A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

GLOBALIZAÇÃO CRESCIMENTO POPULACIONAL INCREMENTO DO MERCADO INTERNACIONAL FLUXOS MIGRATÓRIOS TRANSIÇÃO EPIDEMIOLÓGICA PROPAGAÇÃO DE VETORES E RESERVATÓRIOS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "GLOBALIZAÇÃO CRESCIMENTO POPULACIONAL INCREMENTO DO MERCADO INTERNACIONAL FLUXOS MIGRATÓRIOS TRANSIÇÃO EPIDEMIOLÓGICA PROPAGAÇÃO DE VETORES E RESERVATÓRIOS."— Transcrição da apresentação:

1

2 GLOBALIZAÇÃO CRESCIMENTO POPULACIONAL INCREMENTO DO MERCADO INTERNACIONAL FLUXOS MIGRATÓRIOS TRANSIÇÃO EPIDEMIOLÓGICA PROPAGAÇÃO DE VETORES E RESERVATÓRIOS DISSEMINAÇÃO DE AGENTES PATOGÊNICOS DEGRADAÇÃO AMBIENTAL

3 Notifica / Resposta a Eventos de Saúde Pública Vigilância em Pontos de Entrada

4 Modelos explicativos na epidemiologia das doenças transmissíveis Fatores correlacionados na transmissão de doenças População Urbanização Agricultura Desmatamento Clima Migração/ Turismo animais Vetores Doentes

5 Doenças avaliadas pelo instrumento de decisão Cólera Peste pneumônica Febre Amarela Febre Hemorrágicas Virais (Ébola, Lassa e Marburg) Outras doenças de interesse nacional/regional Notificar o evento sob o Regulamento Sanitário Internacional Algoritmo Impacto na saúde pública Inusitado e/ou inesperado Propagação internacional Restrição: viagem ou comércio Doenças de notificação obrigatória Varíola Poliomielite por poliovirus selvagem Influenza humana por novo subtipo SARS Evento de potencial importância de saúde pública internacional, incluindo aqueles por causa ou fonte desconhecida Anexo II: algoritmo de decisão para avaliação e notificação de eventos

6 RNC 2004 Aug 04 West Nile Virus Aug-Nov 02 SARS Mar-Aug 03 Monkey Pox June-Aug 03 Northeast Blackout Aug 03 California Wildfires Oct-Nov 03 Ricin Tularemia Anthrax Oct-Nov 03 BSE Dec 03 Avian Influenza Jan-Mar 04 Guam Typhoon Feb 04 Ricin Domestic Response Feb 04 G8 Summit June Summer Olympics June 04 DNC 2004 July 04 Hurricanes (Charley, Frances, Ivan, Jean) Aug-Oct 04 West Nile Virus Aug-Nov 04 Influenza Vaccine Shortage Oct 04-Present Tsunami Dec 04- Present World Trade Center Sept 2001 Anthrax Attacks Oct-Nov 01 Influenza Sept 03 Hurricane Isabel Sept 03 Hurricane Katrina Aug. 05 Marburg Virus Mar 05- Present Hurricane Rita Sept. 05 Avian Influenza Jan 06-Present Estratégias Internacionais – CDC Mobilização em emergências em saúde pública

7 Mundo – Década de 80 – Aids EUA e Europa – 1986 a Tuberculose Américas – Década de 80 - Dengue e cólera EUA – Síndrome Hemolítica Urêmica (E.coli O157:H7) Reino Unido – 1999 – Variante da Encefalite Espongiforme Humana. Mundo – Década 50 e 90 - Resistência antimicrobiana (S.aureus) EUA – 2001 – Antraz Mundo – Síndrome Respiratória Aguda Grave EUA – 1999 a Febre do Nilo Ocidental Ásia – 2004 até hoje – Influenza aviária de alta patogenicidade. Doenças emergentes e reemergentes no mundo

8 Doenças emergentes e reemergentes no Brasil MG – Nefrite epidêmica. Brasil Febre amarela silvestre (GO, BA, SP); MG – 2001, 2002 e 2003 – Febre amarela silvestre Brasil – Síndrome Respiratória Aguda Grave RS – 2003 – Epizootia (vírus amarílico) SC – Surto de doença de Chagas aguda TO – Surto de oftalmia de etiologia desconhecida SP – 2006 – surto da febre de Saint Louis

9 Vigilância de Emergências em Saúde Pública Fontes não oficiais de informações “rumores” Verificação Instrumento de decisão Fontes oficiais de informações

10 Vigilância de Emergências em Saúde Pública Fontes não oficiais de informações “rumores” Verificação Instrumento de decisão Fontes oficiais de informações

11 CODIGO SANITÁRIO INTERNACIONAL

12 Finalidade e alcance do RSI (2005) Prevenir, proteger e controlar a propagação internacional de doenças, dar uma resposta de saúde pública proporcionada e restrita aos riscos em saúde pública, evitando ao mesmo tempo as interferências desnecessárias com o tráfego e comércio internacionais

