A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Trabalho de Geografia As Guianas As Guianas Prof. : Gilberto Alunas : Gabriela e Elana Data: 02/04/2012.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Trabalho de Geografia As Guianas As Guianas Prof. : Gilberto Alunas : Gabriela e Elana Data: 02/04/2012."— Transcrição da apresentação:

1 Trabalho de Geografia As Guianas As Guianas Prof. : Gilberto Alunas : Gabriela e Elana Data: 02/04/2012

2 Guiana Área: km². População: 439 mil (2004) Capital: Paramaribo. Composição étnica: indianos 37%, eurafricanos 31%, javaneses 15%, afro-americanos 10%, ameríndios 3%, chineses 2%, outros 2% (1996). Idioma oficial: holandês Religião predominante : cristianismo Sistema de governo: República presidencialista. Presidente: Runaldo Venetiaan (NPS) (desde 2000).

3 Histórico: Cheddi Jagan fundou em 1950 o Partido Progressista Popular, grupo político formado principalmente, pela população de origem mestiça, e apresentou um programa de profundas reformas sociais, ao mesmo tempo que se mostrava partidário da independência. O 7 Congresso Nacional Popular, partido dos negros, dirigido por Forbes Burnham e menos radical em suas demandas, conseguiu o apoio da população branca. Jagan ganhou as eleições de 1961, mas vários distúrbios de caráter racial retardaram a Independência. Jagan venceu as novas eleições em Pouco depois, o governador inglês nomeou Burnham como primeiro ministro. Em 1966 o país alcançou sua Independência dentro da Commonwealth. Em 26 de maio de 1966, a Guiana foi declarada Estado independente e, em 23 de fevereiro de 1970, proclamou a república. Até o ano de 1990, o país foi governado na maior parte por governos socialistas.

4 Fatos recentes: Em 1988, Ramsewak Shankar assume a Presidência, e Arron volta a ser primeiro-ministro. Os militares tomam novamente o poder em 1990, com Johan Kraag como presidente provisório. Bouterse, que se afastara do comando do Exército uma semana antes do golpe, retorna em seguida. Em resposta à pressão internacional, novas eleições ocorrem em 1991, que dão vitória à coligação oposicionista Nova Frente (NF). Seu líder, Runaldo Venetiaan, do Partido Nacional do Suriname (NPS), é eleito presidente pela Assembleia.

5

6 GUIANA FRANCESA Área: km². População: 178 mil (2003). Capital: Caiena. Idioma oficial: francês. Religião predominante: Catolicismo. Sistema de Governo: Jacques Chirac, chefe de Estado desde maio de Pierre Dartout, prefeito nomeado pela França. Parlamento regional (órgão consultivo) formado por um conselho Geral de 19 membros e um Conselho Regional de 31 integrantes. O Departamento tem dois representantes na Assembleia Nacional e dois no Senado da França. Presidente: A Guiana Francesa é uma colônia francesa e por isso não tem presidente próprio

7 Histórico: Formalmente, a Guiana francesa é um departamento de Ultramar desde Em 1967, a França instalou o Centro Nacional de Estudos Espaciais, onde trabalham mais de 1,3 mil técnicos estrangeiros, com salários de Primeiro Mundo, assim como cerca de 1,5 mil guianenses franceses. Durante a década de 1970, os movimentos autonomistas ganharam relevância e o Partido Socialista da Guiana (PSG) passou a ser majoritário no abio local. No começo dos anos 80, grupos armados locais realizaram atentamente contra objetivos colonialistas, mas as tensões decresceram com a vitória dos socialistas na França, em Na I Conferências das Últimas Colônias Francesas, realizada em Guadalupe, em 1985, a facilidade com que concediam vistos e nacionalidade francesa aos recém chegados do Leste asiático foi duramente criticada, haja vista a perseguição e discriminação sofridas pelos haitianos e brasileiros, culturalmente mais próximos.

8 Fatos recentes: Em 1990, a França anunciou um plano de cooperação regional para o Caribe, incluindo uma ajuda financeira que só chegou aos 2,8 milhões de dólares. Em 1992, a crise econômica persistente provocou uma greve geral de uma semana, convocada por sindicatos e empresários. Em novembro de 1997, o presidente francês, Jacques Chirac, anunciou um plano de desenvolvimento para a Guiana Francesa, após reconhecer a situação econômica crítica da possessão sul-americana. Em 1º de abril de 1998, André Levante foi nomeado presidente do conselho Geral da Guiana, a principal instância legislativa guianense. (Enciclopédia do mundo contemporâneo, 2000)

9

10 SURINAME Área: km². População: 439 mil (2004) Capital: Paramaribo. Composição Étnica: surinamesa; composição: indianos 37%, eurafricanos 31%, javaneses 15%, afro-americanos 10%, ameríndios 3%, chineses 2%, outros 2% (1996). Idioma oficial: holandês Religião predominante: cristianismo Sistema de Governo: República presidencialista. Presidente: Runaldo Venetiaan (NPS) (desde 2000).

11 Histórico: Quando os europeus desembarcam, no século XVI, a região é habitada por índios aruaques, tupis e caraíbas. Os espanhóis exploram o litoral, em 1492, mas não o colonizam, em virtude da resistência dos nativos. Os primeiros colonizadores a se estabelecer, em 1651, são os ingleses, que logo passam a rivalizar com os holandeses. Em 1667, a Inglaterra cede o território à Holanda em troca da cidade de Nova Amsterdã (atual Nova York, nos Estados Unidos), mas o domínio holandês só se consolida em 1815, pelo Congresso de Viena. Os holandeses desenvolvem a cultura da cana-de- açúcar e, mais tarde, do café, valendo-se da mão-de-obra escrava. Foragidos para o interior, muitos escravos restabelecem o sistema tribal africano – dando origem aos atuais boschnegers, cerca de 10% da população, negros de fala holandesa. Com a abolição da escravidão, em 1863, a mão-de-obra é substituída por imigrantes indianos, indonésios e chineses. Conflitos entre as etnias dificultam o surgimento de uma consciência nacional na Guiana Holandesa. O país ganha autonomia em 1954 e se torna independente em 1975, com o nome de Suriname. Cerca de 40 mil surinameses emigram para a Holanda, deixando o novo Estado com pouca mão-de-obra qualificada.

12 Fatos Recentes: Guiana e Suriname firmam acordo em 2001 com o objetivo de explorar conjuntamente petróleo e gás em área disputada pelas duas nações. Em 2002, a Holanda envia especialistas ao Suriname para auxiliar nas investigações sobre as mortes de A Justiça surinamesa determina a exumação dos restos mortais das 15 vítimas. Em junho de 2004, a 10Organização das Nações Unidas (ONU) estabelece um tribunal para tentar resolver as disputas de fronteiras marítimas entre o país e a Guiana.

13

14


Carregar ppt "Trabalho de Geografia As Guianas As Guianas Prof. : Gilberto Alunas : Gabriela e Elana Data: 02/04/2012."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google