modo de servir na Igreja concreta. Participar da alegria do meu Senhor significa exatamente isso.

23 Gozo de ter triunfado da Morte: Alegria agradecida ao Pai

24 Alegria Completa

25 Elã para a Missão Apostólica Fonte de força, de energia e de coragem para participar dos trabalhos do Reino

26 Consolar: alegrar-se com a alegria do outro

27 Primado da Alteridade

28 Jesus é a figura do outro que me interpela a partir da sua gratuidade e do seu caminho de pobreza e humildade

29 Contemplando a Jesus que vive, atua e faz somente o que recebe do Pai querido, o exercitante se dá conta de que tudo o que possui é dom e graça e que ele só terá acesso à vida verdadeira se entra ele mesmo nessa dinâmica de gratuidade que sai de si e vai ao encontro do outro.

30 Caminho de desprendimento e gratuidade

31 Alegria por pertencer à Igreja

32 Contemplações de Jesus eclesial

33 Encontrar Cristo na Igreja

34 Solidariedade, graça da Paixão ou da Páscoa?

35 Uma graça em muitas formas


Carregar ppt "A Alegria como graça. Graça que vem da contemplação dos Mistérios da Ressurreição Cristo Ressuscitado Nossa Senhora O exercitante."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google