13 Emergências de Saúde Pública de Importância Nacional ou Internacional (ESPIN ou ESPII)

14

15

16

17 ANVISA Fiocruz / INCQS Conselho Nacional de Saúde Ministério da Saúde Vigilância em Saúde Estaduais LACENS Conselho Estadual de Saúde Vigilâncias em Saúde Municipais Conselho Municipal de Saúde Secretaria Municipal de Saúde Secretaria Estadual de Saúde Medicamento Atenção Básica Rede de Assistência à Saúde SUS

18 Fluxo de informações Federal Padrão morbidade Epidemias FEDERAL ESTADUAL MUNICIPAL Sistema de Saúde Local - SUS AnvisaSVS CIEVS CVPAFSES Morbidade Epidemias População Ambiente Sistema: Produtivo Cultural Político Outros fatores Situação de saúde local SMS LACEN Hospital de referência Outras unidades PVPAF Pontos de entrada Porto, Aeroporto e Fronteira Situação de saúde internacional Áreas afetadas: Viajantes, meios de transporte e produtos

19 Acesso a serviço médico Equipamentos e profissionais para realizar o transporte de viajantes enfermos Profissionais capacitados para a inspeção de meios de transporte Ambiente seguro: agua, alimento, residuos sólidos e dejetos Programa para o controle de vetores Capacidades Básicas permanentes Vigilância em Portos, Aeroportos e Fronteiras

20 Plano de contingencia para emergência de saúde pública Espaço para avaliação e cuidados à saúde dos viajantes afetados Espaço separado de outros viajantes - entrevistas a pessoas suspeitas Local para avaliação e quarentena Condições para aplicação de medidas: desinsetização, descontaminação, desinfecção Aplicação de medidas de controle na entrada /saída de viajantes EPIs para os profissionais envolvidos com a atenção ao viajante suspeito Capacidades Básicas para resposta a ESPII

21 Fluxo de informações estratégicas: Notícia na mídia, informes epidemiológicos EventosRumores Notifica É uma anormalidade clínica? É informação sobre evento de saúde? Ausência de informações? Preenche e envia de imediato TCSV Preenche formulário semanal Preenche formulário semanal negativo Técnico responsável CVSPAF TCSV imediato/ Semanal consolidado Envía para: Problema resposta imediata? Avalia e sintetiza Reunião semanal CIEVS GGPAF Notificação imediata CIEVS S S S S N N N N

22 Fluxo de informações estratégicas: A informação é avaliada na reunião semanal do CIEVS Evento É uma emergência em saúde pública? É informação sobre área afetada?: Ausência de Informações? Analisa capacidades e estabelece prioridades Envia informe semanal das áreas afetadas no sítio Eletrônico da Anvisa SISPAFRA: Ausência de informação na semana Técnico responsável CVSPAF Coordena o plano de contingência Realiza a supervisão da aplicação das medidas de rotina Executa as ações S S S N N N PVSPAF CIEVS identifica emergencia em saúde pública Sites oficiais (OMS, CDC, etc.) e não oficiais Eventos de saúde pública em PAF

23 SECRETÁRIO ESTADUAL DE SAÚDE-PR SUPERINTENDÊNCIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE DEPARTAMENTO DE VIGILÂNCIA E CONTROLE DE AGRAVOS ESTRATÉGICOS CENTRO DE INFORMAÇÕES ESTRATÉGICAS E RESPOSTA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE- CIEVS DIREÇÃO GERAL

24 CIEVS- PR Objetivos  Investigação surtos/epidemias e eventos em saúde  Pesquisas epidemiologicas  Auxiliar na análise de informações em saúde  Análise de informações de saúde  Divulgação de informações em saúde  Gerenciar atividades de campo(equipes multiprofissionais)  Capacitação de profissionais de saúde Equipe de campo Unidade de informação Redundância da informação Verificar junto a área técnica veracidade da informação; Realização de reuniões técnicas Monitoramento da informação Relatórios Projetos de Pesquisas Articulação inter e intra institucional

25 Centro de Informações Estratégicas e Resposta em Vigilância em Saúde – CIEVS-PR Unidade de Investigação de Campo Saúde do viajante Rede Estadual e Nacional de Alerta e Respostas às Emergências Regulamento Sanitário Internacional CIEVS-PR Capacitação Sub- Rede CIEVS-PR Monitoramento de eventos Inusitados e emergências Pesquisas epidemiológicas Febre amarela Influenza pandêmica

26 Centros de Orientação de Viajantes Vigilância em Pontos de Entrada

27 Integralidade Universalidade Regionalizado Descentralizado Equidade Hierarquizado VIAJANTE

28 Telefones: 24 h do dia ou (41) Horário comercial: (41) fax: Site: Mídia escrita e falada Redundância

29 Lista de Verificação de Emergências (LVE-WEB)


Carregar ppt "GLOBALIZAÇÃO CRESCIMENTO POPULACIONAL INCREMENTO DO MERCADO INTERNACIONAL FLUXOS MIGRATÓRIOS TRANSIÇÃO EPIDEMIOLÓGICA PROPAGAÇÃO DE VETORES E RESERVATÓRIOS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google