A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Unificação de Códigos de Participantes Dezembro/2009.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Unificação de Códigos de Participantes Dezembro/2009."— Transcrição da apresentação:

1 Unificação de Códigos de Participantes Dezembro/2009

2  Objetivo  Justificativa  Premissas  Impactos – Cadastro, Garantias, Custódia e Risco – Liquidação – Negociação – BM&F Serviços Agenda Unificação de códigos

3 Igualar os códigos dos participantes em ambos os segmentos para permitir a unificação das interfaces de negociação e futuras integrações de sistemas  Não haverá mudança nos códigos operacionais dos participantes do segmento Bovespa.  Apenas serão alterados os códigos dos participantes BM&F que forem diferentes do segmento Bovespa.  O participante do segmento BM&F que não fizer parte do Bovespa manterá seu código atual somente se esse código nunca tiver sido usado, caso contrário, receberá novo código. Unificação de códigos Objetivo

4  A maior parte dos participantes já atua em ambos os segmentos.  O dígito verificador das contas dos investidores do segmento Bovespa leva em consideração o código do participante.  O volume de posições do segmento Bovespa é grande, o que implica esforço e risco elevados na transferência de posições e garantias. Unificação de códigos Justificativa para a solução adotada

5 ▪ As alterações de códigos ocorrerão sempre às sextas-feiras, contudo os participantes iniciam suas atividades com o novo código nas segundas- feiras. ▪ Não haverá alteração nas contas dos clientes e nos vínculos dos intermediários e dos PLD. ▪ Não haverá alteração nos logins, senhas e acessos, exceto para usuários do Sisbex. ▪ Não haverá troca de códigos no último e no primeiro dia útil do mês. Premissas Unificação de códigos

6 ▪ A BM&FBOVESPA será responsável pela transferência das contas, dos vínculos de repasse e de PLD, das posições e das garantias, sempre que aplicável.  Os participantes que utilizam o Sinacor terão apoio da equipe da BM&FBOVESPA responsável por esse sistema.  Alteração de código de PLD não afetará os intermediários que realizam seus negócios e vice-versa. Premissas Unificação de códigos

7 A alteração será mandatória para:  Câmara de Derivativos • Corretora de Mercadorias. • Participante com Liquidação Direta (PLD). • Membro de Compensação. • Corretora Especial. • Operador Especial • Operador Especial Agrícola ▪ Câmara de Câmbio • Intermediário de Câmbio. ▪ BBM • Corretora Comodatária do Associado Instituidor. Premissas Unificação de códigos

8 A alteração será opcional e por decisão dos participantes para:  Câmara de Ativos • Participante de Negociação de Ativos (PNA) • Administrador (ADM) • Custodiantes (CST) • Membro de Compensação • Máster de Participante com Liquidação Centralizada (PLM) • Participante com Liquidação Centralizada (PLC) Premissas Unificação de códigos

9 Neste momento não haverá alteração para:  Câmara de Derivativos • Banco Liquidante • Armazém • Usina  Câmara de Câmbio • Banco Participante  Câmara de Ativos • Banco Liquidante • Mensageiro Unificação de códigos Premissas

10 Os procedimentos de alterações de códigos nos sistemas da BM&FBOVESPA serão efetuados pela própria Bolsa. Unificação de códigos CadastroGarantiasCustódiaRisco Áreas sem impacto

11 Unificação de códigos Liquidação AtivosCâmbio Áreas sem impacto As alterações dos códigos operacionais dos participantes nos sistemas da BM&FBOVESPA serão efetuados pela própria Bolsa– sem impacto na liquidação dos participantes na segunda-feira.

12 Câmara de Derivativos – sexta-feira Liquidação Unificação de códigos  Todas as negociações serão realizadas com o código antigo, inclusive no after- market.  Os relatórios e arquivos extraídos terão o código antigo do participante.  A transferência de negócios e posições (pregão – futuros, termo e opções) e o registro de balcão (swap e opções flexíveis) serão automatizados e processados pela BM&FBOVESPA após o fechamento do after-market e das especificações das operações do dia.  No ranking das corretoras do mês vigente e no ranking anual será migrado todo o volume do código operacional antigo do participante para o novo.  Na entrega física, serão convertidos os avisos e os faturamentos dos códigos operacionais antigos do participante para os novos.

13 Câmara de Derivativos – segunda-feira Liquidação Unificação de códigos  A negociação será realizada com o novo código.  A posição estará consolidada no novo código.  A liquidação será realizada com o novo código.  Os relatórios e arquivos estarão disponíveis no novo código operacional.  A taxa de permanência / IR não será descarregada nas trocas dos códigos.  No sistema de relatórios e arquivos, o participante visualizará todos os relatórios e arquivos do código antigo e os relatórios para o novo código.

