A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Inventário de ciclo de vida do Diesel 5/mar/2007.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Inventário de ciclo de vida do Diesel 5/mar/2007."— Transcrição da apresentação:

1 Inventário de ciclo de vida do Diesel 5/mar/2007

2 Contexto Aquecimento global Biocombustíveis e possível deslocamento de alimentos, populações, água, etc... Demanda por produtos menos agressivos ao meio ambiente Norma ISO Iniciativas variadas dentro da Petrobras

3 1.na identificação de oportunidades para melhorar os aspectos ambientais dos produtos em vários pontos de seu ciclo de vida; 2.na identificação de oportunidades e no auxílio em sua priorização para a melhoria do projeto e do sistema do produto; 3.na identificação daqueles processos, em um sistema de produto, onde ocorrem as maiores utilizações de fluxos de energia e de matérias-primas e emissões, com vistas a promover as melhorias planejadas; 4.avaliar, quantitativamente, os impactos ambientais relacionados aos fluxos do ciclo de vida de um produto; 5.no estabelecimento de um nível básico de desempenho ambiental para um determinado sistema de produto quantificando o uso de matérias-primas, de energia e das emissões para a atmosfera, a água e o solo associados ao sistema, tanto para o sistema completo quanto suas partes; 6.na tomada de decisões na indústria, em organizações governamentais ou não-governamentais (por exemplo, planejamento estratégico, definição de prioridades, projeto ou reprojeto de produtos ou serviços); 7.na seleção de indicadores pertinentes de desempenho ambiental, incluindo técnicas de medição; 8.no fornecimento de dados para a utilização subseqüente, como auxílio à definição de critérios de rotulagem ambiental; 9.no marketing, por exemplo, uma declaração ambiental, um programa de rotulagem ecológica ou uma declaração ambiental de produto; 10.fornecer informações para consumidores sobre as características ambientais de produtos; 11.no auxílio às organizações para obterem uma visão sistemática de sistemas de produtos interconectados; 12.na formulação do objetivo e do escopo de um estudo, na definição e na modelagem dos sistemas a analisar, na coleta dos dados, na análise e no relatório dos resultados; 13.no estabelecimento de opções de política, por exemplo, relativas a processos de aquisição de bens e materiais; 14.nas comparações relativas entre sistemas de produtos, com base em indicadores de categoria selecionados; 15.subsidiar a tomada de decisão para comparar produtos funcionalmente equivalentes e diferentes opções de processos; 16.subsidiar ações que visem à otimização de processos e ao uso racional de materiais, de modo a reduzir os custos e os impactos ambientais dos mesmos; 17.fornecer informações para processos de auditorias; 18.subsidiar as estratégias relacionadas com desenvolvimento e com projetos de novos produtos ambientalmente mais adequados (ecodesign); 19.fornecer informações para políticas de regulamentos e leis quanto à restrição de uso de materiais, apoiando as políticas voltadas aos produtos; 20.avaliar efeitos sobre a disponibilidade de recursos e de técnicas de gestão de resíduos; 21.ajudar o desenvolvimento de políticas de longo prazo, com relação ao uso de materiais, à conservação de recursos e à redução de impactos ambientais durante o ciclo de vida dos produtos; Para que serve análise de ciclo de vida

4 Inventário de ciclo de vida do diesel Inventário nacional de ciclos de vida Projeto piloto do diesel Petrobras, MCT, UnB

5 Obrigado!


Carregar ppt "Inventário de ciclo de vida do Diesel 5/mar/2007."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google