A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ESGB EI2 – EFA 2009/2012. LEI DE OHM Lei mais importante da electricidade. E também a mais conhecida. A Lei de Ohm diz que: A corrente I que passa num.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ESGB EI2 – EFA 2009/2012. LEI DE OHM Lei mais importante da electricidade. E também a mais conhecida. A Lei de Ohm diz que: A corrente I que passa num."— Transcrição da apresentação:

1 ESGB EI2 – EFA 2009/2012

2 LEI DE OHM Lei mais importante da electricidade. E também a mais conhecida. A Lei de Ohm diz que: A corrente I que passa num dado circuito eléctrico, é proporcional à tensão U aplicada e inversamente proporcional à resistência R do circuito I = U / R Desta expressão podemos retirar outras duas que nos permitem calcular o valor de uma grandeza (U ou I) em função das outras duas:

3 Tensão Eléctrica (U) volt (V). voltímetro. A primeira grandeza eléctrica fundamental é a diferença de potencial ou tensão que se representa pela letra U e se exprime na unidade chamada volt (V). Esta unidade mede-se com um aparelho chamado voltímetro. O potencial de um ponto ou de um condutor é a diferença de potencial entre esse ponto ou esse condutor e o potencial que se tome para referência ou nível zero. Todos os aparelhos eléctricos têm algumas características que convém respeitar numa utilização correcta

4 Corrente Eléctrica (I) Quando se fecha um circuito eléctrico isto é, quando se estabelece um caminho fechado, aparece nos condutores e nos restantes componente do circuito uma corrente eléctrica, desde que haja uma diferença de potencial entre as extremidades do circuito. A corrente eléctrica é uma corrente de electrões e estes, como é lógico, podem deslocar-se em maior ou menor quantidade. Esta quantidade de electrões, ou de corrente eléctrica, designa-se por intensidade de corrente, e representa-se simbolicamente pela letra l. Intensidade de corrente é a quantidade de electricidade que passa num ponto de um circuito, na unidade de tempo Os condutores que nos circuitos eléctricos transportam a corrente eléctrica têm uma capacidade máxima de transporte sem perigo de aquecimento excessivo, que depende da sua secção.

5 Resistência Eléctrica (R) Por experiência sabemos que nem todos os materiais se comportam do mesmo modo perante a corrente eléctrica. Uns permitem com muita facilidade a passagem da corrente de electrões livres que constitui essa corrente, como por exemplo os cobre, a prata e o alumínio e chamam-se bons condutores ou simplesmente condutores. Outros oferecem grande dificuldade à passagem da mesma corrente e são maus condutores, como por exemplo o cromo-níquel. Outros, ainda impedem a passagem da corrente eléctrica e dizem-se isoladores, como é o caso do vidro e da cerâmica. Em electricidade chama-se resistência à oposição ao deslocamento da corrente eléctrica. Resistência eléctrica de um condutor, ou de outro corpo qualquer, é a maior ou menor dificuldade que ele apresenta à passagem da corrente eléctrica. 0 Ohms Assim sendo, há que ter a noção de que não existem condutores perfeitos; todos os materiais têm uma resistência eléctrica maior que 0 Ohms. A resistência de um condutor depende essencialmente da natureza do material de que é feito, através de uma sua característica chamada resistividade do material que se

6 Fig. 1 - Condutores óhmicos (obedecem a lei de Ohm) Os condutores que obedecem à lei de Ohm, como é o caso do cobre, designam-se por condutores óhmicos. Estes condutores têm também o nome de condutores lineares, uma vez que o gráfico que relaciona V e I é uma linha recta (que passa pela origem do sistema de eixos coordenados). Dito de outra forma, num condutor óhmico a resistência não depende do valor da intensidade da corrente I que o percorre (ou da diferença de potencial, V).

7


Carregar ppt "ESGB EI2 – EFA 2009/2012. LEI DE OHM Lei mais importante da electricidade. E também a mais conhecida. A Lei de Ohm diz que: A corrente I que passa num."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google