14 Negociação Unificação de códigos Alteração no sistema GTS CLIENT  O participante deverá mudar seu código. Câmara de Derivativos – segunda-feira Antigo (De)Novo (Para)

15 Negociação Unificação de códigos Alteração no sistema GTS CLIENT  O participante deverá mudar seu código. Câmara de Câmbio – segunda-feira Antigo (De)Novo (Para)

16 Negociação Unificação de códigos Alteração em Sessões FIX de envio de ordens Envio do novo código na tag corretora executora (entering firm) conforme descrito nas seções “gerenciamento de ordens” e “identificação de DMA” do documento BELL-BM&FBOVESPA Electronic Link – Regras de Uso FIX Câmara de Derivativos e Câmbio

17 Negociação Unificação de códigos  Providenciar a alteração da tag da corretora e DMA, conforme exemplo a seguir. Informações que devem ser enviadas quando DMA Informações que devem ser enviadas quando operação pela MESA Obrigatório tag 78 = “1” tag 79 = “Código do Cliente” or “PLD” or “Conta Master” tag 661 = 99 Importante: Para Vinculo de Repasse não enviar essas tags. Opcional tag 78) = “1” tag 79 = “Client Code” tag 661 = 99 Importante: Para Vinculo de Repasse não enviar essas tags. Obrigatório PartyID (tag 448) = “NOVO NUMERO DA CORRETORA” PartyIDSource (tag 447) = “D” PartyRole (tag 452) = 7 (entering firm) PartyID (tag 448) = “Sender Location (3 letras)” PartyIDSource (tag 447) = “D” PartyRole (tag 452) = 54 (Proprietary Custom Code) PartyID (tag 448) = “xxx”(Código de operador registrado na Corretora) PartyIDSource (tag 447) = “D” PartyRole (tag 452) = 36 (Entering Trader) Obrigatório PartyID (tag 448) = “NOVO NUMERO DA CORRETORA” PartyIDSource (tag 447) = “D” PartyRole (tag 452) = 7 (entering firm) PartyID (tag 448) = “BMF” (Valor Fixo) PartyIDSource (tag 447) = “D” PartyRole (tag 452) = 54 (Proprietary Custom Code) PartyID (tag 448) = “AAA” (Código de operador GTS: 3 letras) PartyIDSource (tag 447) = “D” PartyRole (tag 452) = 36 (Entering Trader) Para Vinculo Repasse adicionar: PartyID (tag 448) = “Conta de Vinculo de repasse” PartyIDSource (tag 447) = “D” PartyRole (tag 452) = 40 (Transfer to Firm) TradeAllocIndicator (tag 826) = 1 Para Vinculo Repasse adicionar: PartyID (tag 448) = “Conta de Vinculo de repasse” PartyIDSource (tag 447) = “D” PartyRole (tag 452) = 40 (Transfer to Firm) TradeAllocIndicator (tag 826) = 1 Câmara de Derivativos e Câmbio

18 Negociação Unificação de códigos Alterações no sistema Sisbex – módulo de administração  A BM&FBOVESPA realizará a instalação do sistema durante a semana que precede a alteração e fornecerá nova senha de acesso para o usuário administrador Sisbex na sexta-feira.  O usuário administrador cadastrará e gerará novas senhas para os operadores, após o fechamento do pregão. Câmara de Ativos – sexta-feira

19 Negociação Unificação de códigos Alteração no sistema Sisbex - módulo de administração  O usuário administrador definirá permissões para os operadores após fechamento do pregão Câmara de Ativos – sexta-feira

20 Negociação Unificação de códigos Alteração no sistema Sisbex - módulo de administração  O usuário administrador definirá limites globais para cada operador, após fechamento do pregão. Câmara de Ativos – sexta-feira

21 Negociação Unificação de códigos Alteração no sistema Sisbex - módulo de operação  Operador acessará o ícone ofertas, selecionará as rodas de negociação e então criará um novo escritório. Câmara de Ativos – segunda-feira

22 Negociação Unificação de códigos Os vendors e os traders que convertem o código para o nome da corretora deverão fazer as alterações do código antigo para novo.

23 BM&F Serviços Unificação de códigos Alteração no sistema BM&F Serviços – segunda-feira  Em todas as instalações do BM&F Serviços do participante, deve ser utilizado o novo código ao realizar o login nos sistemas.  Clicar no checkbox “Requisita participante no logon” para liberar a edição do campo.  Alterar o código do participante para o novo código

24 Recomendações aos participantes Unificação de códigos  Enviar ordens para o GTS (GTS Client, GL WIN e mensagens FIX) antes da abertura de negociação na segunda-feira com retorno esperado de rejeição da ordem.  Consultar negócios oriundos do after-hours da Câmara de Derivativos via BM&F Serviços com o novo código de participante.  Validar acesso aos relatórios e arquivos oriundos da negociação do dia anterior através dos sistemas de Transferência de Arquivos e Relatórios. Nos acessos aos sistemas do segmento BM&F na segunda-feira, utilizar o novo código Realizar validações para o front-office e back office

25


Carregar ppt "Unificação de Códigos de Participantes Dezembro/2009."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google