A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MAS-ML Tool: Um Ambiente de Modelagem de Sistemas Multi-Agentes Kleinner Farias Departamento de Informática Pontifícia Universidade.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MAS-ML Tool: Um Ambiente de Modelagem de Sistemas Multi-Agentes Kleinner Farias Departamento de Informática Pontifícia Universidade."— Transcrição da apresentação:

1 MAS-ML Tool: Um Ambiente de Modelagem de Sistemas Multi-Agentes Kleinner Farias kfarias@inf.puc-rio.br Departamento de Informática Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro Rio de Janeiro, RJ – Brasil

2 2 © LES/PUC-Rio Introdução Sistemas Multi-agentes (SMAs) surgiram como uma abordagem promissora para o desenvolvimento de sistemas complexos e distribuídos....necessidade de conhecer o domínio...dificuldade de definir as regras do domínio e restrições Ex.: Software Científico [Kelly, 06] Diane Kelly A Study of Design Characteristics in Evolving Software Using Stability as a Criterion, IEEE Transactions on Software Engineering, Vol. 32, No. 5, May 2006. Modelagem Orientada a Agentes Funciona? Modelagem de Software

3 3 © LES/PUC-Rio Introdução Por que é importante ? –para adotar SMAs na industrias de software é essencial abordagem maduras de modelagem ter linguagem de modelagem bem definidas, ex. MAS-ML ambiente de modelagem de SMAs Dificuldades: –D1: dado o tamanho do metamodelo da linguagem MAS-ML e da UML é particularmente desafiante para desenvolvedores entender e objetivamente fazer uso das mesmas manualmente. –D2: como fazer uso da MAS-ML mesmo tendo pouco conhecimento? –D3: como representar os modelos sem prejudicar a comunicação? –D4: como avaliar se os modelos criados são modelos válidos? C. Lange and M.R.V. Chaudron. Effects of Defects in UML Models - An Experimental Investigation. Proceedings of the 28th International Conference on Software Engineering (ICSE06), May 2006.

4 4 © LES/PUC-Rio MAS-ML Tool Trata-se de um ambiente de modelagem específico de domínio para SMAs Objetivo: reduzir a lacuna entre o domínio do problema e o domínio da solução Desenvolvimento: Metamodelo da MAS-ML Ferramenta de Modelagem Processo MDD - metamodelo da MAS-ML: modelo central e de maior Abstração 5 Etapas

5 5 © LES/PUC-Rio MAS-ML Tool Etapa1: Definição do Modelo de Domínio –Representação do metamodelo da MAS-ML usando EMOF –EMOF: linguagem para especificação de metamodelo Etapa 2: Definição do Modelo Gráfico –definição das entidades e de suas propriedades, assim como de seus relacionamentos que podem ser representados na ferramenta Propriedades UML + MAS-ML Entidades

6 6 © LES/PUC-Rio MAS-ML Tool Etapa 3: Definição do Modelo de Ferramenta –especificação de quais elementos farão parte da paleta da ferramenta Etapa 4: Definição do Mapeamento –modelo de domínio, modelo gráfico, modelo de ferramenta –mapeamento geração de código Etapa 5: Geração da Ferramenta –GMF (Graphical Eclipse Framework ) –EMF (Eclipse Modeling Framework) –GEF (Graphical Eclipse Framework)

7 7 © LES/PUC-Rio MAS-ML Tool Regras de boa formação não respeitadas: (1) todo agente deve ter uma ação (2) todo agente deve ter um objetivo (3) todo agente deve ter um plano (4)e outras. Modelos com Conflitos: (1)Comprometem um típico processo MDD (2)Mau entendimento por parte dos desenvolvedores (3)Levam a introdução de erros em código

8 8 © LES/PUC-Rio MAS-ML Tool Conhecer a linguagem em detalhes (D1 e D2) –conhecer os conceitos e os relacionamentos definidos no metamodelo da MAS-ML e UML –conhecer restrições aplicadas aos elementos do metamodelo –modelo criado manualmente pode apresentar inconsistência ao ponto de torná-lo inválido Dificuldade na representação dos elementos da linguagem (D1 e D3 ) –Para ter uma boa comunicação é fundamental que os modelos sejam de fácil compreensão e entendimento –ambigüidade e inconsistência dos modelos como uma conseqüência do mau uso Benefícios e Limitações

9 9 © LES/PUC-Rio MAS-ML Tool Validação do modelo (D1 e D4) –todo modelo criado deve ser validado em relação às restrições definidas no metamodelo da linguagem –inconsistências não detectadas na criação dos modelos passarão a serem custosas quando identificada na fase de implementação. Limitações –não apresenta geração de código –não implementa todos os diagramas definidos em MAS-ML –necessidade de estudos empíricos para validar a sua usabilidade Benefícios e Limitações

10 10 © LES/PUC-Rio Conclusões e Trabalhos Futuros O uso de linguagem de modelagem para SMAs depende diretamente do desenvolvimento de ferramenta de modelagem Validação dos modelos criados é uma atividade essencial –Caso contrário, a atividade de modelagem torna-se tediosa e custosa A forma como MAS-ML foi projetada facilitou o uso do GMF, EMF e GEF

11 MAS-ML Tool: Um Ambiente de Modelagem de Sistemas Multi-Agentes Kleinner Farias kfarias@inf.puc-rio.br Obrigado


Carregar ppt "MAS-ML Tool: Um Ambiente de Modelagem de Sistemas Multi-Agentes Kleinner Farias Departamento de Informática Pontifícia Universidade."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google