A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Violência trabalho culturareligiãoeducação política modernidade necessidadesconsumo genetica status casamentoopinião pública medo democracia relações sociaisconflitos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Violência trabalho culturareligiãoeducação política modernidade necessidadesconsumo genetica status casamentoopinião pública medo democracia relações sociaisconflitos."— Transcrição da apresentação:

1 violência trabalho culturareligiãoeducação política modernidade necessidadesconsumo genetica status casamentoopinião pública medo democracia relações sociaisconflitos prestigio governo juventude economiaprivacidade moral racismo tecnologia globalização moda S O C I O L O G I A

2 Sociologia é a Ciência que estuda as estruturas sociais, o comportamento social e as variações das sociedades, suas formas e seus fatores. A Sociologia é o estudo das relações sociais. Os principais objetivos da Sociologia: Desnaturalização dos fatos; O despertar da imaginação sociológica.

3 Utilizando a Imaginação Sociológica A imaginação sociológica capacita seu possuidor a compreender o cenário histórico mais amplo, em termos de seu significado para a vida íntima e para a carreira exterior de numerosos indivíduos.... Permite-lhe levar em conta como os indivíduos, na agitação de sua experiência diária, adquirem freqüentemente uma consciência falsa de suas posições sociais

4 Auguste Comte Auguste Comte ( ) adotou o termo Positivismo para designar uma filosofia que adotava o método científico e as ciências naturais como modelo explicativo único para a compreensão dos fenômenos tanto naturais como sociais.

5 Auguste Comte O princípio básico do pensamento comtiano é a renúncia a toda metafísica, isto é, a todo conhecimento que não possa ser imediatamente controlado pelos sentidos. Positivo é sinônimo de útil, certo e preciso. Comte estabeleceu a lei dos três estados para explicar a evolução da humanidade:

6 Auguste Comte Estado Teológico: Religião Estado Metafísico: Filosofia/especulação/abstrato Estado Positivo: Ciência/dados/fatos/concreto Esses estados tenderiam a suplantar-se, chegando ao estado Positivo.

7 Émile Durkheim Émile Durkheim ( ) A sociologia como a ciência dos fatos sociais e de suas leis. Holismo: que prioriza o grupo. A sociedade se sobrepõe ao indivíduo.

8 Émile Durkheim Fato Social: é toda maneira de atuar, suscetível de exercer sobre os indivíduos uma coerção exterior: 1. É exterior à consciências individuais; 2. Exerce coerção sobre os indivíduos; 3. Apresenta generalidade no meio do grupo.

9 Max Weber Max Weber ( ) Sociologia como uma ciência que se propõe compreender por interpretação a ação social e, por esse meio, explicar causalmente o seu desenvolvimento e os seus efeitos. Teoria individualista: o indivíduo se sobrepõe a sociedade.

10 Max Weber Ação social é a conduta humana à qual o agente atribui significado subjetivo, ou seja, tem um significado para ele próprio. Esse comportamento está orientado para a interação, isto é, para a relação com o outro, por isso é social.

11 Max Weber Tipos Ideais: Padrões que servirão de referência para o pesquisador educar e classificar os casos específico que esteja investigando. 1- Ação tradicional; 2- Ação afetiva; 3- Ação racional com relação a um valor; 4- Ação racional em relação a um objetivo.

12 Max Weber A sociedade moderna é dominada por um processo fundamental: a racionalização.

13 Karl Marx Karl Marx ( ) Materialismo Histórico, trata- se de um instrumento teórico que pretende os fornecer elementos para uma análise das diferentes sociedade ao longo da história, procurando investigar e compreender suas estruturas, suas leis de funcionamento e seu desenvolvimento, tendo por base dois princípios:

14 Karl Marx 1º O desenvolvimento econômico e suas transformações dos modos de produção como principal causa e força motriz dos acontecimentos históricos;

15 Karl Marx 2º A conseqüente divisão da sociedade em classes distintas e a inerente luta contra elas.

16 Karl Marx Capitalismo: É o modo de produção em que o capital é o principal meio de produção.

17 Karl Marx Suas principais características são:

18 Karl Marx A concentração e o controle dos meios de produção econômica (isto é, o capital) pertencem a proprietários privados (e não ao governo);

19 Karl Marx O trabalho é feito por trabalhadores livres, que vendem a sua força de trabalho;

20 Karl Marx Os recursos e as riquezas são adquiridos através de operações de livre mercado;

21 Karl Marx Aumentar cada vez mais os lucros é o principal objetivo e incentivo da produção;

22 Karl Marx Principais classes na linguagem marxista: burguesia e proletariado.

23 Karl Marx - Sociologia A história de toda a sociedade até hoje é a história da luta de classes.


Carregar ppt "Violência trabalho culturareligiãoeducação política modernidade necessidadesconsumo genetica status casamentoopinião pública medo democracia relações sociaisconflitos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google