A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Emissários Submarinos de Florianópolis João Luiz Baptista de Carvalho

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Emissários Submarinos de Florianópolis João Luiz Baptista de Carvalho"— Transcrição da apresentação:

1 Emissários Submarinos de Florianópolis João Luiz Baptista de Carvalho

2 O que é um emissário submarino?

3 Esgotamento Sanitário em Cidades Litorâneas

4 Emissários no mundo

5 Emissário de Ipanema - ESEI

6 Problemas do ESEI

7 Salvador

8 Vina del Mar

9

10

11 Difusor do emissário de Boston

12

13 Porto de Lyttelton – Nova Zelandia

14 Exemplos

15 Kwinana Austrália

16 São Sebastião - SP

17 Exemplos

18

19 Critérios para disposição oceânica

20 Classificação e padrões de qualidade para lançamentos de efluentes em ambiente marinho (CONAMA 357/2005) ClasseEspecial123 Destina ç ão a) preserva ç ão dos ambientes aqu á ticos em unidades de conserva ç ã o de prote ç ão integral; b) preserva ç ão do equil í brio natural das comunidad es aqu á ticas. a) recreação de contato prim á rio. b) prote ç ão das comunidades aqu á ticas; c) aq ü icultura e à atividade de pesca. a) pesca amadora; b) recrea ç ão de contato secund á rio. a) navega ç ão; b) harmonia paisag í stica.

21 Classeespecial123 Coliformes Fecais (termotolerantes) 0,0 NPM/100 ml a) NPM/100 ml em 80% ou mais de amostras. b) menor que NPM/100 ml na ú ltima amostragem. Para cultivo de moluscos bivalves: c) 88 NPM/100 ml em 90% ou mais de amostras. d) m é dia Geom é trica menor do que 43 NPM/100 ml. a) NPM/100 ml em 80% ou mais de amostras. a) NPM/100 ml em 80% ou mais de amostras. Escherichia coli 0,0 NPM/100 ml a) 800 NPM/100 ml em 80% ou mais de amostras. b) menor que NPM/100 ml na ú ltima amostragem. Pode substituir os coliformes fecais com limites estabelecidos pelo ó rgão ambiental competente. Enterococos 0,0 NPM/100 ml a) 100 NPM/100 ml em 80% ou mais de amostras. b) menor que 400 NPM/100 ml na ú ltima amostragem. NA

22 Parâmetros inorgânicos Classeespecial123 Nitrato0,0 mg/l0,4 mg/l0,7 mg/lNA Nitrito0,0 mg/l0,07 mg/l0,2 mg/lNA Nitrogênio amoniacal total 0,0 mg/l0,4 mg/l0,7 mg/lNA F ó sforo Total0,0 mg/l0,062 mg/l0,093 mg/lNA

23 Modelagem de Campo Próximo Nrfield

24 Características do difusor do emissário submarino de Ingleses Profundidade do difusor15 m Número de portas10 Espaçamento entre as portas10 m Diâmetro de portas3 Orientação do difusor90°

25 Descarga no emissário submarino ESE-Ipanema

26 Perfis de densidade na coluna dágua

27 Parâmetros de Campo Próximo no ESE-Ingleses

28 ESE-Ingleses Campo de esgotos submerso Freqüência de ocorrência (%)16,9 Elevação média9,6 Diluição mínima75,4 Diluição média125,7 Diluição máxima242,9 Campo de esgotos atingindo a superfície Freqüência de ocorrência (%)83,1 Diluição mínima106,8 Diluição média158,0 Diluição máxima319,3

29 Modelagem de Campo Afastado Modelo Hidrodinâmico – SisBaHiA Modelo de Decaimento Bacteriano (Carvalho et al., 2006) Modelo de Transporte Lagrangeano - SisBaHiA

30 Malha numérica utilizada na implementação do modelo hidrodinâmico

31 Modelo Hidrodinâmico Batimetria

32 Modelo Hidrodinâmico Condições de contorno e assimilação de correntes

33 Modelo Hidrodinâmico Validação do modelo

34 Modelo Hidrodinâmico Correntes Residuais

35 Modelo de Decaimento Bacteriano

36 Modelo de Decaimento Bacteriano Radiação Solar Incidente

37 Modelo de Decaimento Bacteriano Penetração da Luz: Profundidade de Sechii

38 Modelo de Decaimento Bacteriano T-90 em janeiro e julho

39 Modelo de Transporte Lagrangeano Concentração de bactérias no esgoto bruto

40 Verão fecal 1800 mInverno fecal 1800m Modelo de Transporte Lagrangeano Cenário 1

41 Limite Verao 1800mLimite Inverno 1800m Modelo de Transporte Lagrangeano Cenário 1: Instantâneo NPM/100 ml coli fecais

42 Verão fecal 3200 mInverno fecal 3200m Modelo de Transporte Lagrangeano Cenário 2

43 Limite Verao 3200mLimite Inverno 3200m Modelo de Transporte Lagrangeano Cenário 2: Instantâneo NPM/100 ml coli fecais

44 Emissários dentro das Baías Norte e Sul Foram descartados em função da impossibilidade de se enquadrar a qualidade da água para a atividade de maricultura.

45 Santo Antônio de Lisboa (limite de 14 NPM/100 ml) VerãoInverno

46 Nova proposta Emissário dos Ingleses Emissário do Campeche Com tratamento secundário e desinfecção

47 Emissário dos Ingleses (1800 metros) VerãoInverno

48 Emissário dos Ingleses (3300 metros)

49 VerãoInverno Emissário do Campeche (3500 metros)

50 Muito Obrigado! João Luiz Baptista de Carvalho


Carregar ppt "Emissários Submarinos de Florianópolis João Luiz Baptista de Carvalho"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google