A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

2013/2014 SPO - Serviços de Psicologia e Orientação SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "2013/2014 SPO - Serviços de Psicologia e Orientação SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014."— Transcrição da apresentação:

1 2013/2014 SPO - Serviços de Psicologia e Orientação SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

2 Os alunos dos cursos profissionais que pretendam prosseguir estudos no ensino superior, terão de realizar, como autopropostos exames nas seguintes disciplinas: Na disciplina de Português da componente de formação geral dos cursos científico-humanísticos; Numa disciplina trienal da componente de formação específica escolhida entre as que compõem os planos dos vários cursos científico-humanísticos; Numa disciplina bienal da componente de formação específica, escolhida de entre as que compõem os planos de estudos dos vários cursos científico-humanísticos. DR, 1º série-nº de julho de 2012, artigo nº 29 NOTA – (Não esquecer que deverão assegurar a realização do(s) exame(s) nacionais específico(s) exigido(s) para os cursos/instituições a que pretendem candidatar-se). SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

3 Na disciplina de Português da Componente de Formação geral Numa disciplina trienal da componente de formação específica: Matemática A História A Desenho A Numa disciplina bienal da componente de formação específica: Física e Química A Biologia e Geologia Geometria Descritiva A Economia A Geografia A História B História e Cultura das Artes Latim A Língua Estrangeira I, II ou III Literatura Portuguesa MACS Matemática B

4 Em 2013/2014, excecionalmente, Os alunos dos cursos profissionais que pretendam prosseguir estudos no ensino superior, realizam de acordo com a sua opção, na qualidade de autopropostos: a)Os exames finais nacionais na disciplina de Português, numa disciplina trienal e numa disciplina bienal da componente de formação específica escolhidas de entre as que compõem os planos de estudos dos cursos científico-humanísticos. Classificação Final de Curso para Efeitos de Prosseguimento de Estudos Superiores CFCEPE = (7CFC+3M)/10 CFC – Classificação Final de curso M- Média dos três exames nacionais A média aritmética dos três exames terá de ser igual ou superior a 95 pontos a)O exame nacional da disciplina de Português. Classificação Final de Curso para Efeitos de Prosseguimento de Estudos Superiores CFCEPE = (8CFC+2P)/10 CFC – Classificação Final de Curso P – Resultado do exame de Português A nota do exame de Português terá de ser a 95 pontos NOTA – (Não esquecer que deverão assegurar a realização do(s) exame(s) nacionais específico(s) exigido(s) para os cursos/instituições a que pretendem candidatar-se). SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

5 A classificação final de curso é o resultado da aplicação da seguinte fórmula: CFC= 2MCD+(0,3FCT+0,7PAP) /3 Em que: CFC = Classificação final do curso. MCD = Média aritmética simples das classificações finais de todas as disciplinas que integram o plano de estudos do curso, arredondada às décimas. Como se calcula a nota final de cada disciplina? Soma de todos os módulos a dividir pelo total e arredondar às unidades FCT = classificação da formação em contexto de trabalho, arredondada às unidades; PAP = classificação da prova de aptidão profissional, arredondada às unidades. SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

6 Não. Os alunos titulares de um curso profissional anterior ao Decreto – Lei nº 139/2012, de 5, que pretendam prosseguir estudos no ensino superior apenas necessitam de realizar exames finais nacionais que elegerem como provas de ingresso. SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

7 Os estudantes que: Tenham de realizar exames para aprovação em disciplinas dos seus cursos de ensino secundário ( Científico-Humanísticos); Pretendam realizar melhoria de classificação de disciplinas em que já obtiveram aprovação; Que pretendam prosseguir estudos superiores e realizar provas de ingresso. Atenção A inscrição nos exames do ensino secundário está condicionada à satisfação das condições fixadas nos diplomas legais aplicáveis. SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

8 Os alunos internos que na avaliação interna da disciplina a que se apresentam tenham obtido uma classificação igual ou superior a 8 valores no ano terminal e a 10 valores na classificação interna final, calculada através da média aritmética simples, arredondada às unidades das classificações de cada ano em que a disciplina foi ministrada; Todos os alunos autopropostos. SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

9 Os exames nacionais podem ser utilizados como prova de ingresso, no ano da sua realização e nos dois anos seguintes. SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

10 1ª fase 17 a 27 de junho ª fase 17 a 21 de julho A inscrição na 1ª fase é obrigatória para todos os alunos Internos e autopropostos Prazo normal de inscrição para a 1ª fase: de 10 a 19 de março de 2014 Prazo normal de inscrição para a 2ª fase: 14 e 15 de julho de 2014 Os alunos que faltarem à 1ª fase não são admitidos à 2ª fase No entanto se por motivo de saúde ou outros não imputáveis ao aluno, podem,excecionalmente, realizar exames nacionais na 2ª fase, desde que autorizados pelo presidente do JNE, após análise caso a caso do processo remetido pelo Diretor da Escola, nos dois dias úteis subsequentes à data calendarizada para o exame na 1ª fase. ( NORMA 01/JNE/2014) SPO-Escola Secundária de Estarreja - março de 2014

