A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

SOCIOLOGIA. Ciência que estuda os fenômenos sociais para entendê-los e explicá-los. Surgiu no século XIX do hibridismo latino => socius (companheiro)

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "SOCIOLOGIA. Ciência que estuda os fenômenos sociais para entendê-los e explicá-los. Surgiu no século XIX do hibridismo latino => socius (companheiro)"— Transcrição da apresentação:

1 SOCIOLOGIA

2 Ciência que estuda os fenômenos sociais para entendê-los e explicá-los. Surgiu no século XIX do hibridismo latino => socius (companheiro) + Grego=> λόγος (estudo).

3 O termo, foi criado por Auguste Comte, esperava unificar todos os estudos relativos ao homem, inclusive a História, a Psicologia e a Economia.

4 Daí a tentativa de organizar a nova sociedade que estava em ebulição. Para ele, a Sociologia deveria reconciliar os aspectos estáticos e dinâmicos do mundo natural, ou entre a ordem e o progresso, com o progresso sempre subordinado à ordem. Com estas ideias, Comte influenciou a tradição republicana na Europa e na América Latina. Comte nasceu em Montpellier, França, filho de um fiscal de impostos em 19jan Logo após a Revolução Francesa 14jul

5 foi secretário do conde Henri de Saint-Simon (socialista utópico). São dessa época algumas fórmulas fundamentais: "Tudo é relativo, eis o único princípio absoluto" (1819) e Lei dos Três estados => "Todas as concepções humanas passam por três estágios sucessivos - teológico, metafísico e positivo -, com uma velocidade proporcional à velocidade dos fenômenos correspondentes (1822).

6 Teológico, metafísico e positivo... Onde os fatos observados são explicados pelo sobrenatural, por entidades cuja vontade arbitrária comanda a realidade. Assim, busca-se o absoluto e as causas primeiras e finais ("de onde vim? Para onde vou?"). A fase teológica tem várias subfases (traçada pela história da Humanidade): o fetichismo (+- animismo), o politeísmo e monoteísmo. Teológico, metafísico e positivo... Transição e mistura entre as duas fases. Tenta-se entender a realidade porém com abstrações que fogem do mundo físico (meta-física), de caráter ainda absoluto: "a Natureza", "o éter", "o Povo", "o Capital". Teológico, metafísico e positivo... Seria o apogeu que os dois anteriores prepararam progressivamente. Neste, os fatos são explicados segundo leis gerais abstratas, de ordem inteiramente positiva, em que se deixa de lado o absoluto (que é inacessível) e busca-se o relativo. O poder espiritual passa para as mãos dos cientistas.

7 Após "lei dos três estados" rompeu com Saint-Simon (socialismo utópico) e casa-se com Caroline Massin sofreu um colapso nervoso (casamento ??? e/ou $...) 1942 separou-se de Caroline Massin e em 1845 apaixonou-se por Clotilde de Vaux... Como foi ??? 2:40

8 Entusiasmado com a própria paixão, Comte afirma que nada pode ser mais eficaz para o bem pensar que o bem querer. Afirma que a mulher encarna o sentimento e portanto, em última análise, a própria Humanidade. Busca seriamente associar o sexo feminino, na pessoa de Clotilde, à obra de renovação social e moral que se impôs completar. Clotilde tenta colaborar, através de um romance filosófico, Wilhelmine, que ela se põe diligentemente a escrever. Mas adoece de tuberculose (e/ou paixão?) e vem a falecer em 1846.

9 Comte devotou o resto de sua vida à memória do "seu anjo". O Système de politique positive, que tinha começado a esboçar em 1844 e no qual completou sua formulação da sociologia, transformou-se em um memorial a sua amada, além de fundar a Religião da Humanidade...

10

11

12 O Que é o Positivismo Convidamos o leitor a passar uma vista d'olhos no mundo e observar as aspirações dos diversos povos. Constata-se um anseio geral de paz, um sentimento de fraternidade universal, uma busca de bem estar material e espiritual, mesmo através da desordem atual, que reclama uma orientação e uma doutrina esclarecedora para unir as pessoas, as famílias, as pátrias e a sociedade inteira por um único ideal de convergência. Entretanto, esta doutrina já existe desde meados do século XIX, fundada na França por Augusto Comte com a colaboração de Clotilde de Vaux.

