A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

EDUCAÇÃO E CULTURA Aula de 09/05/2012. Cada um de nós pertence a grupos sociais diferentes, tais como a escola, a família, o bairro, a cidade, a nação,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "EDUCAÇÃO E CULTURA Aula de 09/05/2012. Cada um de nós pertence a grupos sociais diferentes, tais como a escola, a família, o bairro, a cidade, a nação,"— Transcrição da apresentação:

1 EDUCAÇÃO E CULTURA Aula de 09/05/2012

2 Cada um de nós pertence a grupos sociais diferentes, tais como a escola, a família, o bairro, a cidade, a nação, e desempenha papéis sociais diversos como, por exemplo, professor, pai, síndico, atleta. Somos educados em nome de padrões e idéias que prevalecem no interior da comunidade da qual fazemos parte.

3 Sentido Ampliado de Educação As formas de governo, a música, a imprensa, a arquitetura, a dicotomia entre trabalho e lazer, as relações que separam e aproximam pais e filhos, os tipos de comida e bebida, o modo como são preparadas, as convenções sociais são alguns dos exemplos do modo como somos educados pela sociedade a que pertencemos.

4 Se uma criança é orientada a lavar as mãos antes das refeições, seus pais estão lhe transmitindo, desde tenra idade, formas de comportamento consideradas aceitáveis, por meio da interpretação da comunidade e da maneira pela qual a ela deve reagir a criança.

5 Assim, pensando em seu sentido ampliado, educação é o processo de socialização do indivíduo, capaz de assegurar as condições de coesão, renovação e sobrevivência da sociedade. A educação é um processo através do qual a cultura é transmitida aos membros mais jovens da sociedade, como forma de perpetuá-la.

6 E A ESCOLA? Naturalmente, esse processo não se dá de forma exclusiva na escola, mas ela é um espaço privilegiado para isso, já que é uma instituição culturalmente construída para que certo repertório cultural seja transmitido. Portanto, entre educação e cultura há uma ligação muito estreita.

7 Educação Escolar As opções do professor para a seleção do conteúdo e para a centralização na criança encontram seus paralelos nas mudanças que se processaram ao mesmo tempo na sociedade e na organização política do país.

8 Cultura: um Conceito Polissêmico A Cultura é como uma lente através da qual o homem vê o mundo. A cultura "molda" o indivíduo social, tece as regras da socialização, (processo pelo qual todos os seres humanos passam em sua vida em sociedade e que é um processo contínuo que começa com o nascimento e termina com a morte), delineando assim os relacionamentos entre diferentes grupos sociais e os indivíduos entre si. (Benedict, 1972)

9 DIFERENÇAS DE CULTURA... Por exemplo, entre nós, a cor preta significa luto, e entre os chineses é o branco que exprime esse sentimento. Para perceber o significado de um símbolo é necessário conhecer a cultura que o criou.

10 CASAMENTO...

11

12

13 Cultura e educação na sociedade capitalista O modo de produção capitalista implica processos educativos e formas de conhecimento que, por um lado, são, em sua origem, desigualmente distribuídos e, por outro, atuam como reprodutores da própria desigualdade.

14 Brasil – espaço multicultural Cada cultura possui um estoque de bens simbólicos provenientes de várias outras culturas. Em nossa cultura, há uma infinidade de elementos oriundos de outros povos, dentre os quais os africanos, os europeus, os asiáticos, pois o Brasil recebeu um grande número de imigrantes, que trouxe consigo uma profícua bagagem cultural.

15

16 Bagagem cultural Podemos ir mais longe, e identificar entre nós elementos culturais cuja origem se deu na Grécia antiga, como o teatro ou, entre as culturas indígenas, como dormir na rede, ou certas comidas.

17 Cultura de massa e educação escolar Quando colocamos que há uma cultura capitalista que tem como pressuposto a mercantilização da vida social, podemos entender que a educação é também uma mercadoria e, como tal, tem um consumo diferenciado, dependendo da capacidade que se tenha de consumir bens culturais. Uma criança que é estimulada o tempo todo, que vive em um ambiente de leitura, de produção de conhecimento, tem muito menos dificuldade em se relacionar com esses bens do que outra que não está exposta a tais interferências.

18 QUESTÃO PARA RELACIONAR. Segundo BOURDIEU e PASSERON: Toda ação pedagógica é uma imposição da cultura dominante. Isso significa que todo sistema escolar possui desigualdades sociais e culturais que ele reproduz e intensifica. FERNANDES, Florestan. Educação e Sociedade no Brasil. A educação é verdadeiramente uma força de grande poder, mas que ela seja boa ou má depende, não das leis de aprendizagem, mas da concepção de vida ou de civilização que ela exprime [...] A própria maneira em que se concebe a educação, quer o seu objetivo seja escravizar, quer seja liberar a mente, é expressão da sociedade a que serve.

19 A educação e seu potencial transformador. A escola tanto pode ser um fator de progresso quanto um instrumento de opressão.


Carregar ppt "EDUCAÇÃO E CULTURA Aula de 09/05/2012. Cada um de nós pertence a grupos sociais diferentes, tais como a escola, a família, o bairro, a cidade, a nação,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google