11 Findo o prazo de inscrição nas provas de exames, pode o Diretor da escola, ponderados os efeitos da decisão, autorizar as inscrições para a realização de exames nacionais, desde que tal autorização não implique nenhuma alteração da requisição de anunciados de provas feita. Essa autorização pode ser concedida para a 1ª fase até ao 5º dia útil anterior ao início desta fase de exames e na 2ª fase até ao dia anterior ao seu início. SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

12 Quando: Não tenham obtido aprovação nas disciplinas em que realizaram exame nacional na 1ª fase – inscrição automática na 2ª fase Pretendam realizar melhoria de classificação nas provas realizadas na 1ª fase, no mesmo ano letivo - inscrição obrigatória na 2ª fase Pretendam repetir o exame nacional de qualquer disciplina realizada na 1ª fase e que se constitua exclusivamente como prova de ingresso- inscrição obrigatória na 2ª fase. E ainda alínea c) do nº da NORMA 01/JNE/2014 (pág. 20) SPO-Escola Secundária de Estarreja - março de 2014

13 1ª fase de exames para alunos internos – isenta de pagamento de encargos; Os alunos internos que não tenham obtido aprovação nos exames da 1ª fase, ficam automaticamente inscritos na 2ª fase e estão isentos de pagamento de encargos; A inscrição nos exames finais nacionais por autopropostos é obrigatória nas duas fases de exame e está sujeita ao pagamento de 3 euros, por disciplina. O mesmo acontece com os alunos autopropostos aos exames de equivalência à frequência; Os alunos que pretendam efetuar melhoria de classificação estão sujeitos ao pagamento de 10 euros; As inscrições fora de prazo estão sujeitas ao pagamento suplementar de 25 euros qualquer que seja o número de disciplinas e carecem da autorização do Diretor. SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

14 Aos correspondentes às disciplinas indispensáveis à conclusão do curso; Aos correspondentes às provas de ingresso para os cursos a que se pretende candidatar.www.dges.mctes. SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

15 Exames 1ª fase 1ª /2º/3º fases de candidatura Exames 2ª fase 2ª/3ª fases de candidatura Em cada ano, na 1ª fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior, só podem ser utilizadas como provas de ingresso, os exames nacionais finais realizados na 1ª fase de exames do ano de candidatura ou na 1ª fase dos dois anos letivos anteriores. Os exames finais nacionais realizados na 2ª fase não podem ser utilizados na 1ª fase dos concursos, quer no ano da sua realização quer nos dois anos subsequentes. SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

16 SIMULAÇÃO Calculo de nota de candidatura a instituição/curso que exija a realização de duas provas específicas e que atribua os seguintes pesos: Nota do ensino secundário: 60% Nota das provas específicas: 40% Classificação final do curso do ensino secundário (10º /12º anos)….14,6 Classificação do exame nacional X ……………………………………………….172 Classificação do exame nacional Y ……………………………………………… ,6 x10 = 146 ( é necessário multiplicar por 10 para passarmos para escala de 0 a 200) Média do ensino secundário : 146x0,6= 87,6 Classificação do exame X172x0,2=34,4 Somam-se os três valores Classificação do exame Y 175x0,2=35,0 Total : 157,0 pontos - corresponde à nota de candidatura SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

17 Na candidatura ao ensino superior público, cada estudante pode concorrer a um máximo de seis pares instituição/curso, isto é, a seis combinações de instituição curso, que indicará por ordem de preferência. A candidatura ao concurso nacional público é apresentada através do sistema online, no portal da Direção-Geral do Ensino Superior : Os estudantes que pretendam candidatar-se devem pedir a senha de acesso ao sistema online e apresentar o recibo de atribuição de senha nos serviços administrativos, preferencialmente durante o período para a inscrição para a 1ª fase de exames nacionais, contudo o pedido poderá ser feito até final do prazo de candidatura. SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

18 1ª fase do concurso : 17 de julho a 8 de agosto 2ª fase do concurso: 8 a 19 de setembro 3ª fase do concurso: 2 a 6 de outubro SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