13 Ele organizou o saber humano, baseado na ciência, sem quimeras teológicas ou metafísicas, distinguiu os conhecimentos abstratos da ciência dos conhecimentos concretos da tecnologia, classificou as ciências: Matemática, Astronomia, Física, Química, Biologia, Sociologia e Moral ou Psicologia Positiva, completando a escala enciclopédica, mediante a fundação das duas últimas. Ela, mensageira da alma feminina, mostrou a superioridade do sentimento sobre a inteligência e que o altruismo constitui a fonte da felicidade e do dever. Da bendita e pura união dessas duas naturezas egrérias surgiu a Religião da Humanidade. O Filósofo, sucessor de Aristóteles e de Descartes, retomou o caminho de reformador social de sua mocidade e tornou-se Apóstolo e continuador de Moisés, Buda, Confúcio, São Paulo, Maomé, enfim, o verdadeiro Pontífice da Humanidade.

14 Seu lema fundamental é "O Amor por princípio e a Ordem por base; o Progresso por fim". Suas regras básicas são "Viver para outrem" e "Viver às claras". Como divisa Política, abrangente e sociológica, aconselha "Ordem e Progresso". Ser positivista é amar, conhecer e servir à Família, à Pátria, à Humanidade.

15 Comte - Positivismo er_embedded&v=CwC5BFX7rqQ#! -comte.jhtm comte.html

16 a- (UEL) O lema da bandeira do Brasil, Ordem e Progresso, indica a forte influência do positivismo na formação política do Estado brasileiro. Assinale a alternativa que apresenta idéias contidas nesse lema. a) Crença na resolução dos conflitos sociais por meio do estímulo à coesão social e à evolução natural da nação. b) Ideais de movimentos juvenis, que visam superar os valores das gerações adultas. c) Denúncia dos laços de funcionalidade que unem as instituições sociais e garantem os privilégios dos ricos. d) Ideal de superação da sociedade burguesa através da revolução das classes populares. e) Negação da instituição estatal e da harmonia coletiva baseada na hierarquia social.

17 c – (UFUB) Surgida no momento de consolidação da sociedade capitalista, a Sociologia tinha uma importante tarefa a cumprir na visão de seus fundadores, dentre os quais se destaca Auguste Comte. Assinale a alternativa correta quanto a essa tarefa. A) Desenvolver o puro espírito científico e investigativo, sem maiores preocupações de natureza prática, deixando a solução dos problemas sociais por conta dos homens de ação. B) Incentivar o espírito crítico na sociedade e, dessa forma, colaborar para transformar radicalmente a ordem capitalista responsável pela exploração dos trabalhadores. C) Contribuir para a solução dos problemas sociais decorrentes da Revolução Industrial, tendo em vista a necessária estabilização da ordem social burguesa. D) Tornar realidade o chamado socialismo utópico, visto como única alternativa para a superação das lutas de classe em que a sociedade capitalista estava mergulhada. E) Nenhuma das anteriores.

18 a-IFE-RS. Auguste Comte ( ), iniciador do positivismo francês e pai da sociologia, têm um projeto de reforma universal, que abrange além da ciência, outros setores da vida humana. Segundo esse projeto a humanidade segue uma "grande lei fundamental", constituída de três estágios, que são: A) O teológico, o metafísico e o positivo; B) O metafísico, o científico e o sociológico; C) O metafísico, o teológico e o positivo; D) O religioso, o humanista e o científico; E) O politeísta, o monoteísta e o positivista.

19 c-IFE-RS. Sobre a ideologia positivista da ciência de Comte podemos afirmar que ela propõe uma homogeneidade epistemológica entre as ciências sociais e as ciências naturais. Esta consideração metodológica do conhecimento da realidade remete a que tipo de relação entre ciência e sociedade: A) A uma identidade entre natureza e sociedade e uma explicação da dominação social regida por leis contingentes. B) A uma identidade entre natureza e sociedade e uma explicação da dominação social regida por leis histórica e culturalmente mutáveis. C) A uma identidade entre natureza e sociedade e uma explicação da dominação social como regida por leis naturais invariáveis. D) A uma identidade entre natureza e sociedade e uma explicação da dominação social regida por leis casuais. E) A uma identidade entre natureza e sociedade e uma explicação da dominação social regida por leis transcendentes dadas por Deus.

20 Principais correntes são: (1) Positivista-Funcionalista de Auguste Comte e Émile Durkheim, como funciona a sociedade que já existe. (2) Compreensiva ou histórica de Max Weber, como foi formada a sociedade. (3) Crítica ou dialética, como superar a sociedade capitalista, iniciada por Karl Marx que mesmo não sendo um sociólogo, deu início a uma profícua linha de explicação sociológica.


Carregar ppt "SOCIOLOGIA. Ciência que estuda os fenômenos sociais para entendê-los e explicá-los. Surgiu no século XIX do hibridismo latino => socius (companheiro)"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google