A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A arte literária. A literatura como expressão artística, busca a expressão do belo, com a finalidade de provocar prazer estético e gozo intelectual. Seu.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A arte literária. A literatura como expressão artística, busca a expressão do belo, com a finalidade de provocar prazer estético e gozo intelectual. Seu."— Transcrição da apresentação:

1 A arte literária

2 A literatura como expressão artística, busca a expressão do belo, com a finalidade de provocar prazer estético e gozo intelectual. Seu elemento essencial é a palavra. Literatura deriva da palavra grega littera, cujo significado é letra, palavra escrita. Ao fazer literatura, o escritor a faz por meio do uso criativo das palavras.

3 A arte literária O escritor realiza inúmeras combinações, com as palavras, utilizando elementos sonoros, imagéticos, sintáticos e formais, provocando efeitos variados, inclusive de jogo, ludismo, brincadeira. Procura-se, por meio da literatura, uma nova forma de expressar a realidade que nos cerca. Essa realidade criada pelo autor se apresenta por meio de regras próprias.

4 A arte literária Conotação: exploração das potencialidades da palavra: palavra polivalente, aberta a várias interpretações. Novidade: desvio do emprego norma, usual da palavra, causando estranhamento. Isso solicita atenção e sensibilidade do leitor para compreender não somente as palavras, mas também os recursos utilizados.

5 A arte literária Estruturação: modo peculiar de organização, combinação de aspectos linguísticos, imagéticos, sonoros, sintáticos, formais dentro do texto. Ludismo: capacidade de brincar com a linguagem e a estrutura do texto, provocando múltiplos arranjos, simetria, jogo de ideas, de sentidos e de sons.

6 A arte literária Ficcionalidade: literatura é ficção, uma criação baseada na imaginação do autor. De acordo com sua visão de mundo, cria uma suprarrealidade, um universo particular, imaginário, regido por leis internas, próprias do texto criado.

7 A arte literária Verossimilhança: a suprarrealidade criada pelo autor precisa parecer verdadeira. É a possibilidade de poder ser ou poder acontecer. Verossimilhança interna (a mais importante): coerência interna, entre o que o texto diz e suas estruturas (causalidade, personagens, etc.); pode tornar-se incoerente, sem sentido. Verossimilhança externa: regras do bom senso; se faltar verossimilhança externa, caímos no domínio do fantástico, do estranho, do maravilhoso. Ex.: acontecimentos que não são explicados por leis de nosso mundo familiar.

8 A arte literária Predomínio da função poética da linguagem. Subjetividade: A obra de arte é aberta, podendo gerar pois diversas interpretações. Plurifuncionalidade: a linguagem literária mescla diversas funções: estética, lúdica, cognitiva, catártica, pragmática (ideológica).

9 Quando os teus olhos me olharam, Senti-me no paraíso, Sob a luz do teu sorriso, Ai! quantos anjos cantaram! Aqueles que muito amaram, Viveram no paraíso… Eu vivi no teu sorriso Quando os teus olhos me olharam. Tu não sabes por que a lua É triste e nunca sorri… Mas que ingenuidade a tua! Os poetas moram ali. Perguntas-me se teus olhos São do céu ou são do mar, São do mar, poIs têm escolhos Onde eu me fui naufragar. Mas tuas pupilas (vê-las É mais do que ver o luar) São o céu, pois tem estrelas Que não cessam de brilhar.

10 Estrellas Singelas, Luzeiros Fagueiros, Esplendidos orbes, que o mundo aclarais! Desertos e mares, - florestas vivazes! Montanhas audazes que o céo topetais! Abysmos Profundos! Cavernas Eternas! Extensos, Immensos Espaços Azues! Altares e trhonos Humildes e sabios, soberbos e grandes! Dobrai-vos ao vulto sublime da cruz! Só ella nos mostra da gloria o caminho, Só ella nos falla das leis de - Jesus!

11 Alguns poemas

12

13

14 A arte literária A obra literária pode estar mais distante ou próxima da realidade de acordo com o escritor. Esse grau de distância caracteriza o verossímil ou o inverossímil. Dentro da obra literária há a criação de um ambiente com base lógica, mesmo que essa lógica não coincida com aquela da vida real.

15 A arte literária O autor pode optar por fugir dos padrões da lógica da realidade externa e produzir uma obra inverossímil. O leitor sabe que o que está lendo não se parece com o real e aceita a suprarrealidade, por ver coerência interna. A literatura fantástica, cujo marco no Brasil é a década de 1940, está diretamente ligada a inverossimilhança.

16 A arte literária A literatura é universal, está ao alcance de todos que estão abertos para uma leitura mais sensível do mundo, uma vez que os textos literários apresentam um mundo peculiar, próprio. Além do gozo intelectual e do prazer estético, aprende-se, com a literatura, muito sobre a humanidade.

17 A arte literária Conhece-se o passado, o presente e as projeções para o futuro. Como manifestação cultural, a literatura reflete sobre os valores, os costumes, as regras, a moral e a ética de uma época, pois se prende, de alguma forma, ao período em que foi produzida.

18 A arte literária Os escritores são indivíduos inseridos em sua comunidade. Por isso, por meio de seus sonhos, desejos, decepções, podem favorecer a formação ideológica dos seus leitores. A função da linguagem predominante no texto é a poética, que atribui sentidos subjetivos às palavras para se alcançarem efeitos especiais de expressão e atingir a sensibilidade de quem lê.

19 A arte literária A literatura se vale também outras funções da linguagem, expressando a dimensão estética, a lúdica, a cognitiva, a catártica, a doutrinária, etc.


Carregar ppt "A arte literária. A literatura como expressão artística, busca a expressão do belo, com a finalidade de provocar prazer estético e gozo intelectual. Seu."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google