A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

EXOGAMIA. POR QUE FAZER EXOGAMIA? Complementação entre linhagens maternas e paternas Combinações entre raças Absorção de raças Criação de novas raças.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "EXOGAMIA. POR QUE FAZER EXOGAMIA? Complementação entre linhagens maternas e paternas Combinações entre raças Absorção de raças Criação de novas raças."— Transcrição da apresentação:

1 EXOGAMIA

2 POR QUE FAZER EXOGAMIA?

3 Complementação entre linhagens maternas e paternas Combinações entre raças Absorção de raças Criação de novas raças Introduzir genes Explorar a heterose

4 Complementação entre linhagens maternas e paternas Raça ou linhagem paterna: grande, crescimento rápido, boa carcaça Raça ou linhagem materna : tamanho adulto pequeno, boa fertilidade Promove o aumento da eficiência do sistema de produção

5 Combinações entre raças Raças com características desejáveis extremamente diferentes Raça leiteira x raça de corte Promove o aumento da eficiência de cada animal no sistema de produção

6 Absorção de raças

7 Criação de novas raças

8 Introduzir genes Introduzir genes de resistência a doenças ou ectoparasitos Ex.: Formação de mestiços leiteiros em zonas tropicais

9 HETEROSE A heterose ou vigor híbrido é o fenômeno pelo qual os produtos de cruzamentos apresentam desempenhos superiores ao desempenho médio dos pais. Ela é mais intensa quanto mais afastadas geneticamente forem as raças ou linhagens, em relação à sua origem, como por exemplo no cruzamento entre raças européias e zebuínas, com o F1 apresentando maior heterozigose e conseqüentemente uma heterose máxima

10 HETEROSE Em termos práticos, a heterose é explicada pelo aumento da heterozigose nos indivíduos resultantes dos cruzamentos e é devida a duas possíveis causas: a contribuição intra-locus (dominância) e entre locus (epistasia). O aumento da heterozigose possibilita a produção de maior número de enzimas, garantindo ao híbrido maior "versatilidade bioquímica", o que o capacita a ajustar melhor os seus mecanismos fisiológicos e de desenvolvimento às circunstâncias de ambiente (FALCONER, 1981).

11 HETEROSE

12

13

14 Explorar a heterose Efeito mais visível em características relacionadas à reprodução e adaptabilidade (baixa herdabilidade) Quanto maior a distância entre as raças maior a heterose obtida

15 Sistemas de cruzamento

16 Cruzamento Industrial – Produção de F1

17 Retrocruzamento

18 Cruzamento Terminal raças

19 Cruzamento Rotacional 2 Raças

20 Formação de compostos

21 Perda de heterose

22 Quanto mais próximo estiver o mestiço das raças paternas: Maior a heterose F1>F2 Maior a complementaridade entre raça materna e paterna Mas, a manutenção destes sistemas é cara

23 Qual sistema adotar?

24 Raça pura Quando o cruzamento não traz vantagens

25 Cruzamento industrial Quando a heterose direta é importante

26 Cruzamento com 3 raças Quando tanto a heterose direta, como a materna são importantes

27 Cruzamento com 4 raças Quando tanto a heterose direta, materna e paterna são importantes

28 Cruzamento rotacional Quando a aquisição ou produção de fêmeas é muito cara


Carregar ppt "EXOGAMIA. POR QUE FAZER EXOGAMIA? Complementação entre linhagens maternas e paternas Combinações entre raças Absorção de raças Criação de novas raças."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google