19 Se pretende candidatar-se ao ingresso no ensino superior em 2014, deverá: Ter concluído, ou concluir no presente ano letivo, um curso do ensino secundário e ter nota de candidatura igual ou superior ao mínimo fixado pela instituição a que pretende concorrer; Ter realizado em 2012 e/ou 2013 e/ou realizar em 2014 os exames nacionais das provas de ingresso exigidas para acesso aos pares instituição/curso a que pretende concorrer e nelas ter um valor igual ou superior ao fixado pela instituição; Deverá também: Ter realizado em 2014 os pré-requisitos exigidos para acesso aos pares instituição/curso a que pretende concorrer, se for caso disso, devendo inscrever-se para a realização dos mesmos nas datas e locais indicados nesta publicação, de acordo com a Deliberação relativa aos pré-requisitos exigidos para a candidatura à matrícula e inscrição em 2014/2015, divulgada no portal SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

20 Os pré-requisitos são condições de natureza física, funcional ou vocacional que assumem particular relevância para o acesso a determinados cursos superiores. Consoante a sua natureza, podem ser eliminatórios, destinar-se à selecção /seriação ou apenas à seriação dos candidatos. Eliminatórios – do resultado é expresso em apto ou não apto Selecção / Seriação – o resultado é expresso em apto ou não apto e numa classificação numérica na escala de 100 a 200. Seriação - O resultado é expresso numa escala de 0 a 200 Quando o pré-requisito consistir na realização de uma prova, o seu resultado será expresso num valor numérico numa escala de 0 a 200. Poderá ter um peso até 15% para efeitos de cálculo de nota de candidatura. SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

21 A satisfação de pré-requisitos que exigem a realização de provas, é certificada através da Ficha Pré-Requisitos 2013, emitida pela instituição onde foram realizadas as provas e assinalada no formulário de candidatura online. Caso dos grupos: C, G, I, K, M, P, R, V, Y e Z A satisfação de pré-requisitos que não exijam a realização de provas, e que sejam de comprovação meramente documental, são entregues pelos candidatos no ato da matrícula e inscrição no ensino superior. Caso dos grupos: A, B, D, E, F, Q, U e X SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

22 Para saber se a candidatura a um determinado curso numa determinada instituição do ensino superior está sujeita à satisfação de pré- requisitos devem consultar o mapa de correspondências entre pré-requisitos que se encontra em: Portal da Direção-Geral do Ensino Superior: SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

23 Inscrição para a realização da 1.ª chamada da avaliação dos pré -requisitos..de 24 de fevereiro a 14 de março. Realização dos pré -requisitos 1.ª chamada de 7 de abril a 9 de maio (a). Comunicação à CNAES da intenção de realização da 2.ª chamada do processo de avaliação dos pré –requisitos Até 9 de maio. Inscrição para a realização da 2.ª chamada da avaliação dos pré -requisitos... 3.ª e 4.ª semana do mês de junho (a). Certificação dos pré -requisitos 1.ª chamada Até 18 de julho. Realização dos pré -requisitos 2.ª chamada ª e 4.ª semana do mês de julho (a). 7 Certificação dos pré -requisitos 2.ª chamada Até 31 de julho. Apresentação à CNAES de propostas para a realização de uma época especial de pré--requisitos...Até 18 de julho.

24 SPO Escola Secundária de Estarreja-março de º ano Mercado de Trabalho CET Ensino Superior Prosseguimento de Estudos Mercado de Trabalho Cursos de Especialização Tecnológica Mercado de Trabalho

25 Os Cursos de Especialização Tecnológica (CET) são uma formação pós-secundária não superior, que preparam para uma especialização científica ou tecnológica numa determinada área de formação. Tem a duração aproximada de um ano e meio a dois anos. ( entre 1200h a 1560h) A aprovação num CET confere o nível 5 de qualificação do QNQ e um Diploma de especialização tecnológica (DET). SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

26 Titulares de um curso do ensino secundário ou de habilitação legalmente equivalente; Alunos que tendo obtido aprovação em todas as disciplinas dos 10º e 11º anos e tendo estado inscritos no 12º ano de um curso do ensino secundário ou de habilitação legalmente equivalente não o tenham concluído; Os titulares de uma qualificação nível 4; Os titulares de um diploma de especialização tecnológica ou de um grau ou diploma de ensino superior que pretendam a sua requalificação profissional. SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014

27 Fontes de informação/ Apoio Guia Geral de Exames 2014 – Exames Finais Nacionais do Ensino Secundário e Acesso ao Ensino Superior. Está disponível no sítio da DGE/JNE e no portal da Direção-Geral do Ensino Superior Os Serviços de Psicologia e Orientação apresentam a sua disponibilidade para um acompanhamento mais personalizado, bastando que se dirijam ao gabinete dos SPO e procedam a marcação de atendimento. Ficamos a aguardar a tua visita. ATENÇÃO Esta apresentação não dispensa a consulta dos documentos e sites oficiais SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014


Carregar ppt "2013/2014 SPO - Serviços de Psicologia e Orientação SPO Escola Secundária de Estarreja-março de 2014."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google