A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

AM020-Temas de atualidade Para entender o funcionamento da economia humana: o uso combinado das análises de K. Marx e de H. Odum Prof. Enrique Ortega DEA/FEA/Unicamp.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "AM020-Temas de atualidade Para entender o funcionamento da economia humana: o uso combinado das análises de K. Marx e de H. Odum Prof. Enrique Ortega DEA/FEA/Unicamp."— Transcrição da apresentação:

1 AM020-Temas de atualidade Para entender o funcionamento da economia humana: o uso combinado das análises de K. Marx e de H. Odum Prof. Enrique Ortega DEA/FEA/Unicamp 8 de outubro de 2013

2 Principais referências utilizadas 2 David Harvey Enrique Dussel

3 O mercantilismo e o capitalismo: 1.A Europa feudal e o rico comercio com Oriente; 2.A conquista e a colonização de novos espaços; 3.O saque dos territórios conquistados; 4.A Filosofia da conquista e da dominação; 5.A transferência do acumulo ao Norte de Europa; 6.A industrialização no Norte de Europa; 7.Expansão eurocêntrica em pulsos crescentes; 8.O aumento dos custos e redução dos rendimentos; 9.As crises periódicas e sua solução no capitalismo; 10.O consumo de massa; 11.A crise do socialismo industrial; 12.As demandas atuais por emprego, sustentabilidade e resiliência. 3

4 Europa cercada pelos árabes 4 Mapa da expansão muçulmana nos séculos VII e VIII Expansão até à morte de Maomé, Maomé Expansão durante o Califado Rashidun, Califado Rashidun Expansão durante o Califado Omíada, Califado Omíada

5 Projetos europeus para romper o cerco: as cruzadas e a saída ao mar oceano. 5

6 Portugal 6

7 Espanha 7

8 O comercio português na África e na Índia 8

9 A conquista de América pelos espanhóis 9 Filosofia de negar aos outros para despoja-los de tudo, inclusive da vida (16 milhões de mortos em América e 10 milhões na África)

10 10 Modelos sistêmicos para explicar a dinâmica da expansão mercantilista e do capitalismo industrial

11 Acoplamento do metabolismo entre a produção e o consumo: através de auto-organização e autocontrole. 11 Sistemas sustentáveis das comunidades primitivas

12 Sistemas que colaboram Colaboração de duas populações no uso de uma fonte de energia e recursos renovável limitada 12

13 Existem sistemas onde se estabelecem interações positivas entre as populações, chama-se a isso Simbiose. Parte dos bens de uma população são usados para apoiar o crescimento da outra. Desta forma ambas crescem e prosperam e uma depende da outra. Cria-se uma coexistência pacífica, todos crescem, porém menos, mais todos sobrevivem. Equações: Fluxo de recursos limitados usados por ambas populações: R = I / (1 + K1 * Q * Q2 + K2 * Q * Q2) O acumulo de Q depende de Q2 e vice-versa. DQ = (K5 * R * Q * Q2) – (K7 * Q * Q2) – (K3 * Q) DQ2 = (K6 * R * Q * Q2) – (K8 * Q * Q2) – (K4 * Q2) Q = Q + DQ * DT Q2 = Q2 + DQ2 * DT Exemplos: (a) A polinização de flores por insetos, a semeadura de sementes por esquilos e pássaros, etc.; estes animais são recompensados pela ação, eles próprios ou seus descendentes. (b) Quando o comércio é justo os países envolvidos podem ser beneficiados pois cada um obtém recursos que eram limitantes para seu desenvolvimento. Veja a planilha: co-op1.xlsco-op1.xls 13

14 Competição entre sistemas que usam recursos renováveis Os laços de reforço maiores e o crescimento da população de um sistema permitem a ele sobrepujar ao outro. 14

15 Dominação Um sistema exclui totalmente ao outro e se apropria de seu espaço e riquezas 15

16 Karl Marx em Inglaterra ( ) 16

17 O sistema de produção estudado por Karl Marx (manufatura industrial)manufatura industria Na sua abordagem da produção apenas retrata a Economia Política da época: não considera as contribuições da natureza como forças produtivas nem as externalidades 17

18 O sistema de consumo estudado por Karl Marx 18

19 O sistema de produção e consumo completo Texto 4 19

20 A expansão 20

21 A dependência e a espoliação 21

22 Barreiras biofísicas e sociais 22 Minerais Energia fóssil Monoculturas Extração predatória Duas visões em conflito Cultura humana ecológica Sistemas agro-químicos Biodiver- sidade Cultura humana industrial Sistemas agroecológicos Erosão Resíduos Emissões Perdas biológicas e sociais Mudanças climáticas Reciclagem, manejo sustentável Maior impacto social, ambiental e climático Produtos químicos, maquinaria, diesel, subsídios Maior produção, menor preço, mais gente Lucro com custos altos ocultos

23 Demandas por emprego e qualidade de vida (sustentabilidade, resiliência, felicidade) 23 Custos crescentes e crises. Espoliações crescentes

24 Texto 4 24 Grande objetivo: Ajustar a capacidade biológica de produção e a pegada (consumo)

25 25 A mudança necessária: adotar a filosofia da libertação, da recuperação e do ajuste. Uma mudança global é necessária para recompor o tecido da natureza e da sociedade. O primeiro passo é obter boa informação (sistêmica e crítica que considere o passado e os limites da Terra) para analisar o presente e suas tendências de inercia e de câmbio. Depois disso, é preciso desenvolver valores (individuais) e novas atitudes coletivas para se integrar ao fluxo de processos de transformação social no mundo inteiro.

26 Leitura recomendada: Acumulação inicial e acumulação por espoliação continuada 26 edicoes/numero-1-volume-13/acumulacao-por- espoliacao-e-direitos-sociais-critica-do- reformismo


Carregar ppt "AM020-Temas de atualidade Para entender o funcionamento da economia humana: o uso combinado das análises de K. Marx e de H. Odum Prof. Enrique Ortega DEA/FEA/Unicamp."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google